Contábeis o portal da profissão contábil

11
Dec 2017
09:17

Empresarial

Crise – O Problema em não planejar

Um dos erros mais comuns em dias de crise é a falta de planejamento, neste artigo iremos ver algumas dicas e informações importantes.

16/02/2017 10:46

1.493 acessos

É notável que basicamente todos nós estamos sofrendo com algum ponto na crise, muito disto é resultante de uma falta de planejamento estratégico pessoal.

Mas o que seria planejar? De acordo com a língua portuguesa: “Planejamento é uma palavra que significa o ato ou efeito de planejar, criar um plano para otimizar a alcance de um determinado objetivo.”

Por que planejar? Planejar me traz algum resultado?

É suma importância o planejamento, ainda mais em tempos de crise. O método mais utilizado e se não o mais importante é o planejamento financeiro, embora possa se utilizar o termo planejar em qualquer tipo de ocasião. Erros comuns no planejamento financeiro é não definir metas e nem classificar receitas x despesas, embora pareça estranho um planejamento financeiro não ocorrer classificação de entradas x saídas, incrivelmente isso ocorre. Para um pontapé inicial e como dica é claro, uma maneira viável e segura é classificar as receitas pelo método de caixa (apenas o que receber) e as despesas pelo método de competência (quando ocorrer o fato) desta maneira irá lhe garantir até mesmo um controle mais cauteloso das suas finanças, vale lembrar que quaisquer que sejam as despesas variáveis devem ser incluídas neste relatório.

Afinal, planejar me traz algum resultado? Bom, planejar não significa 100% que você terá sucesso, mas significa 100% que você terá chances de obter erros. Logo é melhor prevenir do que futuramente ter recorrer a medidas drásticas para se resolver, como empréstimos, financiamentos, onde que destes tem rotatividades de juros exorbitantes.

Outras dicas importantes são:

Acompanhar com frequência o planejamento – se não houver uma mensuração tempestiva, ou até mesmo controle das mudanças há uma chance demasiada que seu planejamento venha a ser sem sentido por assim dizer.

Considerar riscos – é de grande valia se atentar a esta informação, pois em tempos de crise o que mais se espera é algum risco inesperado, como por exemplo: alta de valores, queda de investimentos, dívidas aleatórias, dentre outros. Então nunca se pode esquecer de tal fato.

Contasse que planejar realmente faz parte do nosso cotidiano, embora seja pouco utilizado por nós, mas é uma ferramenta capaz de nos guiar em tempos difíceis, ou até mesmo em ocasiões que requerem tais atenções.

Copyright © 2016 por Kaík Rodrigues Vieira. Todos os direitos reservados.

 

 

 

 

Escrito por

Kaik Rodrigues Vieira

Perito Judicial e Consultor Contábil, CRC ES-0021187/O, Acesse: http://krvconsultor.wix.com/home

MATÉRIAS RELACIONADAS

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso. Página carregada em 0.05 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César