Contábeis o portal da profissão contábil

14
Aug 2018
10:53
DIA 13 SEGUNDA

O Maior Evento Online Brasileiro de Contabilidade

Gratuito 100% online

VEJA AS PALESTRAS DE HOJE

DIA 13 SEGUNDA

13 a 17 de agosto de 2018

www.conbcon.com.br

O Maior Evento Online Brasileiro de Contabilidade

100% online Gratuito
Luiz Fernando Nóbrega

Luiz Fernando Nóbrega

Normas Contábeis

O que é Compliance e como usá-lo na mitigação de riscos profissionais

Vanildo Veras

Vanildo Veras

Empreendedorismo

Excelência ou sorte, eis a questão

Marcelo Voight Bianchi

Marcelo Voight Bianchi

Gestão Empresas Contábeis

Empresa Contábil: Um Grande Negócio do Século XXI

Jesse Gerva

Jesse Gerva

Empreendedorismo

16:00 - ao vivo - A arte da Influência

Gilberto Cunha

Gilberto Cunha

Empreendedorismo

Quero comprar de você

Fernanda Rocha

Fernanda Rocha

Empreendedorismo

Contabilidade Consultiva: o Caminho da Riqueza e da Prosperidade

Adriano Vermolhem

Adriano Vermolhem

Gestão Empresas Contábeis

Marketing Digital na prática para Escritório Contábeis

Gabriel Manes

Gabriel Manes

Tecnologia

Metodologia de Contabilidade Digital: como conquistar produtividade, satisfação do cliente e crescimento

José Augusto Picão

José Augusto Picão

Tributário e Trabalhista

EFD-Reinf Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais

Divane Alves

Divane Alves

Normas Contábeis

Normas Contábeis - Surgimento e Aplicação

Cláudio Miranda

Cláudio Miranda

Formação Profissional

Turnover de pessoal e qualidade de vida no trabalho nas Empresas de Auditoria Externa

Fátima Roden

Fátima Roden

Tributário e Trabalhista

Alterações a partir de 2018 em relação ao ISS e ISS fixo no Simples Nacional

Domingos Vasco

Domingos Vasco

Tributário e Trabalhista

Aspectos Legais e Gerais do eSocial

Christiano Santos

Christiano Santos

Normas Contábeis

CPC/IFRS 17 Contratos de Seguros

Fernando Almeida

Fernando Almeida

Formação Profissional

Como elaborar um projeto de pesquisa?

Alizete Alves

Alizete Alves

Tributário e Trabalhista

16:00 - eSocial - Impactos e ações para uma entrega de sucesso

Simoní Pechebela

Simoní Pechebela

Tributário

Código GTIN validação e obrigatoriedade aplicada a NF-e e NFC-e

Isis Abbud

Isis Abbud

Empreendedorismo

Contadores conseguem inovar?

José Luiz Fondacaro

José Luiz Fondacaro

Tributário e Trabalhista

Fim do Emissor do Cupom Fiscal - E Agora?

Rogério Fameli

Rogério Fameli

Gestão Empresas Contábeis

Marketing Digital de Performance e Captação de Clientes de Contabilidade

Vinicius Roveda

Vinicius Roveda

Tecnologia

Transformação do mercado contábil: de 2015 a 2020

Hélio Donin

Hélio Donin

Tecnologia

Contabilidade e as ferramentas tecnológicas da atualidade

Paulo Vaz

Paulo Vaz

Gestão Empresas Contábeis

Contabilidade Digital e on-line: Aspectos de Estratégicos

Gilmar Duarte

Gilmar Duarte

Gestão Empresas Contábeis

Honorários Contábeis: Segredos da precificação

Mauro Negruni

Mauro Negruni

Tributário

Resultados do novo modelo da DCTFWeb

Ricardo Rios

Ricardo Rios

Normas Contábeis

IFRS 16 - Contratos de Arrendamento Mercantil - Leasing

PERDEU AS PALESTRAS DE ONTEM? CLIQUE AQUI

MAIS PALESTRAS DE HOJE

« »

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Beneficio Social

26respostas
11.120acessos
  

Silvana Lopes

Usuário 4 Estrelas Novas

profissão
mensagens357
pontos2.501
membro desde15/01/2013
cidadeSao Bernardo do Campo - SP
Postada:Segunda-Feira, 7 de março de 2016 às 08:51:16
Bom dia pessoal, tenho uma dúvida, toda empresa é obrigada a se cadastrar no site do beneficio social?Pois tenho recebido e-mail que a empresa está descumprindo a Convenção Coletiva, sendo que o sindicato nem sabe me responder o que fazer.
segue e-mail abaixo

"Na qualidade de gestora da cláusula que trata do Benefício Social Familiar, temos a obrigação de zelar pelo cumprimento do que dispõe a Convenção Coletiva de Trabalho assinada pelo sindicato dos seus trabalhadores do segmento ....................................
Portanto, no sentido de resguardar os direitos dos trabalhadores previstos na Convenção Coletiva de Trabalho e para evitarmos discussões jurídicas desnecessárias, solicitamos a imediata regularização do Benefício Social Familiar com a emissão do boleto no site http://www.beneficiosocial.com.br
O não cumprimento do convencionado implicará em cobrança extrajudicial e medidas judiciais cabíveis.
Caso não possua trabalhadores no segmento acima ou já tenha regularizado a contribuição do Benefício Social Familiar, entre em contato pelo 0800 773 3738 ou 0800 580 3738.
Sr. chefe do departamento de recursos humanos, pessoal e financeiro sugerimos encaminhar esta à sua diretoria de imediato, evitando assim sua responsabilidade civil conforme artigos 186, 927, 932, III e 933 do Código Civil.
Atenciosamente,
Benefício Social Familiar"





Carlos Alberto dos Santos

Consultor Especial

profissãoAnalista Pessoal
mensagens12.264
pontos73.090
membro desde31/01/2013
cidadeSao Jose dos Campos - SP
Postada:Segunda-Feira, 7 de março de 2016 às 13:15:14
Silvana, boa tarde.
Primeiramente para o sindicato enviar esse e-mail alguém deve ter denunciado.
Sugiro que encaminhe ao depto juridico ou advogado (da empresa).
Silvana Lopes

Usuário 4 Estrelas Novas

profissão
mensagens357
pontos2.501
membro desde15/01/2013
cidadeSao Bernardo do Campo - SP
Postada:Segunda-Feira, 7 de março de 2016 às 15:28:07
Ok Carlos Alberto, farei isso.
Muito obrigada
Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.670
pontos53.632
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Segunda-Feira, 7 de março de 2016 às 17:18:35
Silvana Lopes

Há cadastro dessa empresa no site do Beneficio Social? Eles enviam esse email caso haja cadastro feito e tenha boletos em aberto...os boletos são gerados manualmente todo mês.

Entre em contato com o suporte do Benefício Social e veja o que acontece. Se não há cláusula na CCT prevendo esse pagamento essa cobrança é indevida.

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
Marcos de Oliveira

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoEncarregado(a) Pessoal
mensagens672
pontos4.687
membro desde23/09/2009
cidadeMaringa - PR
Postada:Segunda-Feira, 7 de março de 2016 às 17:28:58
Boa tarde.
Além das orientações já postadas, acho pertinente contatar o sindicato patronal para orientações.
Silvana Lopes

Usuário 4 Estrelas Novas

profissão
mensagens357
pontos2.501
membro desde15/01/2013
cidadeSao Bernardo do Campo - SP
Postada:Quinta-Feira, 10 de março de 2016 às 11:11:26
Bom dia, essa empresa não tem cadastro e não consta da CCT, entrei em contato com o beneficio social, eles querem a última caged da empresa,não sei o que isso tem a ver, esse empresa no beneficio social consta como sindicato de manutenção eletro eletrônica e a empresa o CNAE principal é "Portais e provedores de internet" e um dos secundários é Reparação e manutenção de computadores, talvez ai a confusão de Manutenção Eletro Eletrônico.
É complicado viu
Obrigada a todos.
Celina Y

Usuário Novo

profissãoAnalista Recursos Humanos
mensagens15
pontos108
membro desde09/05/2007
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Sexta-Feira, 1 de julho de 2016 às 16:52:21
Como eu não localizei informações complementares em lugar algum, vou aproveitar para deixar meu comentário.

Recebi um email desse tal de beneficiosocial.com.br e achei muito esquisito, pois o sindicato da empresa em questão, que é do setor de industrialização de alimentos para animais, não tem informação alguma no site, tanto dos empregados como do patronal. O que mais me chamou a atenção foi o fato do email cadastrado ser o da contabilidade, mas eu não fiz cadastro no tal site, o sindicato tem o email do meu cliente em seu cadastro e se meu cliente tivesse feito o cadastro, ele não colocaria meu email e sim o dele.

Entrei em contato com os 2 sindicatos aos quais a atividade da empresa está vinculada e solicitei esclarecimentos por parte do jurídico, pois já desconfiava poder se tratar de golpe.
O sindicato patronal desconhece a existência de tal site ou qualquer benefício pago à parte e me recomendou conversar com o sindicato dos empregados. Lá, eu falei com o departamento de cobranças, falei do que se tratava e a pessoal responsável pela emissão de guias de contribuições do sindicato me garantiu que não existem cobranças além da assistencial e da sindical para a categoria em questão.

Sendo assim, fica o alerta de que deve se tratar de empresa que oferece um serviço de assistência a benefícios, tipo uma seguradora, mas que usa de linguagem distorcida para obter vantagens financeiras, uma vez que ela diz prestar serviços conveniados do sindicato e o sindicato desconhece a existência deles.

Antes de pagar qualquer coisa é sempre bom confirmar. Gente de má fé está sobrando por aí.
Helio M.

Usuário Iniciante

profissãoTécnico Contabilidade
mensagens37
pontos696
membro desde22/05/2009
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Sexta-Feira, 1 de julho de 2016 às 17:09:26
Olá Celina, boa tarde!

O mesmo aconteceu em nosso escritório com um cliente da indústria química. É muito estranho e não faremos o cadastro.

Clovis Lima

Usuário Novo

profissão
mensagens10
pontos184
membro desde06/11/2009
cidade
Postada:Sábado, 17 de setembro de 2016 às 08:38:01
Aqui em nosso Escritório também recebemos esses e-mails.
É mais uma "entidade" criada e, com a conivência de alguns sindicatos, tem conseguido inserir em suas Convenções Coletivas cláusulas de obrigatoriedade de tais contribuições.

Na página da entidade não consta endereço físico, mas se você consulta o CNPJ. 005.015.561/0001-88 verifica-se que está localizada na Cidade de Americana/SP.

Vejam cláusula inserida em uma convenção coletiva. http://www.sindassistenciatecnicasp.com.br/secaeesp_cct2016/060.pdf

Reparem no Parágrafo Nono da citada cláusula aonde eles citam até o contabilista como có-responsável no caso de descumprimento.


Clóvis Lima
São Paulo - SP
profissãoAdvogado(a)
mensagens1
pontos31
membro desde22/06/2012
cidadeGuarulhos - SP
Postada:Quarta-Feira, 21 de setembro de 2016 às 16:15:43
Boa tarde!

Também temos sido importunados pelo tal benefício social familiar - email todos os dias. Acho um absurdo instituirem mais uma contribuição "obrigatória" como dizem.
Alguém sabe de alguma providência contra isso?
Gladstone

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens1
pontos6
membro desde28/10/2016
cidadeBrasilia - DF
Postada:Sexta-Feira, 28 de outubro de 2016 às 08:58:33
Bom dia!

Não localizei no site deles uma legislação que discipline e obrigue tao procedimento, se alguém tiver este conteúdo gostaria de receber.
Realmente é muito estranho, pois como se cria uma entidade para gerir tantos recursos e com uma abrangência tão ampla de forma pouco clara????
Abraços.
Sueli Mitikichuki Correia da Silva

Usuário Estrela Dourada

profissãoAdministrador(a) Empresas
mensagens1.279
pontos8.461
membro desde24/07/2009
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Sexta-Feira, 28 de outubro de 2016 às 10:51:46
recebo diariamente email desse Beneficio social familiar, deleto todos, querem tirar dinheiro dos desavisados

Sueli M.Correia da Silva
profissãoAuxiliar Contabilidade
mensagens1
pontos109
membro desde15/02/2013
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 24 de novembro de 2016 às 18:01:09
Boa tarde amigos, e alguém sabe se já houve alguma penalização por alguma empresa que deixou de cumprir esse beneficio social familiar ? pq na minha opinião isso é um absurdo, quase extorsivo, ou é outra "empresarial do Brasil" ?
Clovis Lima

Usuário Novo

profissão
mensagens10
pontos184
membro desde06/11/2009
cidade
Postada:Quinta-Feira, 24 de novembro de 2016 às 18:13:37
Francisco Dualscei Junior ,
Verifique na Convenção Coletiva dos Trabalhadores da empresa se consta cláusula prevendo este desconto. Caso não tenha, ignore.

Clóvis Lima
São Paulo - SP
Vinicius Neves

Usuário Novo

profissãoAuxiliar Escritório
mensagens1
pontos15
membro desde21/02/2011
cidadeSantos - SP
Postada:Terça-Feira, 27 de dezembro de 2016 às 17:12:32
Fransisco Dualscei Junior,
Mês passado o sindicado multou a empresa de uma amiga em mais de R$ 1.000,00 por não pagamento do beneficio social, se estiver na convenção precisa cadastrar e pagar todo mês, eles pedem o ultimo CAGED enviado para calculo do boleto.
Marli Devitte

Usuário Iniciante

profissãoAuxiliar Escrita Fiscal
mensagens30
pontos353
membro desde21/06/2012
cidadeMongagua - SP
Postada:Quinta-Feira, 21 de setembro de 2017 às 17:03:27
Boa Tarde!

Pelo que vi, a última vez que houve postagem sobre o assunto foi em Dez/2016. Gostaria de saber com as Contabilidades como estão procedendo junto as suas empresas sobre a tal Cláusula Benefício Social Familiar?

Agradeço a atenção e colaboração.

Marli Devitte
Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.670
pontos53.632
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Quinta-Feira, 21 de setembro de 2017 às 17:31:56
Marli Devitte

Eu faço como o Vinicius orientou acima:

se estiver na convenção precisa cadastrar e pagar todo mês, eles pedem o ultimo CAGED enviado para calculo do boleto.

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
Thaina Almeida

Usuário Estrela Dourada

profissãoAssistente Administrativo
mensagens1.327
pontos8.185
membro desde08/09/2014
cidadeJandira - SP
Postada:Quinta-Feira, 21 de setembro de 2017 às 17:42:25
Marli Devitte, boa tarde!

Na convenção coletiva de um cliente, tem a cláusula deste Beneficio Social Familiar, e estamos fazendo o pagamento mensal.

Verifique na convenção da sua empresa se há devida informação.

Att,

Thainá Almeida


Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.670
pontos53.632
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Quinta-Feira, 14 de dezembro de 2017 às 16:50:16
Boa tarde Colegas,

Como vcs estão lidando com essa taxa diante da reforma trabalhista?

Estão mantendo o pagamento mensal normalmente?

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
Clovis Lima

Usuário Novo

profissão
mensagens10
pontos184
membro desde06/11/2009
cidade
Postada:Quinta-Feira, 14 de dezembro de 2017 às 16:58:50
Karina Louzada

Quando estiver prevista em convenção ou acordo coletivo a única forma de não efetuar o desconto é o empregado comparecer ao sindicato e solicitar que o desconto não seja efetuado.

Clóvis Lima
São Paulo - SP
Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.670
pontos53.632
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Quinta-Feira, 14 de dezembro de 2017 às 17:00:52
Clovis Lima

Pois é, mas essa taxa não é igual as taxas em beneficio do sindicato, é uma taxa em beneficio dos trabalhadores, por isso estou em dúvida....

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
profissãoAdvogado(a)
mensagens1
pontos12
membro desde27/08/2007
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Segunda-Feira, 18 de dezembro de 2017 às 14:01:48
Estou com o mesmo questionamento de um cliente. Alguém já teve alguma decisão tornando obrigatório o recolhimento e condenando ao pagamento?
profissãoProprietário(a)
mensagens1
pontos6
membro desde12/01/2018
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Sexta-Feira, 12 de janeiro de 2018 às 19:06:03
Sinceramente! Isso é coisa de bandido. Absurdo enorme te obrigarem a pagar uma taxa(estão procurando alternativa a contribuição sindical). Eu não pago aqui na empresa e já mandei cancelar e parar de me enviar e-mail. Tenho um auxilio que fiz no banco e os valores são mais altos para o profissional e para a empresa sai mais em conta. Não paguem, vamos tirar o Brasil da mão de bandidos que se aproveitam de quem realmente trabalha nesse pais.
Richard Coelho

Usuário Iniciante

profissãoContador(a)
mensagens38
pontos351
membro desde09/11/2015
cidadeBiguacu - SC
Postada:Quinta-Feira, 25 de janeiro de 2018 às 10:28:37
Humberto

Usuário Novo

profissãoEncarregado(a) Recursos Humanos
mensagens1
pontos9
membro desde19/04/2018
cidadeAparecida de Goiania - GO
Postada:Segunda-Feira, 9 de julho de 2018 às 12:00:13
Luis Ricardo Bronzato Junior

Concordo plenamente, e tem mais como é de responsabilidade dos escritórios os cadastros de empresas e funcionários? Gente isso é um absurdo trabalhar de graça para sindicatos e essa operadora do benefício, colegas lembre-se que ao fazer o cadastro do funcionário aparece uma mensagem que nós ficaremos responsáveis pelas informações enviadas e que poderemos responder de acordo com o código civil.
Joabson

Usuário Novo

profissãoAnalista Pessoal
mensagens11
pontos83
membro desde23/09/2013
cidadeDianopolis - TO
Postada:Segunda-Feira, 30 de julho de 2018 às 17:45:25
Entendo que isso fere tanto o livre comércio quanto a liberdade de associação das empresas, já que obriga a contratação de empresa especifica sem a possibilidade de procura por menores custos mantendo os mesmos benefícios configurando monopólio, não tenho como concordar com isso, porém, existe em varias convenções coletivas a previsão para que a empresa contribua de forma compulsória para esse beneficio, ele promete benefícios aos empregados que tenham sofrido algumas eventualidades como; licença maternidade, morte do empregado, nascimento de filho, casamente entre outros.
O pagamento em dia desse boleto também promete retorno a empresa em caso de elaboração dos programas relacionados a saúde e segurança no trabalho como; PCMSO, PPRA, LTCAT, ASOS e reembolso na licença paternidade, maternidade entre outros.

Para que as empresas não aleguem desconto indevido aqui no Tocantins eles não colocaram a participação do empregado, logo, será pago exclusivamente pela empresa, sem descontar em folha nenhum valor, mesmo assim, existe no próprio sistema forma de informar que o empregado foi opositor ao desconto, quando desconto está previsto na convenção.

Tratam do beneficio na convenção como se fosse um outro benéfico qualquer concedido pela empresa, assemelhado a auxilio alimentação por ex:

Um detalhe que chama atenção é que a convenção garante o beneficio ao empregado mesmo que a empresa esteja inadimplente com os pagamentos. Dessa forma o empregado faz jus ao beneficio apenas apresentando comprovação de que faz parte daquela categoria. Então se a empresa do benéfico paga para um empregado de uma empresa que não estava pagando o beneficio, eles agem como se a empresa estivesse causado dano patrimonial ou dano a terceiro, daí entra com ação judicial cobrando reparação pelo dano material causado.

Chamo isso de uma armadilha jurídica, mas o pior é que pode funcionar, a convenção é legitima e registrada em órgão competente, logo entra a obrigação com força de lei, se a obrigação não for cumprida podem multar por descumprimento de clausula e ainda pedir reparação de danos, beneficio por morte por ex: cerca de R$ 4.000,00 se a empresa não estiver em dia pode ter que arcar com esse valor, devo admitir que é uma estratégia muito inteligente e bem bolada, não fosse um tanto imoral e coagido eu daria os parabéns aos idealizadores.

Outro fato interessante é que caso a empresa não faça o cadastro espontaneamente, eles mesmos efetuam esse cadastro com base nas informações coletadas pelo sindicatos, devemos lembrar que os sindicatos possuem dados das empresa e dos contadores responsáveis, são dados adquiridos no momento da elaboração dos boletos assistenciais e sindicais, a partir daí começam as cobranças por telefone e-mails etc.
Wanderson Araújo

Usuário Novo

profissãoCorretor(a)
mensagens1
pontos109
membro desde09/08/2018
cidadeAraguaina - TO
Postada:Sexta-Feira, 10 de agosto de 2018 às 10:57:31
BENEFICIO SOCIAL FAMILIAR, atual situação sobre esse novo Beneficio criado com a nova Convenção Coletiva 2018.

A nova Convenção Coletiva criou o Beneficio Social, em tese, para "beneficiar" e ou proteger o trabalhador e é isso que o sindicato preza mas, fazendo uma comparação com a convenção coletiva anterior as coberturas pioraram. Trazendo com isso um aumento no custo para os empresários onde, antes se pagava em torno de R$ 5,60 por vida (do Seguro de vida) passou-se a cobrar R$ 20,00 por vida com cobertura, em tese, abaixo da cobertura anterior.

O novo sistema, imposto pela Convenção Coletiva, está sendo avaliado negativamente por diversos órgãos representativos da área que entende que o modelo/empresa BENEFICIO SOCIAL FAMILIAR fere algumas leis do código civil brasileiro. A mais significativa é a Lei 12.529/2011, que estrutura o Sistema Brasileiro de Concorrência, estipula em seu artigo 36, Inciso I, que qualquer ato que possa limitar a livre concorrência ou livre iniciativa, constituem infração de ordem econômica. Nesta linha de raciocínio, os sindicatos deveriam tão somente estipular os benefícios a serem concedidos, ficando por conta dos empregadores a procura em mercado de empresas que atendam melhor as exigências. Não sendo assim o modelo atual o mesmo é entendido como monopólio pois determina que somente uma empresa atue no mercado.

Várias entidades representativas, Associações Comercias; Empresas; etc, ingressaram na justiça sendo contrário o modelo praticado atual. Considerando que os benefícios previstos na convenção coletiva tem caráter securitário, a SUSEP-Superintendência de Seguros Privados, ingressou com uma ação civil pública junto ao Tribunal Regional Federal da 3ª Região, entendendo que a UPS SERVIÇOS SOCIEDADE BRASILEIRA DE GESTÃO EM ASSISTÊNCIA LTDA, operadora do Benefício Social Familiar, não possui autorização para realizar operações de seguros. O Ministério Público Federal emitiu parecer concordando integralmente com os argumentos apresentados pela SUSEP e o processo em referência ainda está em curso.

Sabemos que os empresários no Brasil já são judiados com a demasiada carga tributária e, onde já era difícil sustentar o custo de aproximadamente R$ 5,60 por vida/mês são deparados agora a ter que amargar, obrigatoriamente, o absurdo valor de aproximados R$ 20,00 por vida/mês.
Essa é a realidade a qual os empresários estão se deparando!!

Uma seguradora de renome no Brasil, que tem como seu produto principal o Seguro de Vida, conseguiu, através do seu corpo jurídico e após analisar a Convenção Coletiva construir uma linha argumentativa que demonstre que seu produto está integralmente apto a atender às coberturas determinadas na referente Convenção e, por consequência, oferecer amparo que a convenção pretende garantir aos trabalhadores.
A mesma garante todas as coberturas exigidas e com valor de determinadas coberturas maior que o do BSF e o grande diferencial o custo por vida bem mais em conta. A segurança de se fazer seguro com "Seguradora" regulamentada é infinita vezes maior pois as mesmas, por determinação legal, contam com uma super reserva técnica que garante o Beneficiário em caso de insolvência da empresa.

Maiores informações podem me contactar pelo fone (63) 98438-8000 whats

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

conheça mais

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César