Contábeis o portal da profissão contábil

23
Aug 2017
14:29

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Transferência de ativo em consignação

4respostas
93acessos
  

Caroline Jecks

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens26
pontos356
membro desde26/10/2015
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 9 de agosto de 2017 às 17:30:09
Boa tarde,

Tenho um cliente que está precisando fazer transferência de um ativo, porém observei a nota de compra do produto e descobri que trata de uma compra em consignação (CFOP 5.917), realizada em 04/08/17.
Acontece que, a filial da empresa do meu cliente fica em SC.
É possível fazer essa operação de transferência de um bem em consignação? Como devo proceder com a emissão da nota?

Diogo

Usuário Ativo

profissãoAprendiz
mensagens121
pontos720
membro desde16/03/2017
cidadeCristinapolis - SE
Postada:Quarta-Feira, 9 de agosto de 2017 às 20:18:14
Precisa ver a legislação, deve constar.
Izaaque Victor da Silva

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoContador(a)
mensagens646
pontos3.846
membro desde24/01/2008
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 10 de agosto de 2017 às 10:13:54
Bom dia Caroline!!!

Pressupõe que ao receber em consignação esse ATIVO EM CONSIGNAÇÃO, seu interesse é realmente ATIVAR, ou seja compra-lo definitivamente, não hé!!

Sendo assim, vc poderá transferir usando o CFOP 6552, não custa nada observar no quadro de Dados Adicionais da NF, que o referido bem foi adquirido em consignação através da nota fiscal nº tal de tal data........


5.552 6.552 Transferência de bem do ativo imobilizado


Classificam-se neste código os bens do ativo imobilizado transferidos para outro estabelecimento da mesma empresa.

1 pessoa aprovou esta mensagem.

Caroline Jecks

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens26
pontos356
membro desde26/10/2015
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 10 de agosto de 2017 às 10:30:22
Bom dia Izaaque,
Entendo e também penso desta forma, mas não encontrei nenhuma legislação em São Paulo sobre o assunto.
E quanto a tributação, o que você acha?
Pois o bem em consignação não veio tributado. Tenho medo em transferir o bem para SC sem tributação também.

Izaaque Victor da Silva

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoContador(a)
mensagens646
pontos3.846
membro desde24/01/2008
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 10 de agosto de 2017 às 16:24:13
Olá Caroline!!

Por que veio sem o imposto????~Normalmente é na NF de consignação que vem destacado o Icms. A não ser que o bem já foi adquirido "usado" ou seja, isento.

Por ser bem do ativo novo , é certo que o adquirente creditar-se-á do Icms em 48 parcelas.

Ao transferir esse bem , deve-se transferir também o Icms. ..(aquele montante que vc ainda não se apropriou).

Em sendo operação interestadual a alíquota é a Interestadual.

Se não veio tributado vc transferirá sem o destaque do imposto.

Aqui vai um pedacinho de uma resposta tratando do mesmo assunto, internamente aqui em SP. Mas dá para extrair algum conhecimento.


RESPOSTA À CONSULTA TRIBUTÁRIA 5703/2015, de 23 de novembro de 2015.

Disponibilizado no site da SEFAZ em 02/02/2016.

6. Por seu turno, dispõem os §§ 10 e 11 do artigo 61 do RICMS/2000:

"Artigo 61 - Para a compensação, será assegurado ao contribuinte, salvo disposição em contrário, o direito de creditar-se do imposto anteriormente cobrado, nos termos do item 2 do § 1º do artigo 59, relativamente a mercadoria entrada, real ou simbolicamente, em seu estabelecimento, ou a serviço a ele prestado, em razão de operações ou prestações regulares e tributadas (Lei 6.374/89, art. 38, alterado pela Lei 10.619/00, art. 1º, XIX; Lei Complementar federal 87/96, art. 20, § 5º, na redação da Lei Complementar 102/00, art. 1º; Convênio ICMS-54/00).

(...)

§ 10 - O crédito decorrente de entrada de mercadoria destinada à integração no ativo permanente, observado o disposto no item 1 do § 2º do artigo 66:

1 - será apropriado à razão de um quarenta e oito avos por mês, devendo a primeira fração ser apropriada no mês em que ocorrer a entrada no estabelecimento;

2 - para seu cálculo, terá o quociente de um quarenta e oito avos proporcionalmente aumentado ou diminuído "pro rata die", caso o período de apuração seja superior ou inferior a um mês.

§ 11 - NA TRANSFERÊNCIA DE BEM PERTENCENTE AO ATIVO IMOBILIZADO ANTES DE SER CONCLUÍDA A APROPRIAÇÃO DE CRÉDITO PREVISTA NO PARÁGRAFO ANTERIOR, FICA ASSEGURADO AO ESTABELECIMENTO DESTINATÁRIO O DIREITO DE CREDITAR-SE DAS PARCELAS REMANESCENTES ATÉ CONSUMAR-SE O APROVEITAMENTO INTEGRAL DO CRÉDITO RELATIVO ÀQUELE BEM, OBSERVADO O PROCEDIMENTO A SEGUIR:

1 - NA NOTA FISCAL RELATIVA À TRANSFERÊNCIA DO BEM DEVERÃO SER INDICADOS NO CAMPO "INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES", A EXPRESSÃO "TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITO DO ATIVO IMOBILIZADO - ARTIGO 61, § 11 DO RICMS", O VALOR TOTAL DO CRÉDITO REMANESCENTE, a quantidade e o valor das parcelas, o número, a data da Nota Fiscal de aquisição do bem e o valor do crédito original;

2 - a Nota Fiscal prevista no item anterior deverá ser acompanhada de cópia reprográfica da Nota Fiscal relativa à aquisição do bem, a qual deverá ser conservada nos termos do artigo 202."

7. Assim, tendo em vista que o bem importado para o ativo imobilizado ainda não entrou em operação, a Consulente:

a) poderá transferir o bem importado para o ativo imobilizado à outra filial, localizada nesse mesmo Estado ao abrigo da não incidência (artigo 7º, inciso XIV do RICMS/2000);

b) não está obrigada a efetuar o recolhimento disposto no artigo 29, § 2º-C das DDTT e poderá apropriar-se do crédito à razão de 1/48 avos no estabelecimento filial destinatário.

A Resposta à Consulta Tributária aproveita ao consulente nos termos da legislação vigente. Deve-se atentar para eventuais alterações da legislação tributária

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

Certificado Digital certificados digitais com preços promocionais para contadores

desconto de 15% em certificados digitais e pague no boleto ou parcele sem juros no cartão.

conheça mais

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso. Página carregada em 0.14 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César