MOMENTO CONTÁBEIS

Distribuição dos lucros do FGTS | Redução de alíquotas para industrias PME | Envelhecimento populacional | CONBCON 2018

Contábeis o portal da profissão contábil

20
Aug 2018
17:08

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Malha Fina por causa de Processo Trabalhista

4respostas
1.027acessos
  

Mercia Marques

Usuário Iniciante

profissãoAnalista Fiscal
mensagens40
pontos543
membro desde02/05/2013
cidadeBelford Roxo - RJ
Postada:Domingo, 14 de janeiro de 2018 às 16:26:16
Um cliente que recebeu uma indenização trabalhista, declarei na ficha Rendimentos Recebidos Acumuladamente somente o valor liquido já descontando o honorários do advogado, e o valor do advogado na ficha pagamentos efetuados (61), mas mesmo assim ele ficou em malha, no site da RFB informa que o valor declarado não confere com o da fonte pagadora, por não ter lançado o valor bruto. Minha pergunta é: Para resolver isso somente indo na RFB com os documentos comprovatórios ou refazendo a declaração conseguirei que a malha fina se resolva desse CPF?
Diego Dahil

Usuário Iniciante

profissão
mensagens38
pontos234
membro desde04/01/2018
cidade
Postada:Domingo, 14 de janeiro de 2018 às 18:40:42
Você declarou corretamente, no caso de processos judiciais, o valor lançado é o líquido, já descontado os honorários, que são lançados em pagamentos efetuados. Não esquecer de lançar o número de meses a que se refere essa ação. Se você tem como provar, o melhor caminho é agendar a pendência e entregar os documentos para análise.
Mercia Marques

Usuário Iniciante

profissãoAnalista Fiscal
mensagens40
pontos543
membro desde02/05/2013
cidadeBelford Roxo - RJ
Postada:Segunda-Feira, 15 de janeiro de 2018 às 14:25:55
Boa tarde, lancei o liquido e o do advogado também, do jeito que você me orienta. Vou agendar na RFB, e resolver isso lá com eles. Obrigada Diego.
Felipe Burati Schimidt

Usuário Ativo

profissãoContador(a)
mensagens111
pontos823
membro desde22/02/2012
cidadeLimeira - SP
Postada:Quarta-Feira, 18 de abril de 2018 às 19:01:04
Boa noite Caros colegas, estou com uma duvida quanto ao lançamento de um recebimento oriundo de uma ação trabalhista. Sei que preciso lançar nos recebimentos acumulados, a minha duvida é que os valores foram parcelados e recebidos parte em 2017 e a outra parte em 2018.
Como faço o lançamento neste campo? Proporcional ao que recebeu? Todo o valor da ação? E o IR que foi retido? Se lançar proporcional como fazer?

Estou perdido preciso de uma ajuda.
Diego Dahil

Usuário Iniciante

profissão
mensagens38
pontos234
membro desde04/01/2018
cidade
Postada:Sexta-Feira, 20 de abril de 2018 às 09:32:27
Lançar apenas o que foi recebido em 2017, se pagou advogado, lançar os pagamentos também. Na próxima declaração de 2019, lançar o restante que foi pago em 2018.

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

conheça mais

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César