Contábeis o portal da profissão contábil

24
Jun 2018
13:54

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Aviso prévio - carta

7respostas
265acessos
  

Valéria Onorato

Usuário Ativo

profissãoAssistente Recursos Humanos
mensagens104
pontos606
membro desde03/04/2018
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 6 de junho de 2018 às 10:58:53
Olá pessoal,

No ato da rescisão sendo ela de dispensa por iniciativa do empregador, o funcionário opta por trabalhar ou não através do aviso prévio né e quando a empresa acha por bem, indenizam esse aviso.
No caso do funcionário que pedir a dispensa, ele é obrigado a cumprir o avios trabalhado ou também pode rejeitar?
Nesse caso, na carta de próprio punho que ele vai fazer pedindo a demissão, ele já pode colocar a dispensa do aviso ou terá que fazer uma outra carta para essa dispensa?

Desde já agradeço.
Carlos Alberto dos Santos

Consultor Especial

profissãoAnalista Pessoal
mensagens11.904
pontos70.559
membro desde31/01/2013
cidadeSao Jose dos Campos - SP
Postada:Quarta-Feira, 6 de junho de 2018 às 11:11:49
Valeria, bom dia.
Se e desejo do empregado pedir demissão, então terá que fazer o pedido de próprio punho, com suas próprias palavras, e PODERÁ mencionar que irá ou não cumprir o aviso, se ele mencionar que não irá cumprir o aviso, então na via dele a empresa responderá se aceita ou não, ok..
Valéria Onorato

Usuário Ativo

profissãoAssistente Recursos Humanos
mensagens104
pontos606
membro desde03/04/2018
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 6 de junho de 2018 às 11:16:22
Carlos Alberto dos Santos
se a empresa não aceitar a decisão dele de não cumprir o aviso, nesse caso que é descontado da rescisão dele. Correto?
Mas caso ele não queira cumprir e a empresa aceitar, o empregador poderá conceder o aviso prévio indenizado?
Carlos Alberto dos Santos

Consultor Especial

profissãoAnalista Pessoal
mensagens11.904
pontos70.559
membro desde31/01/2013
cidadeSao Jose dos Campos - SP
Postada:Quarta-Feira, 6 de junho de 2018 às 11:22:20

Valeria,

1 - se a empresa não aceitar a decisão dele de não cumprir o aviso, nesse caso que é descontado da rescisão dele. Correto?
R - Sim, mas mencione na via dele, que caso não cumpra a empresa irá descontar como falta.

2 - Mas caso ele não queira cumprir e a empresa aceitar, o empregador poderá conceder o aviso prévio indenizado?
R - Não, simplesmente mencione na via dele, que a empresa está aceitando o seu pedido e não precisara cumprir o aviso prévio.

Valeria, lembrando que se optar pelo item "2", avise a ele também que não terá direito a 1/12 avos de férias e decimo terceiro, ok..

Isso porque, se ele cumprisse o aviso prévio, teria direito a 1/12 avos de Férias e Decimo Terceiro, sobre o aviso prévio, ok.
Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.600
pontos53.115
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Quarta-Feira, 6 de junho de 2018 às 17:45:33
Valéria Onorato

Funciona assim: A parte que rescinde o contrato é que define o aviso: se trabalhado ou indenizado.

Quando a empresa demite, ela que decide se o aviso será trabalhado ou indenizado e o trabalhador deve acatar essa decisão, não tendo poder de escolha algum. Se ele decidir que não quer trabalhar no aviso, será descontado como falta.

Quando o funcionário pede demissão, ele vai decidir se vai trabalhar o aviso ou se vai indenizar a empresa. Ele tbm pode solicitar dispensa do aviso, daí cabe à empresa aceitar ou não e, se aceitar que o funcionário não trabalhe, o contrato termina ali, sem ngm indenizando ngm.

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
Valéria Onorato

Usuário Ativo

profissãoAssistente Recursos Humanos
mensagens104
pontos606
membro desde03/04/2018
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 7 de junho de 2018 às 09:50:10
Carlos Alberto dos Santos e Karina Louzada
muuuuito obrigada pelas informações.

No caso de ele indenizar e optar por não trabalhar, na rescisão é feito o desconto dos 30 dias que ele não vai trabalhar. Correto?

Mais uma dúvida...

Em ambos dos avisos, trabalhado ou indenizado, tem o direito de 1/12 avos de férias e 13º salário?

Karina Louzada

Usuário 5 Estrelas Vermelhas

profissãoContador(a)
mensagens8.600
pontos53.115
membro desde17/07/2014
cidadeVitoria - ES
Postada:Quinta-Feira, 7 de junho de 2018 às 10:15:01
Valéria Onorato

No caso de ele indenizar e optar por não trabalhar, na rescisão é feito o desconto dos 30 dias que ele não vai trabalhar. Correto?


Isso.

Em ambos dos avisos, trabalhado ou indenizado, tem o direito de 1/12 avos de férias e 13º salário?


Não....Somente no caso da empresa dispensar, sendo aviso trabalhado ou indenizado ele receberá 1/12 a mais, porém, se ele pedir demissão e não trabalhar o aviso, terá direito aos avos apenas até a data de saída.

Agradecida,

Karina Louzada de Oliveira -Vitória-ES.
Valéria Onorato

Usuário Ativo

profissãoAssistente Recursos Humanos
mensagens104
pontos606
membro desde03/04/2018
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 7 de junho de 2018 às 10:19:01
Karina Louzada

Mas se ele pedir demissão e trabalhar o aviso prévio, vai ter direito né?

No caso do funcionário pedir demissão, ele só tem as opções de trabalhar ou dispensar o aviso prévio né?

Desde já agradeço pela informações.

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

conheça mais

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César