Momento Contábeis

Prazo para a entrega do SPED/ECF | Fiscalização do eSocial | Resultado do primeiro exame do CFC 2018

Contábeis o portal da profissão contábil

22
Jul 2018
03:51
você está em:

FÓRUM CONTÁBEIS » Contabilidade

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Desenquadramento Mei

1respostas
89acessos
  

Bruna

Usuário Novo

profissãoMicro-Empresário
mensagens27
pontos163
membro desde27/07/2016
cidadeSuzano - SP
Postada:Quarta-Feira, 11 de julho de 2018 às 15:09:09
Boa tarde a todos!

Estou com problema! Abertura do Mei mês 06/2017.Não Consegui enviar DASN pois ultrapassou o valor pois pedia o desenquadramento. Fiz o pedido do Desenquadramento o cálculo foi 31/12/2017. Desenquadrei e apartir de 01/01/2018 comecei emitir as DAS, porém está em falta com a Declaração. No relatório de situação fiscal está pendente. Já tentei enviar após o desenquadramento mais a mensagem que vem é que tem que desenquadrar porém já foi feito.
Juliano Calixto da Silva

Usuário Ativo

profissãoConsultor(a) Tributário
mensagens136
pontos1.876
membro desde18/05/2012
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 11 de julho de 2018 às 15:33:15
Bruna Fernanda da Silva, boa tarde, para o correto desenquadramento de MEI deve-se solicitar o desenquadramento na Receita Federal, Protocolar processo na Junta Comercial com a apresentação da confirmação do desenquadramento, e alteração de dados cadastrais para confirmação da Natureza Jurídica como Empresário Individual Optante pelo SIMPLES. Após este processo, a partir de 01/2018 seria necessário verificar o faturamento mensal, analisar o Anexo do SIMPLES no qual a empresa se enquadra, entregar as declarações mensais de uma empresa do SIMPLES que são o PGDAS-D, e outras declarações obrigatórias como, GIAs no caso de empresa de Comércio, GFIP/SEFIP (Declarações ao INSS) .

Caso tenha um contador, entre em contato com o mesmo para verificar sobre estas questões, porque cada declaração que deixar de entregar, a empresa terá multas de R$ 50,00 até R$500,00, podendo gerar um prejuízo mensal de até R$ 1.500,00 mensais, caso não tenha um contador, recomendo contratar algum para que ajude a sua empresa a se manter regularizada.

Pense da seguinte forma, antes pagar um profissional especializado no serviço que pode cobra-la de R$ 200,00 á R$ 954,00 (1 salário mínimo) mensais, dependendo da sua atividade, do que deixar a empresa cheia de pendências, multas e correndo o risco de execuções judiciais, protestos em cartórios, etc...

Qualquer dúvida permaneço á disposição.



Juliano Calixto
Calixto Soluções Empresariais & Regularização Tributária
Especialista em Abertura, Encerramento e Regularização de Empresas e de Pessoa Física,Parcelamentos e Cálculos Tributários
(11)97105-3137
e-mail: juliano.calixto.89@gmail.com


Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

conheça mais

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César