Contábeis o portal da profissão contábil

25
Abr 2014
05:40
você está em:

FÓRUM CONTÁBEIS » Contabilidade

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Ajustes de exercícios anteriores

14respostas
6.092acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Pabyllo Ribeiro

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens24
pontos193
membro desde08/06/2010
cidadePalmas - TO
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 11:10:46
Mensagem Editada por Pabyllo Ribeiro em 15/09/2010 13:57:23
Boa tarde,
Sabendo que para efetuar Ajuste de Exercícios antereiores, deve ser obedecida as regras que constão no § 1º do art. 186 da Lei nº. 6.404/1976.

De acordo com o comentário tenho um problema: Uma empresa que está com seu CAIXA e seu LUCRO ACUMULADO com valores muito alto, que acumlaram durante os exercícios, pois, não houve distribuição entre os sócios e nem reservas ou seja, nada. Como não tinhamos atentado para esse problema, agora precisamos baixar os valores do CAIXA e de LUCRO ACUMULADO. De que forma posso fazer isso poderia ser com ajustes de exercícios anteriores? preciso de algumas sugestões.

Abraços Grato!

Wellington Resende Melo

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoAnalista Contabilidade
mensagens655
pontos6.583
membro desde02/04/2008
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 12:53:13
Boa tarde!

Pabyllo Hennesten dos S. Ribeiro

Permita-me, por favor, dê mais detalhes sobre a sua duvida, feito isso poderá obter respostas sobre seu questionamento.



Ate a próxima,
Wellington Resende.

Boa sorte!
Wellington Resende.
e-mail: meloresende@ig.com.br
Facebook: http://www.facebook.com/wellingtonresendemelo.resende
Tel : (9) 7993-4472 (011)
Contabilidade Zanata.
Pabyllo Ribeiro

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens24
pontos193
membro desde08/06/2010
cidadePalmas - TO
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 13:58:53

Boa tarde Wellington Resende,

Pergunta editada, aguardo ajudas.
Obrigado!

Wellington Resende Melo

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoAnalista Contabilidade
mensagens655
pontos6.583
membro desde02/04/2008
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 14:41:29
Boa tarde!

Pabyllo Hennesten dos S. Ribeiro

Acho que vou te ajudar de alguma forma passando links com pesquisas (ajuste exercícios anteriores), inclusive o fórum contábeis já abordou esses temas em outros tópicos.

Link 1
http://www.google.com.br/cse?cx=partner-pub-6514179695368964%3a18hu4kk47ep&q=ajustes+exercicios+anteriores

Link 2
http://www.portaldecontabilidade.com.br/guia/ajustesexercanteriores.htm

Por nada, ficando na duvida volte a postar.

Wellington Resende

Boa sorte!
Wellington Resende.
e-mail: meloresende@ig.com.br
Facebook: http://www.facebook.com/wellingtonresendemelo.resende
Tel : (9) 7993-4472 (011)
Contabilidade Zanata.
Pabyllo Ribeiro

Usuário Novo

profissãoContador(a)
mensagens24
pontos193
membro desde08/06/2010
cidadePalmas - TO
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 14:59:58
Mensagem Editada por Pabyllo Ribeiro em 15/09/2010 15:02:26
Caro Wellington Resende,

Compreendo os Links, portanto, não queria usar ajuste de saldos de exercícios anteriores para baixar esse CAIXA ( 5.000.000,00) e esse LUCRO ACUMULADO (4.000.000,00), pois, pelo meu entendimento ele não me da suporte para tal procedimento.
Como esses saldos veio acumulando durante os exercícios e não destinados a nada. Posso:
* Retificar as declarações dos sócios colocando retiradas, e fazendo Ajuste de Exercícios anteriores.
* Procurar algumas fazer algumas reservas mas isso não baixaria o saldo alto do caixa.
?
Procuro uma confirmação ou sugestão de você (s) que e mais experiente.

Ricardo C. Gimenez

Moderador

profissãoAssessor(a) Contabilidade
mensagens3.369
pontos34.992
membro desde27/02/2008
cidadeLins - SP
Postada:Quarta-Feira, 15 de setembro de 2010 às 17:29:26
Boa tarde, amigos


É oportuno observarmos que as técnicas de ajustes de exercícios anteriores são empregadas somente quando o problema tenha sido gerado no fechamento das contas de resultado, cujo saldo final (lucro ou prejuízo) já tenha sido deslocado para o Patrimônio Líquido.

Conforme indica o próprio nome da técnica, ajuste de exercícios "anteriores", deduz-se que esta metodologia só pode ser aplicada, e somente se, se num exercício em curso foi percebido que em algum exercício anterior e já encerrado, por algum erro, foi lançada alguma receita ou despesa a mais ou a menos, por variados motivos (erro de cálculo, esquecimento, documento que chegou em atraso ou foi omitido - com ou sem intenção, etc.)

Deste modo, a título ilustrativo, admitamos que uma nota fiscal de despesa só foi entregue ao departamento contábil alguns dias após o último balanço patrimonial ter sido encerrado.

O quê fazer?

Algumas pessoas imaginam que basta lançar esta despesa nos lançamentos deste ano e esperam que tal improviso não cause problemas. No entanto, considerando que este tipo de lançamento pertence a um exercício que já foi encerrado e que não pode mais ser modificado, é evidente que tal fato também não pode influenciar a movimentação do exercício em andamento. Quando tal procedimento - um retrato de pedantismo - é empregado são frontalmente atingidas duas normas, sendo uma técnica (princípio da competência) e outra legal (§ 1º do Art. 186 da Lei 6404/76)

Analisando a dúvida de Pabyllo facilmente é possível notar que este assunto não deve, em todas as hipóteses (possíveis e impossíveis), se apoiar na metodologia de ajustes de exercícios anteriores porque não é um problema oriundo de faltas ou excessos no fechamento das contas de resultado pertencentes a ajustes anteriores, e sim, é um problema que envolve as contas patrimoniais; "caixa" pertence ao Ativo e "lucros acumulados" está no Patrimônio Líquido, que faz parte do Passivo.

Embora eu não pretenda debater o fato do caixa estar alto demais, é oportuno observar que, hoje em dia, as empresas que tiverem dinheiro o aplicarão (estoques, imobilizado, aplicações financeiras, participações, especulações, etc.) e nunca o deixarão mofando no cofre.

O que se faz com lucros apurados?

1 - Compensação dos prejuízos
2 - Reservas legais
3 - Pagamento aos sócios

Finalizando, é importante reiterar que os conceitos de ajustes de exercícios anteriores devem ser analisados com estrita dedicação porque se tal técnica fosse normal e plenamente aceita em toda e qualquer situação, ela sempre estaria a fomentar um perverso ciclo de ajustes de saldos de origem duvidosa, induzindo os contabilistas a deixar de investigar as causas e origens das discrepâncias.


Reflitam

e-mail de moderador: rcgimenez.moderador@gmail.com
skype : rc.gimenez - twitter: rcgimenez
http://www.blogdoprofessorricardo.blogspot.com.br
http://www.contabilidadesemsegredos.com.br
profissão
mensagens0
pontos160
membro desde20/09/2010
cidade
Postada:Sexta-Feira, 7 de outubro de 2011 às 14:56:03
Pabyllo, se a sua empresa tem disponibilidade de caixa e lucros acumulados; verifica se ela esta em dia com a Receita e Previdencia,estando tudo OK faz a DISTRIBUIÇÃO DE LUCROS para os sócios.

Espero ter te ajudado....
Alex da Silva Machado

Usuário Novo

profissãoEstagiário(a)
mensagens6
pontos19
membro desde03/11/2010
cidadeSao Goncalo - RJ
Postada:Sexta-Feira, 14 de outubro de 2011 às 14:31:00
(Regra 14) Mensagem digitada em CAIXA ALTA (CAPS LOCK) ou totalmente formatada (negrito, itálico, etc). por Ricardo C. Gimenez em 14/10/2011 22:25:41
e se nesse caso, o nosso amigo não tenha constituido reserva legal por exemplo, no exercício seguinte como ele pode proceder para não sofrer nenhuma punição???
Ricardo C. Gimenez

Moderador

profissãoAssessor(a) Contabilidade
mensagens3.369
pontos34.992
membro desde27/02/2008
cidadeLins - SP
Postada:Sexta-Feira, 14 de outubro de 2011 às 22:29:24
Boa noite, Alex


Embora este tópico esteja tratando de "Lucros a Distribuir", convenhamos que as "Reservas Legais" dependem da natureza jurídica da empresa, e a constituição ou não disto e possíveis punições por eventuais infrações dependem de enésimos fatores.

Por gentileza, seja mais específico em sua dúvida.


Estamos no aguardo.

e-mail de moderador: rcgimenez.moderador@gmail.com
skype : rc.gimenez - twitter: rcgimenez
http://www.blogdoprofessorricardo.blogspot.com.br
http://www.contabilidadesemsegredos.com.br
Diego

Usuário Iniciante

profissãoContador(a)
mensagens37
pontos717
membro desde16/01/2010
cidadePonta Grossa - PR
Postada:Quarta-Feira, 1 de fevereiro de 2012 às 11:42:34
Não sei se minha dúvida se encaixa aqui, mas vou fazê-la e caso esteja no lugar errado me desculpem os moderadores:
Recebi um cliente novo onde sua contabilidade era feita por outra empresa, enfim constatei que foi deixado de lançar no imobilizado um veículo que a empresa adquiriu em 2010 e não foi feita nenhuma depreciação dos bens do imobilizado. Sendo assim cabe ajuste de exercício anterior e caso sim alguem poderia me dar um exemplo em qual conta seria lançado?
Muito obrigado
Francisco Avelino Jorge

Usuário 2 Estrelas de Prata

profissãoContador(a)
mensagens646
pontos4.192
membro desde10/05/2010
cidadeGovernador Valadares - MG
Postada:Quarta-Feira, 1 de fevereiro de 2012 às 18:23:51
boa tarde,

Cabe sim. Neste caso tem que fazer o ajuste de exercicios anterios em conta de mesmo nome no PL. Você poderá fazer esses ajustes retroagindo 5 anos, pois a partir desta data já foi prescrito.

Atenc.
Reginaldo Teixeira da Silva

Usuário Iniciante

profissãoContador(a)
mensagens57
pontos1.173
membro desde26/08/2009
cidadeTeresina - PI
Postada:Segunda-Feira, 13 de fevereiro de 2012 às 16:23:41
Prezados Colegas,

Revendo a contabilização do Parcelamento pela Lei 11.941/09 surgiu uma dúvida.

No caso de um cliente, os valores dos impostos não estavam reconhecidos no passivo a recolher, então gerei agora tal obrigação lançando contra a conta Ajustes de Exercícios Anteriores, pelo total do Parcelamento, mas ai veio a dúvida, os encargos imbutidos no parcelamento também devíam ter sido lançados contas a rubrica Ajustes ou somente o valor do principal dos impostos e tais encargos seriam reconhecidos nas contas de resultados do exercício corrente.


Outra dúvida também é quanto ao tratamento dado aos encargos de juros de cada parcela, pois tem os encargos incluso no total do parcelamento e aquele que vem em cada parcela quando se emite o DARF no site da Receita. Então que tratamento dá para esses valores de juros ?


Obrigado pela atenção.
Luiz José

Moderador

profissãoContador(a)
mensagens4.353
pontos52.161
membro desde10/10/2006
cidadeNiteroi - RJ
Postada:Segunda-Feira, 13 de fevereiro de 2012 às 21:06:45
Boa noite Reginaldo, como ta meu River? :)


mas ai veio a dúvida, os encargos imbutidos no parcelamento também devíam ter sido lançados contas a rubrica Ajustes ou somente o valor do principal dos impostos e tais encargos seriam reconhecidos nas contas de resultados do exercício corrente.


Os Encargos da divida tem o mesmo tratamento do principal.

Outra dúvida também é quanto ao tratamento dado aos encargos de juros de cada parcela, pois tem os encargos incluso no total do parcelamento e aquele que vem em cada parcela quando se emite o DARF no site da Receita. Então que tratamento dá para esses valores de juros ?


Esses valores é que devem ser reconhecidos nas contas de resultado do exercicio corrente. São despesas financeiras do periodo e lançados de acordo com o regime de competencia.


Abraço.

AVISO AOS NAVEGANTES: É dever do usuário estar sempre alerta às Regras.
profissãoAssistente Contabilidade
mensagens119
pontos899
membro desde11/07/2012
cidadeSanto Andre - SP
Postada:Quarta-Feira, 11 de julho de 2012 às 09:59:55
Bom dia,

Li todos os tópicos mas ainda estou com dúvidas...

Estou com uma empresa, em que os lançamentos estão todos atrasados, sendo assim, estou ainda contabilizando o ano de 2011.

No Balanço de 2010 não consta no Ativo a conta Clientes e no Passivo as contas de Fornecedores e Parcelamentos de Impostos.

Como faço esse ajuste em janeiro de 2011?

Grata
Suzana

Atenciosamente
Suzana Sanches de Oliveira
Mariza Nascimento

Usuário 4 Estrelas Novas

profissãoAssistente
mensagens383
pontos3.122
membro desde26/05/2009
cidadeSao Joao de Meriti - RJ
Postada:Sexta-Feira, 19 de outubro de 2012 às 13:43:07
uma empresa fez ajuste de exercicios anteriores referente saldo de aplicações financeiras de bancos, que não tinham sido lançadas antes na contabilidade no ano de 2010 e em 2011 fez este ajuste, já ouvi falar que quando e ajuste de exercicios anteriores sobre nota fiscal esquecida tem que recolher imposto de renda, e sobre este saldo de aplicações financeiras( que é o saldo final de 12/2010 que passou a ser inicial em 2011)tenho que recolher alguma coisa? nós recolhemos imposto de renda e contribuição social sobre os rendimentos no periodo.

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

Facebook

Receba Novidades


POSTS RELACIONADOS

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

Quem participa

Facebook


Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 0.48 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César