Contábeis o portal da profissão contábil

1
Out 2014
21:23

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Retorno ao Trabalho antes da Pericia do INSS

16   respostas
13.421   acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Jose Donizete

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 18 de janeiro de 2011 às 16:53:14
Prezados,

Tem um funcionário que se afastou por mais de 15 dias, e agendei uma pericia para ele INSS que aconterá no meio do mês de Março, só que agora o médico que o Assiste liberou para o Trabalho, a minha dúvida é:

Posso Deixar ele retornar ao Trabalho antes da pericia do INSS.
Olga de Holanda Siqueira

Usuário 2 Estrelas Douradas

postada em: Terça-Feira, 18 de janeiro de 2011 às 17:18:02
Pode, desde que ele passe no médico do trabalho e este o libere para o trabalho.
Depois ele comparece na perícia e leva todos os exames/atestados para o perito do INSS.
Leila

Usuário 2 Estrelas de Prata

postada em: Terça-Feira, 18 de janeiro de 2011 às 17:18:34
Isso é cada vez mais comum com a demora nas perícias do Inss.

Aqui as empresas de medicina do trabalho orientam a não deixar o funcionário retornar ao trabalho, somente o perito do Inss é que pode dar alta médica do benefício.

Cabe a tua empresa entrar em contato com a empresa que faz os atestados, até porque será necessário um atestado de retorno ao trabalho. Aqui não fazem sem a alta do Inss.

O funcionário não será prejudicado, pois ganhará benefício pelo menos até na data da perícia.

Leandro Lourenço Rocha

Usuário Novo

postada em: Quinta-Feira, 5 de julho de 2012 às 09:22:33
Olá Bom Dia, eu quebrei o meu dedo a pouco tempo fiquei um mês afastado meu dedo ainda não esta 100% porem queria voltar a trabalhar também mais fui encostado e só posso voltar depois da pericia medica do INSS pois a empresa que presta serviços a minha empresa não deixa retornar ao trabalho sem essa pericia, que está marcada pra 4 de setembro daqui a dois meses.Alguém sabe se eu receberei esses dois meses afastado pelo INSS? ?
Paulo dos Santos

Usuário Estrela Dourada

postada em: Quinta-Feira, 5 de julho de 2012 às 10:12:10
leandro

até quando ta marcado o seu beneficio?
Kennya Eduardo

Consultor Especial

postada em: Quinta-Feira, 5 de julho de 2012 às 15:11:31
Leandro, é realmente um risco esperar a perícia para confirmar se seu benefício será ou não renovado.

Suiro que assim que terminar sua licença pelo INSS (a que ainda está vigorando) procure a empresa e peça para ser encaminhado ao exame médico, ou então procure o serviço de medicina do trabalho de seu Sindicato e custeie seu exame médico, assim vc terá um laudo a apresentar na empresa caso seja considerado ápto ao trabalho. Depois vc cancela a perícia.

Leandro Lourenço Rocha

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 10 de julho de 2012 às 10:26:27
Olha gente a minha pericia ta marcada para o dia 04 de setembro eu já fui na empresa que presta serviço para a minha empresa para retornar ao trabalho a empresa em que trabalho só libera o meu retorno com a autorização do medico deles no caso aqui é a SAMDEL. Os médicos da SAMDEL só me liberam pra retornar ao serviço depois do laudo da pericia sendo assim fiz o laudo posso ir no dia 5 de setembro com o exame e pronto entenderam ???? O INSS marcou a pericia muito distante do dia que eu me machuquei ou seja 3 meses depois, então ela deverá custear esse tempo qeu eu ficarei sem salário certo ????
Kennya Eduardo

Consultor Especial

postada em: Terça-Feira, 10 de julho de 2012 às 14:20:23
Leandro, a emresa é obrigada a aceitar os laudos do´serviço médico mantido por seu Sindicato. Aconselho que procure-os e, as suas próprias expensas, custeie seu exame médico.

Não é garantia de que na perícia do INSS vc seja considerado inápto para o trabalho e eles assumam sua seu salário em todo esse tempo.

Eles podem não deferir sua licença e desse modo apenas liberam seu retorno ao servio, e nem eles e nem a empresa arcarão com o pagamento de seus salário em todo esse tempo em que vc ficou afastado.
Leandro Lourenço Rocha

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 10 de julho de 2012 às 17:05:17
Sim Kennya Eduardo eu procurei a empresa e eles me mandaram para o médico ou seja a empresa que presta serviços pra eles quando eles contratam, demitem sabe aqueles exames admissional e demissional, então quando acabou meu atestado eu procurei o RH da minha empresa querendo voltar ao trabalho, eles disseram que para eu voltar ao trabalho teria de passar pelo exame do médico da empresa que presta serviços para minha empresa já que minha pericia estava marcada ainda para 4 de setembro.Fui para fazer o exame a onde eles me mandaram e o que eu ouvi foi que eles não podem me liberar para voltar ao trabalho sem a autorização do INSS que será feito depois da pericia certo ?? O INSS marcou minha pericia muito longe da data que me machuquei assim o médico da empresa não pode analisar sem eu ter feito a tal da pericia, porque eles alegam que precisa do laudo deles primeiro. Lembrando que meu atestado eram de 30 dias e acabou no dia 2/7 e eu estou sem trabalhar esperando essa pericia, meu dedo quebrado ainda não está 100%, o que me preocupa é ficar parado 2 meses sendo que eu não tenho mais atestado e meu dedo esta melhorando.
Leila

Usuário 2 Estrelas de Prata

postada em: Terça-Feira, 10 de julho de 2012 às 17:24:57
Leandro,

Sugestão: vá até uma agência da Previdência Social e tente antecipar a perícia. Já tive casos de funcionários que devido à doença que tinham conseguiram antecipar. Ou tentar agendar para cidades vizinhas, aqui fazemos muito isso, porque o prazo de espera atualmente está lá pra Novembro!
Leandro Lourenço Rocha

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 10 de julho de 2012 às 18:42:54
Ok Leila liguei lá no INSS e eles mandaram eu ir até a onde a pericia será feita e pedir uma pericia de alta médica, amanha já estarei lá certeza não guento mais ficar parado esperar 2 meses seria sacanagem.
Rafael Godoy

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 3 de agosto de 2012 às 11:29:57
Por favor tenho uma duvida... Uma funcionaria entregou um atestado de 15 dias em maio, passado os dias ao inves de retornar ao trabalho ela informou que ja havia marcado a pericia no inss, agendei uma consulta com o medico do trabalho que me informou que ela não tinha problema algum... A pericia dela aconteceu hj 03/08/2012 e o beneficio foi negado como devo proceder? Posso dispensa-la?

Rafael Godoy
Olga de Holanda Siqueira

Usuário 2 Estrelas Douradas

postada em: Sexta-Feira, 3 de agosto de 2012 às 11:48:08
Pode sim.
Ana Claudia Braga

Usuário Estrela Dourada

postada em: Sexta-Feira, 3 de agosto de 2012 às 11:52:05
Rafael

Pode, visto que o atestado dela foi apenas de quinze dias e isso não dá o direito ao afastamento pelo INSS. Talvez por este motivo tenha sido negado o benefício.

Att,
Eduardo de Limas

Moderador

postada em: Sábado, 4 de agosto de 2012 às 15:19:16
Rafael Godoy Boa Tarde;

Solicite que a funcionária faça o exame médico demissional, caso o mesmo conste como ela esta apta para ser dispensada não à impedimentos para realizar a rescisão;

Abraços

Att
Rafael Godoy

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 7 de agosto de 2012 às 11:22:24
Obrigado Pessoal Situação resolvida!!!

Rafael Godoy
Elton Neimann

Usuário Frequente

postada em: Terça-Feira, 4 de setembro de 2012 às 11:37:15
A perícia de Alta médica que o Leandro Lourenço Rocha falou é para o caso de o trabalhador já estar recebendo o benefício e quiser fazer uma perícia para cessar o benefício e retornar ao trabalho. Pelo que me informaram no 135 do INSS, se o médico do trabalho der o atestado de apto para o retorno ele pode voltar a trabalhar e no dia da perícia ele deve apresentar este atestado.

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Receba Novidades


Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 0.77 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César