Contábeis o portal da profissão contábil

23
Dez 2014
02:18

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Impressão da Carta de Correção Eletrônica

12   respostas
62.002   acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Josiane Munhoz

Usuário Iniciante

postada em: Quarta-Feira, 29 de fevereiro de 2012 às 13:18:21
Como faz para imprimir a carta de correção eletrônica?

Josy Munhoz
Croc

Usuário Novo

postada em: Domingo, 17 de junho de 2012 às 20:27:18
Tem este site que gera PDF da Carta de correção eletrônica através do arquivo XML:

http://www.prosolinformatica.com.br/danfe.aspx
Fernando Correa

Usuário 5 Estrelas

postada em: Terça-Feira, 19 de junho de 2012 às 14:04:23
O SEFAZ me respondeu a desta forma:


A CC-e pode ser consultada no site da SEFAZ.

Não pode ser impressa, mas pode ser exportada em XML, e deve ser enviada ao destinatário.

No site da SEFAZ-SP aparece somente a última CC-e autorizada.
Maria Ap. B. da Silveira. Brichi

Usuário Estrela de Prata

postada em: Quarta-Feira, 20 de junho de 2012 às 12:35:32
Boa Tarde a Todos.

Alguém saberia me informar se já é valido a CC-e (carta de correção eletrônica), para o estado de São Paulo ?
pois, encontrei esse artigo no qual diz, que foi prorrogado o prazo..

A Secretaria da Fazenda de São Paulo (Sefaz-SP) adiou de 31 de dezembro de 2011 para 30 de junho de 2012 o uso da carta de correção eletrônica para corrigir erros em documentos fiscais. Até lá, os contribuintes paulistas continuarão utilizando a carta de correção em papel.

A prorrogação está prevista da portaria da Coordenadoria da Administração Tributária (CAT) nº 161, de 5 de dezembro.

De acordo com o advogado Marcelo Jabour, diretor da Lex Legis Consultoria Tributária, São Paulo foi o primeiro Estado a prorrogar a data. “É possível que outros Estados tomem a mesma atitude porque o modelo da carta eletrônica ainda não foi disponibilizada pela Receita Federal”,
Fonte de pesquisa ->Noticias Fiscais

"O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer. "
Albert Einstein

Sempre pesquise antes de postar
Josiani da Rocha

Usuário Novo

postada em: Quarta-Feira, 20 de junho de 2012 às 12:57:44
Boa Tarde Maria,

A emissão da CC-e ainda não é obrigatória. Conforme AJuste SINIEF 10/2011, foi acordado entre os Estados que a obrigatoriedade para produção dar-se-á a partir de 01/07/2012, podendo ser utilizada tanto a CC em papel, como a CC-e, até 30/06/2012.


Sendo que esse mês já iniciei os teste com a carta de correção eletrônica, acredito que não há problemas.

Fernando Correa

Usuário 5 Estrelas

postada em: Quarta-Feira, 20 de junho de 2012 às 13:24:27
Conforme Art. 38-B da Portaria CAT 162/08, o saneamento de erro na NF-e poderá ser feito por meio de carta de correção em papel até 30/06/2012, devendo, após essa data, ser feito exclusivamente por meio da Carta de Correção Eletrônica - CC-e.
Maria Ap. B. da Silveira. Brichi

Usuário Estrela de Prata

postada em: Quarta-Feira, 20 de junho de 2012 às 13:31:17
Desde já agradeço os amigos Josiane e Fernando
Pela colaboração e ajuda

Att
Maria Brichi

"O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer. "
Albert Einstein

Sempre pesquise antes de postar
Márcio Marques

Usuário 5 Estrelas

postada em: Quarta-Feira, 20 de junho de 2012 às 13:39:43
boa tarde!

Você pode entrar no sitio http://www.nfe.fazenda.gov.br, solicitar a consulta da NF-e e abrir o anexo da Carta de Correção onde você pode visualizar o conteudo, da um crtl+alt+prtscn colar no word ou pint art e imprimir!

Analise Fiscal, com enfase nas EFD Fiscal, EFD Contribuição e Desoneração.
Croc

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 25 de junho de 2012 às 13:18:39
Em relação a impressão da CC-e.

Resposta da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Não existe previsão legal de impressão de CC-e. Entretanto, não há restrição de que as informações da carta de correção eletrônica sejam impressas em um documento sem valor fiscal.

Agradecemos seu contato no "Fale Conosco" da Secretaria da Fazenda.

Atenciosamente,

Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo






Carlos Alberto Gama

Articulista

postada em: Terça-Feira, 26 de junho de 2012 às 11:59:47
Entendo que é prudente fazer a impresão, pois vc está corrigindo um erro, em q pese a informação constar no site da NF-e, não custa nada dar publicidade a essa informação.

Carlos Gama.
http://faturista.blogspot.com

Carlos Alberto Gama
Cursos na área de faturamento? http://www.carlosalbertogama.com.br
Advogado na área tributária em São Paulo.
Pós-graduado em Direito Tributário pela PUC/SP.
Editor do Blog do Faturista - http://faturista.blogspot.com.br
Eliane Levez

Usuário Novo

postada em: Quarta-Feira, 1 de agosto de 2012 às 15:29:17
outra ferramenta útil

http://www.leitorxml.com.br/
Rogério Geraldino

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 1 de fevereiro de 2013 às 12:22:29
Caso possa ajudar, uma postagem ainda atual:

http://www.tecnospeed.com.br/blog/como-imprimir-carta-de-correcao-eletronica/


Rogério Geraldino
Analista de Marketing - TecnoSpeed TI
http://www.tecnospeed.com.br
Clemerson

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 5 de julho de 2013 às 14:18:07
para imprimir a carta de correção basta:

*download e instalação do programa danfeview
*gerar os arquivos xml do emissor gratuito de SP
* aparecera dois arquivos mas o arquivo xml com final “…-procEventoNfe” é a carta de correção. Abra-o com Danfeview. Pode aparecer mensagem de erro, se der certo a carta ira aparecer, caso queira em PDF, selecione a impressora e procure impressora cutepdf ou outro a seu critério. Good luck!!


Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Receba Novidades


Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 0.22 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César