Contábeis o portal da profissão contábil

23
Out 2014
01:45

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Cálculo do IRPJ e da CSLL no Lucro Presumido

25   respostas
26.964   acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Leila Duarte Costa

Usuário 2 Estrelas de Prata

postada em: Quinta-Feira, 28 de junho de 2012 às 16:03:04
Caros Colegas,

Por favor, peço uma ajuda.

Tenho um cliente ramo padaria e confeitaria, optante pelo lucro presumido.

Tenho calculado o IRPJ e a CSLL da seguinte forma:

IRPJ aplico percentual de 1,20% sobre a receita bruta

CSLL aplico o percentual de 1,80% sobre a receita bruta

Não sei quais são as alíquotas que deve usar para achar a base.

Recolho por trimestre.

Podem me dizer se estou calculando corretamente?

Desde já agradeço.

Leila

Leila
postada em: Quinta-Feira, 28 de junho de 2012 às 16:12:53
Boa tarde Leila,


O percentual de presunção para esta atividade é de 8,00% para IRPJ e 12,00% para CSLL, resultando em 1,20% e 1,08% aplicando-se diretamente sobre a receita.


IRPJ:

Base de presunção = 8,00%, alíquota do IRPJ = 15,00%, assim sendo:

8,00% x 15,00% = 1,20%.

CSLL:

Base de presunção = 12,00%, alíquota da CSLL = 9,00%, assim sendo:

12,00% x 9,00% = 1,08%.

Exemplo:


Receita do trimestre = R$ 100.000,00

Percentual de presunção do Lucro = 8,00%

Cálculo do IRPJ:

R$ 100.000,00 x 8,00% = R$ 8.000,00 ==> Lucro Presumido

Alíquota do IRPJ = 15,00%

R$ 8.000,00 x 15,00% = R$ 1.200,00 ==> IRPJ



Cálculo da CSLL:

R$ 100.000,00 x 12,00% = R$ 12.000,00 ==> Base de cálculo da CSLL

Alíquota da CSLL = 9,00%

R$ 12.000,00 x 9,00% = R$ 1.080,00 ==> CSLL


Obs.: Sobre a parcela do Lucro presumido que ultrapassar R$ 60.000,00 no trimestre, tera adicional de 10,00% de IRPJ.


"O conhecimento é a única riqueza que quando é dividida, automaticamente se multiplica"
Leila Duarte Costa

Usuário 2 Estrelas de Prata

postada em: Quinta-Feira, 28 de junho de 2012 às 16:31:34
Mário,

Muito obrigada por sua ajuda. Esclareceu todas as minhas dúvidas.

Forte abraço

Leila

Leila
Cleber Oliveira de Souza

Usuário Novo

postada em: Quinta-Feira, 27 de setembro de 2012 às 17:35:53
Boa tarde Mario,

Sobre a explicação acima tirou as minha duvidas. So uma pergunta sobre estas aliquotas diretas elas ja calculam o impostos sobre IR e CSLL certo? e quando tiver o adcional de 10% sobre o IR eu posso usar esta aliquota?

Desde ja agradeço a atenção


Cleber
postada em: Quinta-Feira, 27 de setembro de 2012 às 17:50:53
Boa tarde Cleber,

Em se tratando do Lucro Presumido, sobre a parcela do lucro presumido que ultrapassar R$ 60.000,00 no trimestre, haverá adicional de IRPJ à alíquota de 10,00%.



Exemplo:

Receita do trimestre = R$ 800.000,00

Percentual de presunção do Lucro = 8,00%

Cálculo do IRPJ:

R$ 800.000,00 x 8,00% = R$ 64.000,00 ==> Lucro Presumido

Alíquota do IRPJ = 15,00%

R$ 64.000,00 x 15,00% = R$ 9.600,00 ==> IRPJ


Cálculo do Adicional de IRPJ:


R$ 64.000,00 (-) R$ 60.000,00 = R$ 4.000,00 ==> Base para cálculo do Adicional

R$ 4.000,00 x 10,00% = R$ 400,00


Total de IRPJ:

R$ 9.600,00 + R$ 400,00 = R$ 10.000,00

"O conhecimento é a única riqueza que quando é dividida, automaticamente se multiplica"
Cleber Oliveira de Souza

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 28 de setembro de 2012 às 15:23:19
Mario boa tarde,

Muito obrigado pelas informações.

ATT

Cleber
Mérito Contábil

Usuário Novo

postada em: Quinta-Feira, 4 de outubro de 2012 às 17:40:51
Boa Tarde. Gostaria de saber quando devo deduzir o valor da substituição tributaria da base de calculo do IRPJ e CSLL? Alguém pode me orientar?
Suellen Capra Burgos

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 22 de outubro de 2012 às 09:40:41
A empresa que se desenquadra do simples no meio do trimestre de recolhimento, deve- se manifestar sua opção pelo lucro presumido com o pagamento do imposto referente ao trimestre civil que compreenda o mês a partir do qual se dão os efeitos de desenquadramento.
Lei nº 9.430/1996

Suellen Capra
Pietro Nunes

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 11:48:59
Bom dia,

Preciso de ajuda no cálculo do IR e da CSLL do 3º Trimestre. A empresa é Comércio de Veículos novos e usados.

Faturamentos:
- Julho = R$ 0,00
- Agosto = R$ 17.200,00 (obteve lucro de R$1.000,00 pois o carro foi consignado pelo valor de R$ 16.200,00)
- Setembro = R$ 0,00

Com é feito esse cálculo baseado somente no faturamento de Agosto?

Obrigado!
postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 11:56:35
Bom dia Pietro,


Visto que não houve receita nos meses de Julho e Setembro, a receita do 3º trimestre/2012, neste caso, sera igual a receita de agosto/2012, assim sendo, a receita do trimestre para fins de presunção, no seu exemplo, sera R$ 1.000,00.

"O conhecimento é a única riqueza que quando é dividida, automaticamente se multiplica"
Pietro Nunes

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 14:06:03
Mário, boa tarde!

E como é feito o cálculo do IR e do CSLL? Quais as alíquotas de cada imposto?

Obrigado!
Rosario Lobato

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 14:22:34
Alguém pode me ajudar em relação PER/DCOMP a empresa pagou CSLL a maior no 2º trim/3º trim/4º trim/2011. Estou querendo fazer PER/COMP mas o valor do imposto a recolher 4º trim/2012 é maior que todos os trimestre, posso fazer a compensação mensalmente do imposto que deve ser recolhido trimestralmente? Pois o valor seria compensado por exemplo:outubro c/ valor 2º trim, novembro com valor 3º trim e dezembro com valor 4º trim/2011. Posso fazer dessa forma, alguém pode me ajudar por favor?
postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 15:58:38
Boa tarde Pietro,


Ver a seguir, Soluções de Consulta da Receita Federal do Brasil:


MINISTÉRIO DA FAZENDA
SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL


SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 76 de 18 de Outubro de 2011


ASSUNTO: Imposto sobre a Renda de Pessoa Jurídica - IRPJ

EMENTA: LUCRO PRESUMIDO. COMPRA E VENDA DE VEÍCULOS USADOS. EQUIPARAÇÃO A OPERAÇÕES DE CONSIGNAÇÃO. Para efeito de determinação da base de cálculo do imposto de renda devido pelas pessoas jurídicas optantes pelo lucro presumido que tenham como objeto social, declarado em seus atos constitutivos, a compra e venda de veículos automotores, considera-se receita bruta das operações de venda de veículos usados, adquiridos para revenda, inclusive quando recebidos como parte do preço da venda de veículos novos ou usados, a diferença entre o valor de alienação e o custo de aquisição do veículo. Sobre essa receita bruta, auferida no período de apuração, aplica-se o percentual de 32% (trinta e dois por cento).





MINISTÉRIO DA FAZENDA
SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL


SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 157 de 06 de Abril de 2010


ASSUNTO: Contribuição Social sobre o Lucro Líquido - CSLL

EMENTA: COMPRA E VENDA DE VEÍCULOS USADOS. EQUIPARAÇÃO A OPERAÇÕES DE CONSIGNAÇÃO. EFEITOS TRIBUTÁRIOS. Na determinação da base de cálculo presumida da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido das pessoas jurídicas que tenham como objeto social, declarado em seus atos constitutivos, a compra e venda de veículos automotores, e optarem pela equiparação a operações de consignação, a receita bruta das operações de venda de veículos usados, adquiridos para revenda, bem assim dos recebidos como parte do preço da venda de veículos novos ou usados, será a diferença entre o valor de alienação e o custo de aquisição do citado veículo. Na determinação da referida base de cálculo, aplica-se o percentual de 12% (doze por cento) sobre a receita bruta, definida nos termos acima, auferida nos períodos de apuração ocorridos até 30 de agosto de 2003; para os períodos ocorridos a partir de 1o de setembro de 2003, o percentual passa a ser de 32% (trinta e dois por cento). Caso não seja feita a opção pela equiparação à consignação, e sim, como comércio, aplica-se, sobre a receita bruta, o percentual de 8% (oito por cento), sendo a receita bruta o valor do bem alienado sem qualquer dedução.



Assim sendo, caso se enquadrar nas disposições acima, sera:


IRPJ:


R$ 1.000,00 x 32,00% = R$ 320,00 ==> Lucro Presumido

R$ 320,00 x 15,00% = R$ 48,00 ==> IRPJ


CSLL:

R$ 1.000,00 x 32,00% = R$ 320,00 ==> Base de cálculo do CSLL

R$ 320,00 x 9,00% = R$ 28,80 ==> CSLL

"O conhecimento é a única riqueza que quando é dividida, automaticamente se multiplica"
Pietro Nunes

Usuário Novo

postada em: Segunda-Feira, 19 de novembro de 2012 às 16:12:23
Mário,

Muito obrigado pelo seu esclarecimento!

Abraço!
Fabio Dante Bocchi

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 14 de dezembro de 2012 às 15:38:13
Mario, uma duvida só,

esses adicional de 10% a titulo de IRPJ, é só quando a base de calculo devida do imposto exceder os R$ 60.000,00 no trimestre né? e não quando o faturamento exceder a R$ 60.000,00 no trimestre, correto?

Exemplo:

faturamento no trimestre R$ 150.000,00 x 8% aliquota, igual a R$ 12.000,00 base de calculo x 15% = R$ 1.800,00 devido a titulo de IRPJ.
Marco Arrelaro

Usuário Novo

postada em: Sexta-Feira, 14 de dezembro de 2012 às 15:58:59
O adicional e quando a BASE de calculo ultrapassar os R$ 60.000,00 no trimestre, e so se aplica ao imposto de renda.

Ex.: 800.000,00 x 8% = 64.000,00 x 15% = 9.600,00
64.000,00 - 60.000,00 = 4.000,00 x 10% = 400,00
IR= 9.600,00 + 400,00 (adicional) = 10.000,00 <-- IR devido

Ex2.:700.000,00 x 8% = 56.000,00 + 6.000,00(receita financeira) = 62.000,00 x 15% = 9.300,00
62.000,00 - 60.000,00 = 2.000,00 x 10% = 200,00
IR= 9.300,00 + 200,00 (adicional) = 9.500,00 <-- IR devido
Fabio Alex Keniz Donay

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 28 de maio de 2013 às 11:27:57
Tenho a seguinte duvida, me parece que posso deduzir da base de calculo do lucro presumido no calculo do IRPJ, o pis e cofins não cumulativo, não achei nada a respeito, se alguém souber peço uma ajuda dos colegas.
Mauri Seabra

Usuário 3 Estrelas Novas

postada em: Sábado, 19 de outubro de 2013 às 14:36:26
Fabio,
Boa tarde!!

Se o regime da empresa é lucro presumido, não ha o que falar em Pis/Cofins não cumulativo

Mauri Seabra
Soma Contabilidade, Tributário e Societário.
16 99725-9205
16 99274-6557
16 3397-6623
16 3463-1555
Araraquara/SP
Jumar José Vieira

Usuário Frequente

postada em: Terça-Feira, 29 de outubro de 2013 às 08:44:11
Bom dia colegas!

Alguém sabe como calcular o valor dos juros, quando parcelo o IRPJ e a CSLL trimestral, empresa do Lucro Presumido.
Mauri Seabra

Usuário 3 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 29 de outubro de 2013 às 08:48:48
Jumar,
Bom dia!!

Faz o cálculo pelo Sicalc.

Mauri Seabra
Soma Contabilidade, Tributário e Societário.
16 99725-9205
16 99274-6557
16 3397-6623
16 3463-1555
Araraquara/SP
Jumar José Vieira

Usuário Frequente

postada em: Terça-Feira, 29 de outubro de 2013 às 08:54:00
Mas, Mauri!

É o seguinte a empresa quer saber agora os juros dos impostos no mês de novembro e dezembro, no sicalc, terei que esperar virar o mês pra saber.
Márcio Marques

Usuário 5 Estrelas

postada em: Terça-Feira, 29 de outubro de 2013 às 09:02:28
Bom dia, Jumar José Vieira!

Baixe o SICALC o mês é o juros de 1% mais a SELIC do(s)mês(es) anterior!

http://www.receita.fazenda.gov.br/pagamentos/darf/sicalcinscompumdisco.htm

Segue o link para baixar o sicalc!

Analise Fiscal, com enfase nas EFD Fiscal, EFD Contribuição e Desoneração.
Jumar José Vieira

Usuário Frequente

postada em: Terça-Feira, 29 de outubro de 2013 às 09:23:39
Então vou calcular os juros da seguinte maneira, tanto para o IRPJ e CSLL:

JUROS= 1% + selic de 0,79 = 1,79%

Igor dos Anjos

Usuário 3 Estrelas Novas

postada em: Quarta-Feira, 2 de abril de 2014 às 14:48:46
Prezado,

Tenho um cliente no ramo de construção, a mesma efetua a compra de todos os materiais para suas construções, sendo assim, eu aplico a redução na presunção do IRPJ de 32% para 8% , e do CSLL de 32% para 12% ... Correto ?
Mas estou com a seguinte duvida, estou ficando com um suposto credito do IRPJ, porque além da redução, eu aplico as retenções e ai acaba ficando com um "credito" ... esse credito existe ? ele vai ser acumulado pro trimestre seguinte ?

Obrigado !
Mauri Seabra

Usuário 3 Estrelas Novas

postada em: Quarta-Feira, 2 de abril de 2014 às 16:31:05
Igor,
Boa tarde!!

Os serviços da construção civil não estão sujeitos a retenção do Ir.

E se estiver anotando a retenção em sua nota, está colocando qual base?

Mauri Seabra
Soma Contabilidade, Tributário e Societário.
16 99725-9205
16 99274-6557
16 3397-6623
16 3463-1555
Araraquara/SP
Gabriel Santos de Oliveira

Usuário Iniciante

postada em: Quarta-Feira, 2 de abril de 2014 às 17:33:25
Boa Tarde, aproveitando o tópico, tenho um cliente (Escritório de Advocacia) que enviamos o IRPJ e CSLL antecipadamente, ou seja, após o fechamento do mês enviamos os impostos. Após uma atualização no sistema (Alterdata), fui informado que o sistema não emitiria mais as guias de IRPJ e CSLL Antecipadamente seguindo a nova regra do SPED. Saberiam me informar que regra é essa ?

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Receba Novidades


Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 1.26 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César