Contábeis o portal da profissão contábil

1
Jun 2016
00:22
você está em:

Informações » Notícias

São Paulo ganha Observatório Social para monitorar gestão dos recursos públicos

Objetivo é evitar ilegalidades e contribuir para a correta aplicação dos recursos que vêm dos impostos paulistanos; constituição do Observatório acontece no dia 3 de março, às 19h, na Fecap

postado 03/03/2016 15:08:45 - 663 acessos

Está sendo formado em São Paulo (capital) o “Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP)”, que tem como objetivo evitar impropriedades, ilegalidades e desvios dos recursos públicos no município. 

Órgãos de Controle Social, entidades representativas (sociais e empresariais) grupos sociais organizados, investidores sociais e membros da sociedade civil participam do Observatório como forma de impedir a corrupção e auxiliar a gestão da cidade na correta aplicação dos recursos que vêm dos impostos paulistanos. 

Hoje (3), às 19h, acontece a Assembleia de Constituição do Observatório de São Paulo. O convite é aberto para todos os moradores de São Paulo. O Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo (CRCSP) é um dos apoiadores da iniciativa e está convidando todos os profissionais contábeis para participar.

Durante a Assembleia será aprovado o Estatuto Social e eleito e empossado o Conselho Diretor e Conselho Fiscal do Observatório do município de São Paulo.

O que é o OSB-SP

Trata-se de uma organização criada pela sociedade civil, que promove a cidadania fiscal e trabalha pela transparência na gestão do município.

Profissionais, estudantes e cidadãos comuns poderão acompanhar, de forma sistemática, organizada e preventiva, as ações da administração pública e ajudar na monitoração de políticas públicas, instituídas para os moradores de São Paulo. Profissionais contábeis voluntários podem contribuir muito para os Observatórios Sociais. 

Para o presidente do CRCSP, Gildo Freire de Araújo, participar de um Observatório Social e exercer esse controle social é, sem dúvida, ter consciência da diferença que a ação de cada pessoa faz no mundo, é saber que as iniciativas locais contribuem para a harmonia geral, é ser íntegro.

Atualmente a Rede Observatório Social do Brasil (OSB) está presente em mais de 100 cidades brasileiras, espalhadas por 19 Estados. Nos últimos três anos, 50 municípios já tiveram a economia de R$ 1 bilhão aos cofres públicos locais.

O Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP) tem mais de 50 apoiadores:

  • CRCSP – Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo
  • ANABB – Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil
  • Arquidiocese de São Paulo – pela Pastoral Fé e Política
  • ACSP – Associação Comercial de São Paulo
  • ASDPESP – Associação dos Servidores e Servidoras da Defensoria Pública do Estado de São Paulo
  • CAASP – Caixa de Assistência dos Advogados de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB-SP, CGU – Controladoria-Geral da União
  • Ciesp – Centro de Indústria do Estado de São Paulo
  • CGM – Controladoria Geral do Município de São Paulo
  • Movimento Social Educafro, Faculdade Sumaré
  • Fecap – Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado
  • Fenastc – Federação Nacional das Entidades dos Servidores dos Tribunais de Contas do Brasil
  • Fiesp – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo
  • Gefesp – Grupo de Educação Fiscal do Estado de São Paulo
  • Instituto Ethos
  • Ibap – Instituto Brasileiro de Advocacia Pública
  • Instituição Maçônica “Grande Oriente de São Paulo”
  • IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação
  • Instituto Viva Cidadania
  • IRES – Instituto ADVB de Responsabilidade Socioambiental
  • MCCE – Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral
  • Ministério Público do Estado de São Paulo
  • Ministério Público Federal
  • MPD – Movimento do Ministério Público Democrático
  • Movimento Voto Consciente
  • OAB-SP – Ordem dos Advogados do Brasil – Seção de São Paulo
  • PNEF – Programa Nacional de Educação Fiscal na Receita Federal em São Paulo
  • PNBE – Pensamento Nacional das Bases Empresariais
  • Rebrates – Rede Brasileira do Terceiro Setor
  • Receita Federal do Brasil – São Paulo
  • Sindilex – Sindicato dos Servidores da Câmara Municipal e do Tribunal de Contas do Município de São Paulo
  • Simpi – Sindicato da Micro e Pequena Indústria do Estado de São Paulo
  • Sinal – Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central
  • TCM – Tribunal de Contas do Município de São Paulo
  • Unacon Sindical – Sindicato Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controles
  • APF – Associação Paulista de Fundações
  • Aescon-SP – Associação das Empresas de Serviços Contábeis
  • CNSP – Confederação Nacional dos Servidores Públicos
  • Fasp – Federação dos Servidores Municipais de São Paulo
  • Ibracon – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil
  • Programa de Voluntariado da Classe Contábil
  • Programa Nacional de Educação Fiscal na Receita Federal em São Paulo
  • Rede Nossa São Paulo
  • Sescon-SP – Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis
  • Sindcont-SP – Sindicato dos Contabilistas de São Paulo
  • Sindireceita – Sindicato Nacional dos Analistas Tributários
  • Sindifisco – Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal
  • Unafisco – Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil.

Serviço

Evento: Assembleia de Constituição do Observatório de São Paulo

Data: 3 de março de 2016

Horário: 19h

Local – Fecap (Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado)

Endereço: Av. da Liberdade, 532.

Fonte: Assessoria de imprensa CRCSP

Notícia enviada por

ACOMPANHE NOSSAS NOTÍCIAS

Comentários

MATÉRIAS RELACIONADAS

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

TOP ENVIO DE Notícias

Facebook


Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso. Página carregada em 0.1 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César