x

FÓRUM CONTÁBEIS

ASSUNTOS ACADÊMICOS

respostas 3

acessos 437

Escrituração Contábil

Romario Lima de Oliveira

Iniciante DIVISÃO 2, Administrador(a)
há 26 semanas Sexta-Feira | 16 novembro 2018 | 17:29

Olá estou com dificuldade de fazer essas escriturações , sou aluno do 1 período de Administração e isso caiu pra mim, não estou conseguindo desenvolver, agradeço desde já.

1) REALIZE, DAS DUAS FORMAS POSSÍVEIS, A ESCRITURAÇÃO NO LIVRO DIÁRIO DOS FATOS CONTÁBEIS GERADOS NO PERÍODO:

a) Com o fim de obter o montante necessário para viabilizar a empresa, os sócios se dispuseram de bens pessoais. Pedro, vendeu um terreno no valor de R$ 150.000,00 e por um carro de segunda mão obteve o valor de R$ 60.000,00. João, por sua vez, vendeu um caminhão por R$ 150.000,00, por R$ 40.000,00 um carro de passeio ano 2010 modelo 2011 e, retirou do investimento que fez a curto prazo o valor de R$ 20.000,00. O capital subscrito no contrato
social é de R$ 240.000,00. Os sócios, em 01/01/2017, integralizaram na conta aberta para esse fim o capital social em dinheiro.

b) Cientes da necessidade de capital de giro, realizaram a abertura de uma conta corrente em nome da empresa para sua movimentação e depositaram, em 06/01/2017, R$ 180.000,00 em dinheiro nesta conta bancária, conforme comprovante de depósito bancário.

c)Os sócios, mediante saque em conta corrente, em 07/01/2017, destinaram a importância de R$ 10.000,00 para saldo inicial de caixa.

d)Prudente e acertadamente, após orçarem o custo para início do negócio em um ponto próprio e, também, considerando a possibilidade de um início cercado por incertezas em função da atual conjuntura econômica do país, optaram por ocupar para o fim almejado, um imóvel de terceiros, para isso, pagaram por transferência bancária a despesa com aluguel do mês corrente, em 10/01/2017, no valor de R$ 10.000,00.

e)Dentro de uma visão administrativa pró-ativa, com o intuito de garantir segurança na armazenagem de dados e rapidez na aquisição de informações, bem como primando pela organização e método obtidos com o emprego de TI, a empresa em 15/01/2017, após criteriosa pesquisa de mercado, investiu, mediante pagamento em cheque à vista, R$ 12.000,00 na aquisição de uma impressora e dois computadores de mesa.

f)Para que a empresa pudesse desenvolver sua operacionalidade haveria de ser constituído seu ativo imobilizado, para tanto, em 18/01/2017, comprou à vista e em dinheiro, da empresa Móveis e Utensílios Domésticos e Empresariais Ltda., o total de R$ 3.200,00 em armários, arquivos, mesas, cadeiras e prateleiras de aço.

g)Tratando-se de uma empresa de natureza mercantil, montou seu estoque de mercadorias destinadas à revenda. Havendo, antecipadamente, sido feito todo um planejamento, embasado em um criterioso estudo de mercado, enfatizando o levantamento e constituição de relação de fornecedores, não só para compras à vista como também a prazo, para pagamento via cartão de crédito, cheque, boleto bancário e transferência bancária, em 22/01/2017, a administração da empresa P & J Quase Tudo, comprou a prazo R$ 54.000,00 para pagamento em 60 dias através de boleto bancário.

h)Em 25/01/2017, a P & J Quase Tudo, empresa mercantilista, vendeu parte de seu estoque de mercadoria gerando uma receita bruta de R$ 30.000,00 à vista em dinheiro, tendo sido de R$ 14.000,00 o custo de aquisição da mercadoria vendida.

Romario Lima de Oliveira

Iniciante DIVISÃO 2, Administrador(a)
há 26 semanas Sexta-Feira | 16 novembro 2018 | 18:55

atualmente eu to assim já.

1) Com o fim de obter o montante necessário para viabilizar a empresa, os sócios se dispuseram de bens pessoais. Pedro, vendeu um terreno no valor de R$ 150.000,00 e por um carro de segunda mão obteve o valor de R$ 60.000,00. João, por sua vez, vendeu um caminhão por R$ 150.000,00, por R$ 40.000,00 um carro de passeio ano 2010 modelo 2011 e, retirou do investimento que fez a curto prazo o valor de R$ 20.000,00. O capital subscrito no contrato
social é de R$ 240.000,00. Os sócios, em 01/01/2017, integralizaram na conta aberta para esse fim o capital social em dinheiro.

01/01/2017
D- Imóveis (+A) R$ 150.000,00
D- Veículos (+A) R$ 250.000.00
D- Caixa (-A) R$ 20.000,00
C- Capital Social (+PL) R$ 240.000,00
H.: Vlr. Existente em 01/01/2017 R$ 240.000,00, Ref. Venda de um terreno e automóveis.




2) Cientes da necessidade de capital de giro, realizaram a abertura de uma conta corrente em nome da empresa para sua movimentação e depositaram, em 06/01/2017, R$ 180.000,00 em dinheiro nesta conta bancária, conforme comprovante de depósito bancário.

06/01/2017
D- Banco (+A) R$ 180.000,00
C- Caixa (-A) R$ 180.000,00
H.: Deposito em dinheiro em 06/01/2017 R$ 180.000,00 Ref. Dep. Conforme comprovante bancário




3) Os sócios, mediante saque em conta corrente, em 07/01/2017, destinaram a importância de R$ 10.000,00 para saldo inicial de caixa.

07/01/2017
D- Caixa (+A) R$ 10.000,00
C- Banco (-A) R$ 10.000,00
H.: Diminuiu seu dinheiro na conta banco e aumentou a conta caixa


4) Prudente e acertadamente, após orçarem o custo para início do negócio em um ponto próprio e, também, considerando a possibilidade de um início cercado por incertezas em função da atual conjuntura econômica do país, optaram por ocupar para o fim almejado, um imóvel de terceiros, para isso, pagaram por transferência bancária a despesa com aluguel do mês corrente, em 10/01/2017, no valor de R$ 10.000,00.

10/01/2017
D- Despesa com aluguel (-PL) R$ 10.000,00
C- Banco (-A) R$ 10.000,00
H.: pgto. Aluguel mês 01/2017



5) Dentro de uma visão administrativa pró-ativa, com o intuito de garantir segurança na armazenagem de dados e rapidez na aquisição de informações, bem como primando pela organização e método obtidos com o emprego de TI, a empresa em 15/01/2017, após criteriosa pesquisa de mercado, investiu, mediante pagamento em cheque à vista, R$ 12.000,00 na aquisição de uma impressora e dois computadores de mesa.

15/01/2017
D- Equipamentos de informática (+A) R$ 12.000,00
C- Banco (-A) R$ 12.000,00
H.: Vlr. Ref. Compra Equipamentos de informatica

6) Para que a empresa pudesse desenvolver sua operacionalidade haveria de ser constituído seu ativo imobilizado, para tanto, em 18/01/2017, comprou à vista e em dinheiro, da empresa Móveis e Utensílios Domésticos e Empresariais Ltda., o total de R$ 3.200,00 em armários, arquivos, mesas, cadeiras e prateleiras de aço.

18/01/2017
D- Móveis e utensílios (+A) R$ 3.200,00
C- Caixa (-A) R$ 3.200,00
H.: Vlr. Ref. Compra Moveis e utensílios domésticos e empresariais Ltda.


7) Tratando-se de uma empresa de natureza mercantil, montou seu estoque de mercadorias destinadas à revenda. Havendo, antecipadamente, sido feito todo um planejamento, embasado em um criterioso estudo de mercado, enfatizando o levantamento e constituição de relação de fornecedores, não só para compras à vista como também a prazo, para pagamento via cartão de crédito, cheque, boleto bancário e transferência bancária, em 22/01/2017, a administração da empresa P & J Quase Tudo, comprou a prazo R$ 54.000,00 para pagamento em 60 dias através de boleto bancário.

22/01/2017
D- Estoque (+A) R$ 54.000,00
C- Duplicatas a Pagar (+P) R$ 54.000,00
H.: Vlr. Ref. Compra de estoque de mercadoria


8) Em 25/01/2017, a P & J Quase Tudo, empresa mercantilista, vendeu parte de seu estoque de mercadoria gerando uma receita bruta de R$ 30.000,00 à vista em dinheiro, tendo sido de R$ 14.000,00 o custo de aquisição da mercadoria vendida.

25/01/2017
D- Caixa (+A) R$ 30.000,00
C-
H.:


Géssica Nascimento

Prata DIVISÃO 3, Assistente Contabilidade
há 26 semanas Segunda-Feira | 19 novembro 2018 | 18:21

Vamos lá

01) O enunciado diz que eles venderam bens próprios para compro capital da empresa, então não tem que colocar os imobilizados pois eles pertenciam aos sócios, não entraram na empresa, apenas foram vendido para arrecadar o dinheiro para então ser investido.

Os sócios, em 01/01/2017, integralizaram na conta aberta para esse fim o capital social em dinheiro.
Então temos:

D- Caixa (AC)
C - Capital social (PL) - R$240.000,00

02) Esse confesso que fiquei na duvida, mas a melhor forma que achei foi colocar no PL, isso porque colocar Banco x Caixa fica incoerente, pois o próximo lançamento já é um saque para caixa, e capital de giro, conforme pesquisas, pode ser considerado um patrimonio. Então acredito que seja

D- Banco (AC)
C- Capital de Giro (PL) - 180.000,00

03) OK
04) OK
05) OK
06) OK
07) OK

08)
gerando uma receita bruta de R$ 30.000,00 à vista em dinheiro,

Pela venda de mercadoria:

D- Caixa (AC)
C - Receita de Vendas (Conta de Resultado) - 30.000,00
H: Venda de mercadoria a vista nesta data conforme NF x

tendo sido de R$ 14.000,00 o custo de aquisição da mercadoria vendida.

D- CMV (CR)
c- Estoque - 14.000,00
H: Custo de mercadoria vendida nesta data


Acredito que seja isso colega, espero ter ajudado.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL

cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.