C U R S O   O N - L I N E

Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física 2019. Aprenda com quem vive a contabilidade.

Contábeis o portal da profissão contábil

17
Feb 2019
21:25

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Transformação de Empresário Individual (Espólio) em Sociedad

0respostas
45acessos
  

profissão
mensagens3
pontos128
membro desde19/12/2018
cidade
Postada:Segunda-Feira, 11 de fevereiro de 2019 às 17:01:52
Boa tarde caros colegas.
Estou vivenciando uma situação um tanto complicada, é a primeira vez que tenho um caso assim.
Perdoem, meu texto é um pouco extenso, para que possam compreender o caso, e espero que assim, me auxiliar.

O que ocorre é o seguinte:
* O empresário individual (no caso, uma senhora) veio a falecer, porém o senhor seu esposo, manisfestou interesse em dar continuidade à atividade; já temos em mãos a Pública Escritura de Inventário e Partilha de Bens; como não é possível transferir a titularidade sem alvará judicial, foi nos sugerido transformar em sociedade limitada, ficando sócios o viúvo e outra pessoa.

* Fiz o processo, dei entrada na Junta Comercial do ES, e caiu em exigência. O analista disse que "o viúvo devera receber o capital devido ao falecimento da titular (conforme consta na Escritura de Partilha) e apos fazer a cessão de quotas ao novo sócio".

* O que eu fiz foi identificar o espólio da senhora, em seguida qualificando o inventariante, que é o esposo que ficará com a empresa; em seguida, indiquei "fazendo uso do que permite o § 3º do art. 968 da Lei nº 10.406/2002, com a redação alterada pelo art. 10 da Lei Complementar nº 128/2008, ora transforma seu registro de EMPRESÁRIO(A) em SOCIEDADE EMPRESÁRIA LIMITADA, uma vez que são admitidos os sócios 1 e 2, passando a constituir o tipo jurídico SOCIEDADE EMPRESÁRIA LIMITADA, a qual se regerá, doravante, pelo presente CONTRATO SOCIAL ao qual se obrigam mutuamente todos os sócios.

Estou com dúvida de como redigir de forma que atenda ao pedido do analista. Pesquisei e não encontrei nenhum modelo ou caso semelhante. Tentei contato com a JUCEES, pedindo ajuda, mas a reposta obtida foi "... a JUCEES não elabora cláusulas".
Se alguém souber, como é feito neste caso, agradeço muitíssimo.

Abraço.

Nenhuma alta sabedoria pode ser atingida sem uma dose de sacrifício.
C. S. Lewis

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

Facebook


x

CADASTRE-SE
GRATUITAMENTE

e faça parte da maior
comunidade contabil
da internet brasileira

x

Faça parte da maior
comunidade da internet
brasileira
, e receba nosso
conteúdo gratuitamente

CADASTRE-SE GRÁTIS

ENVIAR

Ao se cadastrar, você aceita os termos de uso do portal Contábeis.

CADASTRE-SE COM AS REDES SOCIAIS

x

OLÁ ROGÉRIO

vocÊ sabia que você pode
enviar artigos pelo site ?

x

digite seu email ao lado
para receber a senha
em sua caixa de entrada.

RECUPERAR MINHA SENHA

ENVIAR
x

Parabéns!

Veja os próximos passos
para aproveitar tudo o que
preparamos para você.

x

Cadastro efetuado com sucesso !
Enviamos para seu e-mail os procedimentos para confirmação de seu cadastro.
Ele será concluído depois que você fizer a confirmação via e-mail.

Caso não tenha recebido:

* Aguarde mais alguns minutos.
* Verifique sua pasta de spam (ou lixo eletrônico).
* Solicite o reenvio da mensagem de confirmação clicando aqui.

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso.

Site desenvolvido por
Julio Guimarães | Rogério César