Contábeis o portal da profissão contábil

22
Jul 2017
11:32
você está em:

Conteúdo » Artigos

Como se manter sua empresa em tempos de crise

Administrar uma empresa não é tarefa fácil, em tempos de crise, essa tarefa se torna mais difícil.

postado 04/08/2015 16:40:58 - 3.155 acessos

Ser empreendedor é o sonho da maioria dos brasileiros, ter sua independência financeira e trabalhar para sua empresa crescer é o que move os brasileiros a ter o sonho do próprio negocio. Porem esse sonho não é tão simples assim.

Pesquisa realizada pelo SEBRAE indica que, as empresas que fecham as portas antes de um ano de atividade, gira em torno de 25%, dentro delas, 82% fecham antes de completar 6 meses de atividade.

Administrar uma empresa não é tarefa fácil, em tempos de crise, essa tarefa se torna mais difícil.

A seguir listamos alguns pontos em que o empreendedor deve ficar atento para se manter na crise e crescer futuramente:

1)      Tenha capital de Giro

Em torno de 46% das empresas que fecharam as portas não sabiam o capital de giro. Recomenda-se saber qual o capital de giro de sua empresa, para isso, antes mesmo da abertura da empresa, um planejamento orçamentário se torna necessário, para que, em épocas de crise, esse capital seja suficiente para se manter ativo até a economia voltar a crescer.

2)      Tenha controle de seu estoque

Saber o quanto e o que se compra é uma tarefa das mais importantes dentro da empresa. Se você conhece seu estoque, então sabe qual a mercadoria que mais gira, e qual menos gira, com isso sabe qual mercadoria comprar mais e qual comprar menos.

3)      Prazo para pagamentos de compras

Sabendo qual produto gira mais e qual gira menos, é ora de procurar os fornecedores não somente com os melhores preços, mas também com os melhores prazos. Geralmente uma negociação com os fornecedores pode levar a empresa ganhar mais tempo para pagamento de suas compras. Um produto que gira menos deve se ter maior prazo para pagamento do que um produto que gira mais.

4)      Prazo para recebimento de vendas

O prazo para receber suas vendas deve ser sempre menor ao que você paga seus fornecedores. Se você paga seus fornecedores em torno de 60 dias, é recomendável que você receba suas vendas em até 30 dias.

5)      Conheça seus clientes

É muito importante que você saiba o perfil de seu cliente. Alem de conhecer muito bem seu produto, é imprescindível que você conheça para quem vai vender este produto. Saber qual publico alvo que você esta vendendo é de suma importância. Um estudo do perfil de seus principais clientes pode fazer você conhecê-los melhor e com isso melhorar o atendimento e a satisfação deles com sua empresa.

6)      Conheça seus concorrentes

Além de conhecer os clientes, também procure saber dos seus concorrentes. Em tempos de crise o consumidor pesquisa muito, procura saber não somente preços, mas também qualidade e prazos para pagamentos. Saber o que seus concorrentes oferecem qual a qualidade, seus preços e seus prazos, é muito importante para saber como você esta em relação a eles.

7)      Invista em Tecnologia

Ter um sistema operacional que você tenha controle de todas as operações da empresa, é importante para que você possa gerir melhor os resultados, além de ter conhecimento de seus custos, perdas, vendas e a margem de lucro.

8)      Utilize a contabilidade como forma gerencial

Não trate seu contador apenas como “guarda-livros”. O contador pode ser importante para que, através da contabilidade, faça uma analise no balanço da empresa, e posso identificar quais pontos da empresa merecem atenção para melhorar e quais devem

9)      Tenha um planejamento tributário

Seu contador pode ser importante para um planejamento tributário. Nem sempre o Simples Nacional é a melhor forma de tributação, dependendo do custo e da margem de lucro da empresa, o Lucro Real e o Lucro Presumido podem representar uma economia tributaria para empresa, por isso um planejamento tributário bem planejado é essencial. Lembrando que a escolha de tributação vale para o ano todo.

10)  Ofereça um plano de carreira

Um bom funcionário procura, além de salário, uma estabilidade. Promover um plano de carreira para um funcionário dedicado faz com que ele tenha uma motivação maior para trabalhar dentro da empresa e possa levar a empresa a um crescimento. Passar para o funcionário, em épocas de crise, a real situação da empresa, pode levar com que ele se dedique mais para que a empresa possa crescer e, conseqüentemente, ele crescer junto.

Seguindo esses passos a empresa tem uma grande chance de se manter estável em época de crise, e crescer junto com a economia em tempos de ascensão.

Artigo enviado por
Comentários

MATÉRIAS RELACIONADAS

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

TOP ENVIO DE Artigos

Consulta de NFes direto da Sefaz Com download automático de XMLs de NFes e NFSes, DANFes e mais

20% de desconto nos primeiros 6 meses! Descontos especiais para escritórios contábeis.

conheça mais

Facebook


Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Ao acessar este site você concorda com os Termos de uso. Página carregada em 0.07 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César