Contábeis o portal da profissão contábil

31
Jul 2014
18:39

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Empresa do mei ultrapassa valor anual

1respostas
1.702acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Mauricio Di Souza

Usuário 5 Estrelas

profissãoTécnico Contabilidade
mensagens153
pontos949
membro desde07/07/2010
cidadeSao Paulo - SP
Postada:Quinta-Feira, 29 de março de 2012 às 22:44:48
Pessoal, boa noite!! estou fazendo a declaração de uma empresa do MEI e no ano passado o empresario está declarando uma receita bruta de aproximadamente 75.000,00, porem, quando vou declarar o sistema não deixa continuar alegando que o valor total ultrapassa o limite anual. Eu sei que quando o valor total é ultrapassado o empresario tem que pagar imposto sobre a diferença. Alguem saberia me informar como devo proceder nesse caso??
Será que devo declarar o limite? e depois, como faço para pagar a diferença??
Mauricio
Paulo R. Schafer

Moderador

profissãoContador(a)
mensagens5.638
pontos72.177
membro desde16/12/2011
cidadeBrusque - SC
Postada:Sexta-Feira, 30 de março de 2012 às 08:10:51
Mauricio veja o procedimento correto nessas situações:

MEI que auferiu receita bruta anual em 2011 superior a R$ 36.000,00 mas não
ultrapassou R$ 60.000,00
O MEI que no ano de 2011 ultrapassou o limite de receita bruta de R$ 36.000,00 em
até 20% (receita bruta anual até R$ 43.200,00), ou seu limite proporcional no caso
de estar no ano de início de atividade, não precisa comunicar seu
desenquadramento e se mantém como MEI em 2012.
Contudo, caso já tenha comunicado seu desenquadramento, e não tenha
realizado novo pedido no portal (até 31/01/2012), não estará enquadrado como
MEI em 2012.
O MEI que no ano de 2011 ultrapassou o limite de receita bruta de R$ 36.000,00 em
mais 20% (receita bruta superior a R$ 43.200,00) ou seu limite proporcional no caso
de estar no ano de início de atividade, será desenquadrado com efeitos retroativos
2
a 01/01/2011 ou ao início de atividade. Em 2011, terá que efetuar os recolhimentos
segundo as regras das empresas optantes pelo Simples Nacional (utilizando o
aplicativo de cálculo PGDAS). O desenquadramento neste caso é obrigatório, pois
seus efeitos são retroativos (artigo 3º da Resolução CGSN 58/2009).
O empresário que obteve receita bruta entre R$ 43.200,01 e R$ 60.000,00 em 2011,
poderia ter solicitado novo enquadramento como MEI em janeiro de 2012, tendo
efeitos a partir de 01/01/2012. Resumindo, permaneceria no Simples Nacional em
2011 e no Simei (sistema de pagamento em valores fixos para o MEI) em 2012,
desde que tivesse solicitado novo enquadramento até 31/01/2012.

"Se pensarmos no pássaro garantido em nossa mão, perdemos uma revoada de oportunidades..."

Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

Facebook

Receba Novidades


POSTS RELACIONADOS

Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

Quem participa

Facebook


Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 0.14 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César