x
CONTEÚDO artigos

Tributário

O que é o Simples Nacional?

Conheça os benefícios do chamado SuperSimples.

04/04/2018 09:06:31

8,1 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

O que é o Simples Nacional?

 

O Simples Nacional, também conhecido como Super Simples, é um regime especial de tributação federal, criado em 2007. Ele unifica oito impostos entre municipais, estaduais e federais em um único pagamento.

QUEM PODE ADERIR AO SIMPLES NACIONAL?

Empresas com faturamento anual acumulado até R$ 4,8 milhões cujas as atividades estejam elencadas na Lei Complementar 123/2006.

QUEM NÃO PODE ADERIR AO SUPERSIMPLES?

  • Empresas com faturamento superior a R$ 4,8 milhões;
  • Que estão em débito com o INSS ou Dívida Ativa da União;
  • Tenha outra empresa como sócia;
  • Negócios que ainda estejam irregulares e sem inscrição;
  • Seja filial, sucursal, agência ou representação, no País, de pessoa jurídica com sede no exterior;
  • Tenha sócio que more no exterior;
  • Seja constituída sob a forma de cooperativas, salvo as de consumo.

QUAIS OS IMPOSTOS INCLUSOS NO SIMPLES?

  • Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) ;
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI);
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) ;
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS) ;
  • Contribuição para o PIS/Pasep;
  • Contribuição Patronal Previdenciária (CPP);
  • Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) ;
  • Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).

TABELAS SIMPLES NACIONAL 2018

Desde janeiro de 2018, novas tabelas foram lançadas. Você pode conferir clicando no link, de acordo com o seu ramo de atividade: Tabela 2018.

FATOR ´R´

Algumas atividades estão sujeitas ao chamado Fator R. Este fator se refere a folha de salários. Se a divisão do valor total de salários, encargos e pró-labore pelos 12 meses for igual ou superior a 28% do faturamento, a empresa terá uma tributação diferenciada, conforme Anexo III da Lei Complementar 123/2006.

SIMPLES NACIONAL, LUCRO REAL OU PRESUMIDO?

A escolha do regime de tributação, dependerá do ramo de atividade, porte e a situação da empresa. Você poderá entrar em contato com a RCS Assessoria Contábil, para verificar se o Simples Nacional é um regime permitido para o seu tipo de negócio e se ele será  melhor opção ou não. Sendo a melhor opção, poderemos prepará-lo para um melhor resultado em 2019.

Referências:
http://m.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/UFs/AM/Banner/arquivo_1512481714.pdf

http://www8.receita.fazenda.gov.br/simplesnacional/

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.