x

Trabalhista

O profissional de RH deve mudar seu processo de trabalho e cultura para atender ao Novo eSocial / EFD-Reinf? O que isso tem a ver com o SST?

Tendo como premissa a modernização das informações junto aos entes, como por exemplo, a modenização das NRs e consolidação normativa que tratam da desburocratização e é necessário para desenhar o novo eSocial no que tange ao SST.

01/08/2019 15:30:50

7.123 acessos

O profissional de RH deve mudar seu processo de trabalho e cultura para atender ao Novo eSocial / EFD-Reinf? O que isso tem a ver com o SST?

No mundo globalizado em que vivemos, amplamente dinâmico no qual nos exige habilidade para ver, aceitar e colocar em prática algo novo todos os dias. Tendo em vista a agilidade de transformação, requer uma visão sistêmica de tudo, temos que estar atentos, aprender a desapegar dos métodos e práticas para atualizar nosso trabalho à medida que algo novo acontece.

Portanto, temos de mudar, sim!

Minha experiência como profissional que atua na área de recursos humanos resultou na possibilidade de ver o mundo dessa forma. 

Atualização e competência técnica é o que faz a diferença no mercado de trabalho, quando passamos a ver e trabalhar desta forma tudo fica mais fácil, as soluções ficam mais evidentes.

A cada consultoria, treinamento, curso ou palestra que ministro aprendo e aprimoro meu leque de processos e conhecimentos, percebendo assim que posso melhorar todos os dias com as experiências adquiridas.

Hoje, para que possamos adequar os nossos meios de trabalho a fins de atender as novas demandas que virão por aí, como por exemplo o Novo eSocial e a EFD-Reinf, precisamos estar abertos a novos aprendizados, mudança de cultura e, de fato, isso representará uma quebra de paradigma.

Será necessário construir os novos ambientes (novo eSocial / EFD-REINF), onde os pacotes de informações começam a chegar, no entanto, assim como todo período transição, esses pacotes estão sendo adaptados a todo momento, e farão aos novos leiautes, logo será de extrema importância os profissionais de RH possuírem muita dinâmica e resiliência frente aos novos desafios.

Tendo como premissa a modernização das informações junto aos entes, como por exemplo, a modenização das NRs e consolidação normativa que tratam da desburocratização e é necessário para desenhar o novo eSocial no que tange ao SST.

Qual objetivo da revisão das NRs e consolidação normativa?

Para haver modernização é necessário rever a legislação e dentre ela o SST passa por isso nesta terça (30), duas NRs foram revisadas.

Veja alguns pontos da que servem de premissa nesta revisão: 

  • Reduzir a quantidade de acidentes e doenças ocupacionais;
  • Alcançar um sistema normativo íntegro, harmônico, moderno e com conceitos claros;
  • Garantir proteção e segurança jurídica para todos ü Reduzir o “custo Brasil”;
  • Favorecer a geração de emprego e renda. ”

 

O que muda nas NRs 1 e 2 com a revisão?

 “A NR 1 estabelece a competência dos órgãos públicos na defesa da segurança e da saúde do trabalho. Foi modificada pela última vez foi em fevereiro de 2009.

"Sem retirar a proteção aos trabalhadores, vai beneficiar especialmente microempresas e empresas de pequeno porte. Construiu-se, por exemplo, um capítulo voltado para capacitação, matéria que estava prevista em 232 itens, subitens, alíneas ou incisos de NRs."

Com a nova redação, será permitido, por exemplo, o aproveitamento total e parcial de treinamentos quando um trabalhador muda de emprego dentro da mesma atividade. A estimativa do Executivo é que a alteração gere economia de R$ 2 bilhões no período de dois anos.

Já a NR 2, que foi revogada, trata da inspeção prévia de estabelecimentos novos. Pela regra, antes do início efetivo das atividades, todos deveriam solicitar a aprovação de suas instalações ao órgão regional do Ministério do Trabalho, a quem cabe verificar as condições de saúde e segurança no trabalho.”

Acompanhe o cronograma com as NRs, data da reunião e pautas:

Uma boa dica é: comece agora e não espere ser surpreendido por prazos, falta de informações ou processos inadequados que possam gerar a falta de envio de informações para o eSocial dentro do prazo legal, faça do Novo eSocial e da EFD-Reinf um projeto legal para você profissional, para o trabalhador, para o empregador e que fato seja legal no que tange às informações e legislação também para o fisco.

Trabalhe de forma preventiva e faça a diferença no mercado!

Sucesso!

MATÉRIAS RELACIONADAS
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.