x
CONTEÚDO artigos

financeiro

6 dicas para o planejamento tributário ser seu aliado no combate aos efeitos da pandemia

E notável que a pandemia, causada pelo COVID-19, esta deixando diversos reflexos na economia mundial. Diante desse cenário é importante ter aliados. Um deles é o planejamento tributário, que pode ser efetivo em uma grande economia financeira.

15/05/2020 11:15:01

3,4 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

6 dicas para o planejamento tributário ser seu aliado no combate aos efeitos da pandemia

Saiba todas as medidas e alternativas fiscais pelo COVID-19

Nesses últimos meses várias medidas foram expedidas para que as empresas posam atravessar esse momento caótico, dentre elas foi a possibilidade de postergar o pagamento de vários tributos, redução de jornada e salário, suspensão de protesto de dividas ativa, despacho simplificado de produtos médicos voltados à uso para o COVID-19. Analise cada uma delas e veja possibilidades de aplicações vantajosas para organização.

Analise seu fluxo de caixa e encontre seus ralos financeiros: Impostos retidos indevidamente, taxas, juros e cestas bancárias, compras mal planejadas, contratações equivocadas, fretes, funcionários sem entrega de resultados e despesas sem finalidade de retorno são alguns exemplos de gastos que podem comprometer seu fluxo de caixa. Analise com cuidado cada transação feita e separe os prós e contras de cada uma delas. Reveja todas suas operações diárias e estabeleça limites de pagamento à cada segmento; assim você terá mais controle e planejamento e saberá onde está indo seus recursos.

Reveja seu regime fiscal

Entenda a operação da empresa e monte planos estratégicos fiscais, revendo cada tributo que pode ser recuperado, regime fiscal compatível de fornecedores, restituição de tributos pagos indevidamente, possibilidades de retenções, teses tributárias de recuperações fiscais. Reveja cada operação contábil e DRE. Simule possibilidades de contornar os gastos fiscais. Some às medidas e alternativas fiscais do COVID-19. Você, com certeza, pode estar pagando mais que o necessário.

Defina metas de curto e longo prazo: Saiba onde você quer chegar! De uma coisa temos certeza, nenhum empresário será o mesmo após essa crise, então saiba exatamente onde quer estar. Defina metas, limites, estratégias, regras, prcedimentos. Não deixe sua empresa no achismo. Tenha certeza de cada passo que irá dar; ele pode ser o primeiro de muitos ou o último.

Não colecione pessoas, retenha talentos

Tenha próximo quem quer crescer e acredita em seu negócios e suas ideias. Pregue o senso de dono para seus colaboradores, eles lutarão com você e farão o que e como VOCÊ faria. Não tenha medo de tirar da sua equipe pessoa que não produzem, elas podem estar somente cumprindo horários e te gerando uma despesa irreversível.

Inove!

Temos muitos cases de sucesso na inovação em meio a pandemia, um clássico é o HOME OFFICE. Muitas empresas entenderam que não é necessário um escritório físico para sua atividade acontecer, um espaço na sala ou no quarto é suficiente. Um dos benefícios dessa pratica é a satisfação do funcionário e consequentemente maior produtividade, onde o mesmo precisa entregar resultados e não apenas horários. Suas horas extras irão diminuir drasticamente. Pagamentos de benefícios, como vale transporte, serão riscados do financeiro. Com estes três tópicos já conseguimos enxergar a economia financeira.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.