x
CONTEÚDO artigos

Empresarial

MEIs: Os cuidados com planejamento, tributos, obrigações trabalhistas e comprometimentos financeiros

Orientação de forma pratica com os cuidados necessários, para seguir com seu negocio de forma segura e tranquila, com , sem atropelos. Os quais podem inviabilizar o mesmo, e transformar seu sonho , em pesadelo, e dos seus familiares.

12/06/2020 11:00:01

2,8 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

MEIs:  Os cuidados com planejamento,  tributos, obrigações trabalhistas e comprometimentos financeiros

O presente artigo, tem por objetivo, auxiliar, aos milhares de micro-empressarios individuais, força presente, dentro do conjunto econômico e trabalhista do pais. Uma força gigantesca, com poder imensurável, e que no presente momento, tem uma importância crucial, para o retorno das atividades , que estavam em quarentena, e que em determinados locais continuaram, e com a sombra de um possível retorno ,dependendo das evoluções da pandemia.

 Planejamento -Em todas as atividades humanas, desde tempos remotos, e fundamental, que se tenha um planejamento cuidadoso, das  ações a serem empreendidas, para que se obtenha o sucesso almejado. Tem um ditado que muito se aplica, a todas as iniciativas humanas, que e bem objetivo com relação ao Planejamento, e o seguinte;  " Se pretende chegar ha um lugar, e importante saber qual o caminho a seguir," Isso e Planejar, e também e preciso dar os primeiros passos, isso e Ação e implementação do Planejado. Não e possível se chegar a algum lugar ou a algum objetivo, se não tiver, delineado os caminhos a seguir e as ações praticas para se alcançar os objetivos, definidos, e com o MEI, também e assim, definir o negocio, ao qual se  e adequado, não se basear em um negocio, que para Fulano  deu certo, porque pode ate dar certo, mas você não e fulano, ou sicrano, você e você, com suas qualidades, e seus defeitos, portanto, tire as ideias e as ações de fulano e de sicrano, que são boas, mas avalie as suas, . Outro detalhe importantíssimo, pergunte, pesquise, veja com seus olhos, como a coisa funciona, pode se basear em informações de terceiros, mas as conclusões devem ser suas, não siga o mais esperto, mas o mais inteligente, esperteza, se confunde por vezes com imprudência. Ja a inteligência, se identifica com cautela, entendimento das coisas, numa visão global do assunto em pauta.

Obrigações,- Em todas as relações, humanas e comerciais, existem as obrigações de ambas as partes, no caso dos MEIs, não e diferente, os empreendedores, tem suas obrigações, a serem cumpridas, para que seus direitos sejam respeitados. Ninguém gosta de ver seus direitos negados ou não reconhecidos, logo e recomendável também, que cumpra com suas obrigações, perante terceiros, sejam esses terceiros, governo, funcionários, fornecedores, e sociedade de uma forma geral, Não e admissível que se queira usufruir de direitos, se não respeitar os direitos dos outros. Cumprir com suas obrigações, perante os entes que se relacionam, e importante para a integridade de qualquer negocio, por menor que ele seja , ou maior também. Se existe uma obrigação devem cumprir.

Comprometimentos - Os comprometimentos, são as atitudes que devem ser tomadas, levando em conta, o que foi Planejado, e as Obrigações envolvidas na sequencia dos mesmos, pois os compromissos, bem como o devido cumprimento dos mesmos, e que da a estabilidade do negocio, e a prosperidade  dele. Quando se fala em comprometimento, ele e abrangente, passando pelo planejado e sua execução, e pelas obrigações assumidas, para se conduzir ao objetivo final do sucesso do negocio. Tudo na vida como nos negócios são conseguidos, por boas atitudes, e pelo comprometimento com o que se pretende alcançar, com muito trabalho e esforço, todo sucesso só e conseguido mediante esforço e muito trabalho, nada cai do Céu, a não ser chuva, raio e avião, e algumas coisas mais, não e.

Sonhos - Todos nos sonhamos, em nossas vidas como seres sociais, e como empreendedores, claro e e assim que o mundo gira, então quando nos propomos a tornar um sonho realidade, temos que arregaçar a camisa e trabalhar muito para o sonho se realizar. Os MEIs, sonham em ter seu negocio, prosperar, ganhar o pão de cada dia, e crescer, passando de MEI a SIMPLES, e por ai vai, de um pequenino negocio, de uma portinha, ou de uma barraquinha, quiosque etc. Sonha em chegar a uma lojinha, depois uma Lojona, varias filiais, galpões , shoppings, etc, isso e natural sonhar, pois quem não sonha, em tese não existe, Sonhar faz parte do ser humano, porem sonhar e bom , mas sempre com os pés no chão não nas nuvens como muitos fazem, e por vezes caem ao acordar do sonho.

Pesadelos - Os pesadelos, são semelhantes aos sonhos, so que terríveis, sao o que ninguém quer ter, todos ficam ansiosos para que ele passe logo, ao contrario do sonho, que queremos continuar dentro do mesmo. Trazendo estas considerações, para o assunto abordado dos MEIs, o que vem a ser pesadelos, sao as situações que se criam, para o MEIs, que pelos motivos  A,B, ou C, os quais so mente ele podera avaliar, porque ocorreram, se tornam tormentos para a vida do mesmo. Mas em norma geral, e claro que pode haver as exceções, eles tem sua origem em procedimentos, que não foram os aconselháveis  na época. Temos vários exemplos, porem um típico e falta de planejamento, vou contar pequena historia exemplificativa. MEI estava indo de vento em popa com seu negocio, faturando bem, com um funcionário, como estava com caixa, resolveu comprar um veiculo ( nada contra e progresso), porem o veiculo não era para trabalhar, era para passear, comprou a prazo. Negocio crescendo, colocou mais dois funcionários, mas não registrou um (exatamente esse um que nao estava registrado caiu da moto e ficou temporariamente invalido. Resultado, Ação na Justiça ( não cumpriu obrigação), Ficou atrapalhado  com as contas (faltou comprometimento) , teve que vender o carro ( faltou planejamento). Resumindo seu sonho, por falta de seguir as recomendações, se tornou um pesadelo.  

 

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.