x
CONTEÚDO artigos

ROA

Retorno sobre o Ativo: o que é e como calcular?

Quer saber sobre o que é e como calcular o ROA? Então neste post iremos explicar todos os detalhes. Vem!

16/06/2020 13:30:01

2,9 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Retorno sobre o Ativo: o que é e como calcular?

Você é um empreendedor ou pensa em montar um novo negócio, mas sempre fica em dúvida e incertezas sobre a viabilidade dos seus investimentos, não é mesmo?

Se a sua resposta foi sim, saiba que a partir do cálculo do ROA, você passará a ter mais clareza sobre a sua capacidade de gerar lucro.

Tradicionalmente, quando se trata da geração de lucro, para saber quanto a sua organização obteve com determinada estratégia, é utilizado o ROI, que também é conhecido como “retorno sobre o investimento”.

No entanto, também há como gerar valor por meio dos ativos da sua própria empresa. Afinal, sem todos os recursos e ativos, o seu negócio não se desenvolve.

Como que você irá montar uma indústria de placa de circuito impresso, sem as respectivas máquinas e equipamentos?

É aí que o ROA entra para representar a capacidade de uma empresa em gerar lucro com os determinados ativos que ela possui.

Se interessou sobre o ROA? Então neste post iremos detalhar tudo sobre o assunto. Continue nos acompanhando e vamos lá!

O que é o ROA?

O ROA é uma abreviação para Return on Assets, que pode ser traduzido para o português como Retorno sobre o Ativo.

De forma geral, o ROA é considerado um indicador que tem como objetivo calcular e verificar a capacidade de um negócio gerar lucro a partir dos seus ativos.

A partir do cálculo do ROA, um gestor consegue saber se o seu negócio está lucrando ou tendo prejuízos por meio dos ativos, estoque, máquinas, equipamentos, duplicatas, investimentos, entre qualquer outro tipo de ativo.

Ou seja, o ROI serve para medir a lucratividade  ou prejuízo de um negócio em cima dos seus ativos.

Se você tem uma indústria de conexões pneumáticas, com a utilização do ROI, é possível ter mais clareza quanto ao lucro a empresa obteve, além de medir a alocação dos ativos na empresa para realizar investimentos mais prudentes e planejados.

Como o ROA é calculado

O cálculo do ROI é bastante simples e pode ser feito por qualquer empresa que queira saber sobre a sua geração de valor até o momento. Para calculá-lo, é preciso fazer a seguinte fórmula:

Retorno sobre o Ativo = Lucro Operacional / Ativo Total Médio

Para encontrar o Lucro Operacional, você pode observar no Demonstrativo de Resultado de Exercício (DRE) da sua empresa.

Já o valor do Ativo Total Médio é encontrado em seu Balanço Patrimonial. Lembre-se que o resultado do Retorno sobre o Ativo é dado sempre em formado de porcentagem.

O resultado do ROA naturalmente diverge muito de empresa para empresa. Isso depende do porte, ramo de atuação e quantidade dos recursos que ela consta.

Por essa razão, se você não tem todas as informações sobre a sua empresa no papel, você pode utilizar as informações de empresas similares ou concorrentes diretos.

Se você atua no ramo de fabricação de deck de madeira, por exemplo, procure empresas do mesmo setor e com o mesmo tempo de atuação no mercado.

Agora que você já sabe sobre todos os detalhes do ROA, o que está esperando para calculá-lo em seu próprio negócio e ter mais clareza sobre o desenvolvimento do seu negócio? 

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.