x

VIABILIDADE

Entenda tudo sobre análise de viabilidade

Viabilidade de um projeto, nem sempre é só fazer uma análise da TIR e VPL, mas entender quais risco cada um dele carrega.

20/02/2024 19:30:02

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
Análise de viabilidade: você sabe o que é?

Entenda tudo sobre análise de viabilidade Foto: Pixabay/Pexels

Análise de viabilidade é uma ferramenta muito importante para a tomada de decisão em uma empresa, isto quando estamos falando em aquisição de um bem tangível ou intangível.

Em um projeto posto a mesa, a pergunta que não quer calar é-Será que o projeto é viável?.

Neste artigo, buscarei, claramente, explicar como podemos analisar a viabilidade de um projeto, usando as ferramentas TIR (Taxa Interna de Retorno), VLP (Valor Presente Líquido).

Imaginemos que uma empresa, tem dois projetos, ambos com taxa de atratividade de 6%a.a. (TMA), prazo de 10 anos e com os seguintes fluxos:

                             Projeto I                                       Projeto II
Investimento Inicial Fluxo Anual   Investimento Inicial Fluxo Anual
 R$            120.000  R$              19.700    R$              150.000  R$              24.000

Então ao calcularmos a TIR e o VPL, o Projeto I, seria mais vantajoso, pois a TIR resultou 10,20%, por outro lado, a VPL do Projeto II é superior, logo, ambos são rentáveis.

Cabe a pergunta,-Se ambos são viáveis, qual deles devo aprovar?

          Projeto I             Projeto II
   Ano          Fluxo      Ano           Fluxo
0 -         120.000,00   0 -150.000,00
1              19.700,00   1     24.000,00
2              19.700,00   2     24.000,00
3              19.700,00   3     24.000,00
4              19.700,00   4     24.000,00
5              19.700,00   5     24.000,00
6              19.700,00   6     24.000,00
7              19.700,00   7     24.000,00
8              19.700,00   8     24.000,00
9              19.700,00   9     24.000,00
10              19.700,00   10     24.000,00
         
         
TIR              10,20%         9,61%
         
VLP              24.993,71         26.642,09

Para solucionarmos essa dúvida, podemos fazer o questionamento: — -Aprovando o Projeto II, com o investimento maior, quanto irei gerar de fluxo?

O Fluxo Incremental, é uma boa ferramenta, pois através dele, podemos decidir com mais assertividade.

Projeto II Projeto I   Fluxo Incremental
                    150.000,00                     120.000,00                            30.000,00
Fluxo Anual Fluxo Anual   Fluxo Anual
 R$                      24.000  R$                      19.700                               4.300,00

Para o cálculo do Fluxo Incremental, será feito a diferença entre os Projetos, sempre do maior Investimento para o menor.

    Fluxo Incremental
   Ano           Fluxo
0 - 30.000,00
1     4.300,00
2     4.300,00
3     4.300,00
4     4.300,00
5     4.300,00
6     4.300,00
7     4.300,00
8     4.300,00
9     4.300,00
10     4.300,00
   
   
TIR         7,15%

A TIR do Fluxo Incremental, foi acima da TMA, então, podemos concluir que sim, o Projeto II mesmo havendo um Investimento maior, é vantajoso aprová-lo.

Lógico, que o gestor, ao verificar que a VPL do Projeto II, era superior ao Projeto I, já poderia escolhê-lo, mas por uma questão de fluxo de caixa da empresa, o risco deve sempre ser mitigado.

Bons negócios!

Leia mais sobre

O artigo enviado pelo autor, devidamente assinado, não reflete, necessariamente, a opinião institucional do Portal Contábeis.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.