x

Artigo Contábil

Como recuperar créditos tributários com a revisão fiscal

Neste artigo, entenda como o processo permite que pagamentos indevidos ou realizados de forma errada possam ser recuperados.

12/07/2021 13:30:02

24,7 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Como recuperar créditos tributários com a revisão fiscal Foto: Pexels

A revisão fiscal é uma estratégia de fundamental importância para as empresas que desejam se adequar conforme a legislação fiscal vigente – evitando penalidades que possam comprometer sua situação financeira – e, também, muito eficaz quando falamos em recuperação de créditos tributários.

Sabendo que o tema ainda gera muitas dúvidas entre os empresários, elaborei este conteúdo para apresentar como é possível recuperar créditos tributários com a utilização da revisão fiscal. Veja: 

Conceito da revisão fiscal

A revisão fiscal é um processo de análise e auditoria de todas as atividades fiscais de uma empresa. O objetivo é a recuperação de créditos tributários e o desenvolvimento de um planejamento que ajude seu negócio não apenas a se adequar conforme a legislação fiscal vigente, mas, em longo prazo, a reduzir os impactos negativos da tributação cobrada indevidamente. 

Em uma revisão fiscal são considerados diversos pontos, como escrituração fiscal, emissão de nota fiscal, cálculo tributário, pagamento de impostos e obrigações acessórias. 

Funcionamento e ações

Agora que você se lembrou do conceito de revisão fiscal, ficou mais fácil compreender como pode recuperar créditos tributários a partir dessa ferramenta. 

O processo de funcionamento da revisão fiscal é complexo, mas tudo colabora para que sua empresa recupere créditos que foram pagos indevidamente aos órgãos públicos de arrecadação. Primeiro, é preciso realizar um amplo levantamento das atividades ou operações fiscais realizadas no âmbito de sua empresa, considerando aqueles pontos que elenquei anteriormente. 

Geralmente, esse levantamento é feito tendo como limite temporal os últimos cinco anos. Isso porque, de acordo com o Código Tributário Nacional (CTN), os créditos tributários prescrevem em cinco anos da data de pagamento. Após o levantamento dessas informações e uma análise cuidadosa, caso os profissionais responsáveis tenham identificado algum erro ou pagamento indevido de créditos, a empresa pode entrar com uma ação de recuperação de seus créditos tributários no órgão competente.

Normalmente, o crédito recuperado é utilizado pelas empresas para abater dívidas existentes e futuras. Por exemplo: se a empresa precisa pagar R$ 10 mil em impostos, ela pode abater desse valor o crédito tributário recuperado, contribuindo para melhorar sua saúde financeira. O pedido de recuperação de crédito tributário é avaliado pelo órgão competente em até 60 dias, considerando desde a análise do pedido até a restituição do valor ou sua utilização para abatimento de dívidas.  Como observamos, a revisão fiscal é uma excelente ferramenta para as empresas, não só para analisar sua situação fiscal, mas para verificar a possibilidade de recuperação de crédito. 

Fique atento!

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>