x
2008-08-25T10:09:00-03:00

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 128

acessos 307.879

contabilização do balanço de abertura

há 6 anos Sexta-Feira | 23 maio 2014 | 16:09

Claudio Rufino
Conforme suas sugestões e explicação de como efetuar os lançamentos no balanço de abertura, fiquei com uma dúvida no trecho abaixo:


"Depois que forem realizados os lançamentos acima e elaborado o balanço conforme o modelo exposto, tudo devera ser transcrito no livro diário, sendo que as relações, cópias de documentos assim como as memórias de calculos deverão ficar arquivados a disposição de eventuais fiscalizações que vierem a acontecerem.

Legendas: AC = ATIVO CIRCULANTE
PC = PASSIVO CIRCULANTE
AI = ATIVO IMOBILIZADO
PL =

Nota: a conta "Balança de Abertura" deverá ser criada no PL ou se preferir no grupo das contas de resultado lá no final, a aludida conta será transitória e não ficará com saldos."

bem fiz todos os lançamentos no porem, o que vc menciona para criar a conta no patrimônio liquido pé isto?, eu criei uma conta de balanço de aberta no PC.. e agora fiquei confusa, tenho que abrir outra conta no PL.. AH MEU SALDO ZEROU.. fiz todos os lançamentos em 01/01/2012, pois o ano de 2012 ja esta normal., e 2013 tb fiz conforme o convencional.

tenho que ter a conta de balanço de abertura em dois lugares.
tenho que fazer este balanço de abertura sozinho no exercício ou posso fazer em conjunto com o ano vigente?

pc - conforme demonstrado nos exemplos.
e no
PL.

Muito obrigada!!!
Valeria

Moderador
há 6 anos Sexta-Feira | 23 maio 2014 | 16:29

Valeria Regina de Assis

Não,

Se você criou a conta PC - Balanço de abertura, está ótimo, proceda assim:

Debitar todas as contas do ATIVO e Creditar ""Balanço de Abertura""
Assim vice registrará todo ATIVO
Creditar todas as contas do PASSIVO e Debitar ""Balanço de Abertura""
Assim vice registrará todo PASSIVO

Exemplo:

Caixa R$ 30,000

d - caixa
c - balanço de abertura R$ 30.000

Bons estudos.

Empresário, seja prudente, contrate profissional habilitado
Professor de Contabilidade
http://www.fcscontabeis.com.br
http://www.facebook.com/fcscontabeis
http://professorclaudiorufino.blogspot.com/
há 5 anos Terça-Feira | 3 junho 2014 | 13:47

Pessoal, estou com uma dúvida que procurei no fórum e não achei resposta.

Tenho uma empresa, Lucro Presumido e prestadora de serviços, que foi aberta no ano de 2013 e até o momento encontra-se sem movimento.
Na integralização de capital consta alguns terrenos e em espécie.

Nesse caso, devo imprimir livro diário trimestralmente com todas as demonstrações e registrá-lo na junta comercial?


Desde já agradeço a quem se dispuser a sanar minha dúvida.

há 5 anos Quarta-Feira | 4 junho 2014 | 13:05

Eu ainda estou com umas duvidas referentes a o balanço de abertura.
Aqui no escritório me passarao um balanço de abertura pra fazer, porem nao me passarao as informações completas.
Só tenho em mãos os seguintes dados:

Capital Social - 10.000,00
IRPJ - 2.046,10
CSLL - 637,35

E a empresa é Lucro Presumido.
Como faço esse lançamento ?
Obrigado

O conhecimento torna a alma jovem e diminui a amargura da velhice. Colhe, pois, a sabedoria. Armazena suavidade para o amanhã.
há 5 anos Quarta-Feira | 11 junho 2014 | 14:13

Olá boa tarde!
Tenho uma empresa do Lucro Real que ficou conosco no primeiro trimestre de 2013, e depois voltou ao nosso escritório no último trimestre em 01/10/2013. Gostaria de saber qual a data eu lanço o balanço de abertura da empresa em 30/09/2013 ou 01/10/2013? Obrigada!

há 5 anos Quarta-Feira | 11 junho 2014 | 15:10

Rosilaine, Boa tarde,

O Contador assina o balanço de abertura na data em que se tornou responsável pela contabilidade, se o contador anterior esteve responsável até 30/09, você faz o balanço de abertura em 01/10.

Att.,

Usuário VIP
há 5 anos Quinta-Feira | 12 junho 2014 | 08:50

Bom dia Rosilaine,

No caso citado por você não se faz necessária a elaboração de um Balanço de Abertura propriamente dito e sim da adaptação das contas constantes do Balanço Patrimonial levantado pelo contador que a antecedeu as de seu plano de contas para dar continuidade a contabilidade a partir de 01/10/2013. Após a transição das contas do Balanço Patrimonial do antigo contador para o seu Plano de Contas, levante um Balanço Patrimonial na mesma data (30/09/2013) para provar/demonstrar a transição das contas entre os dois balanços.

Balanços de abertura são necessários apenas quando se que dar inicio a contabilidade de empresas que não mantinham contabilidade regular.

...

há 5 anos Quinta-Feira | 12 junho 2014 | 09:16

Bom dia Saulo, não sei se compreendi bem qual seria por exemplo a contrapartida da transferência dos saldos existentes no meu balanço em 01/03 para o saldo constante no balanço do outro contador em 30/09, porque pensei que a contrapartida pudesse ser uma conta transitório como por exemplo o balanço de abertura, talvez uma conta com uma outra nomenclatura. Eu faria essa transição das contas em 30/09? Lembrando que a responsabilidade pela contabilidade era nossa até 31/03/2013 e voltou a ser nossa em 01/10/2013.

Usuário VIP
há 5 anos Quinta-Feira | 12 junho 2014 | 10:24

Bom dia Rosilaine

Não sei se compreendi bem qual seria por exemplo a contrapartida da transferência dos saldos existentes no meu balanço em 01/03 para o saldo constante no balanço do outro contador em 30/09, porque pensei que a contrapartida pudesse ser uma conta transitório como por exemplo o balanço de abertura, talvez uma conta com uma outra nomenclatura.

Não se trata de "transferência dos saldos existentes no seu balanço de 01/03 para o saldo constante no balanço do outro contador em 30/09"

Veja os fatos segundo você informou no seu questionamento primeiro:
- O outro contador levantou o Balanço Patrimonial em 30/09/2013.
- A partir de 01/10/2013 a contadora será você.

Agora tudo o que você deverá fazer com data de 01/10/2013 é transcrever as contas patrimoniais existentes o Balanço levantado pelo outro contador para as contas patrimoniais correspondentes do seu Plano de Contas.

Vale dizer (por exemplo) que a conta do balanço do outro contador denominada "Depósitos Bancários a Vista" no seu plano de contas será "Bancos Conta Movimento". Veja bem, até então você fará somente a transcrição do Balanço do antigo contador adaptada a nomenclatura e classificação de seu Plano de Contas. Ao final desta tarefa você terá o mesmo Balanço (e valores) do antigo contador em um novo Balanço com os mesmos valores mas com a nomenclatura das contas utilizadas por você.

Uma vez feito isto você deve Implantar o saldo destas contas na contabilidade da empresa, não há contrapartida, apenas a implantação de saldos na contabilidade. Depois de implantados todos os saldos devedores (ATIVO) e todos os credores (PASSIVO) respeitando (é claro) a classificação contábil, levante um Balancete no dia 01/10/2013 e verá que está fechado porque o total das contas do Ativo deve ser igual ao total das do Passivo.

Se persistirem dúvidas, torne a entrar em contato

...

há 5 anos Segunda-Feira | 6 outubro 2014 | 11:46

BOM DIA !


Estou fazendo pela primeira vez abertura de um balanco, que tem apenas contrato social em 2011.
Depois em 2012 ata da assembleia em que entra novo sócio, aumentando o capital com alguns imoveis.

logo gostaria da orientação , dos senhores

Meu balanco terá apenas capital subscrito e aumento de capital.

apenas isso? correto.

Enviamos todos os meses sped fiscal, dam sem movimento e esse ano 2014 enviamos a DSPJ , falta apenas sped contabil.

estar correto meu entendimento?




há 5 anos Segunda-Feira | 6 outubro 2014 | 14:32

Boa tarde Maicon Silva Lima, primeiramente solicite o inventario. . para que esse estoque seja o mais realista possível.. depois faça o levantamento de dividas tributarias e veja com seu cliente as dividas com fornecedores, sempre aconselhe seu cliente a não ocultar saídas de mercadorias sem notas, pois aos poucos a contabilidade estará o mais real possível para que vc possa da com maior exatidão as informações de cunho gerencial para seu cliente.

Attjavascript:void(0);

Clebson Souza | Contador
email: clebsonsouza@msn.com
há 5 anos Sábado | 21 março 2015 | 11:02

boa dia,

sou nova na contabilidade e nunca fiz escrituraÇÃo (nem contabil e nem fiscal) peguei uma empresa de prestaÇÃo de serviÇo - escola de computaÇÃo grafica) ja registrei na junta, na sefin e pedi alvara. mas estou totalmente perdida em como fazer escrituraÇÃo, quais livros sÃo obrigatorios. eles ainda vÃo abrir conta em banco e o capital foi dividido pelos dois e eles compraram os computadores e agora? como faÇa a contabilidade dessa empresa?

agradeÇo desde jÁ!!!

luciana

há 4 anos Segunda-Feira | 22 junho 2015 | 14:41

Boa tarde
Amigos

estou fazendo o balanço de abertura de uma empresa que abriu em 2002 e amei as explicações acima, porem só para confirmar esta conta "BALANÇO DE ABERTURA" tenho que criar no plano de contas do Passivo circulante ? é isso mesmo, obrigada!

há 4 anos Quinta-Feira | 9 julho 2015 | 09:43

Colegas

Por gentileza, me tirem uma dúvida, estou preparando um balanço para uma empresa aberta faz alguns anos, mas que nunca fez balanço de abertura, agora para a licitação que ele vai participar precisa de um balanço que apresente a boa situação financeira através dos índices, o problema é que no balanço de abertura não será possível encontrar essa boa situação por não haver movimentação financeira, então seria possível eu preparar um Balanço de abertura, com os lançamentos iniciais de abertura mencionados em algumas postagens anteriores e em seguida eu iniciar a movimentação contábil nesse mesmo balanço? Ele será intitulado de BALANÇO DE ABERTURA, terá os lançamentos de abertura, porém com a movimentação completa (compras, vendas, despesas...) em seguida.

Se puderem ajudar agradeço muito!

Abraço!

há 4 anos Quinta-Feira | 9 julho 2015 | 12:53

Oi Rose

bom ..
se a emrpesa ja existia com vcs desde semrpe..
tem que fazer os lançamentos iniciais de capital integralizado , e as movimentações bancarias

caso foi outro contador. . tem que solicitar o ultimo balanço fechado dele

Att

há 4 anos Quinta-Feira | 9 julho 2015 | 14:28

Oi Anderson,

a empresa era de outra contabilidade, e nunca fez balanço, esse será o de abertura, a minha dúvida é se eu posso fazer de abertura com os lançamentos iniciais e em seguida já iniciar a movimentação contábil normal nele mesmo.

Obrigada!

há 4 anos Segunda-Feira | 18 janeiro 2016 | 17:45

Boa tarde

preciso fazer uma contabilidade de uma empresa do simples nacional que vai participar de licitações e a partir de 2015, os lançamentos contábeis de abertura, esses saldos de abertura e lançado o balanco de abertura no Passivo circulante, pl ou no contas de resultado? qual o local correto de se criada essa conta balanco de abertura?

deste ja agradeco

"Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga ao seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios." Salmo 103.1-2
há 4 anos Terça-Feira | 23 fevereiro 2016 | 11:19

Bom dia colegas,

Em janeiro chegou um cliente novo aqui no escritório que eu trabalho, ao receber o balanço patrimonial de 2015 pude perceber que nunca houve distribuição de lucro e nem reservas, deixando a conta de lucros com quase R$ 2.000.000,00 assim como o caixa que está nesse valor.

Vocês acreditam que eu consigo fazer um ajuste em 2016 ou é melhor abrir um balanço de abertura e começar do zero?

Grata

Amanda Léo

há 4 anos Sábado | 23 abril 2016 | 10:39

Olá pessoal!

Estou com dúvida quanto à constituição de empresa de prestação de serviço. Os sócios adquiriram a mobília e demais materiais em nome da pessoa física, já que a empresa ainda estava em processo de constituição. O que fazer para transferir esses móveis para a pessoa jurídica?

Desde já agradeço pela cooperação.

Att,

Matias Barbosa
BCONT SOLUÇÕES CONTÁBEIS
75 3264 2366
contato.bcont@gmail.com

*Legalização de empresas
*Planejamento tributário
*Assessoria fiscal e contábil
*Serviços para MEI
há 3 anos Quarta-Feira | 25 janeiro 2017 | 13:11

Colegas, boa tarde.

Encontrei esse tópico e ajudou muito, porém, preciso muito de ajuda ainda.

Tem uma empresa do simples nacional que nunca fez escrituração nem contabilização, essa empresa é antiga...
Queria começar o ano tudo certo, escriturando dia a dia.

Mas não sei como conseguir começar, na vdd vi que preciso fazer o balanço de abertura.
Vocês poderiam clarear minha mente de como posso iniciar o livro diário a partir de 02.01.17 .

Fiz um levantamento de tudo que pagou e comprou no ano de 2016 mas to simplesmente perdida.

obrigada

há 3 anos Quarta-Feira | 25 janeiro 2017 | 13:39

Olá, Juliana!

Para começar a escrituração do ano de 2017 você terá que fazer um levantamento dos valores que a empresa tinha em 2016. vc vai buscar os dados possíveis que estiverem disponíveis ou que sejam de fácil cálculo.
Você ira montar um balanço mesmo, com os valores que ela tinha em 31/12/2016 tanto no ativo (caixa/bancos/estoques/clientes/imobilizado/etc..) quanto no passivo (fornecedores/impostos/patrimônio líquido/ etc...).

OBS: A questão dos estoques, verifica-se se existe algum registro de valor em estoque no período final ao que se deseja iniciar, exemplo, se deseja iniciar a contabilização em 2017 ver se existe algum registro de estoque no fim de 2016, caso contrário pode-se estipular um valor fazendo-se média entre as compras, vendas e a margem de lucro.
Valores em contas bancárias deve-se buscar extratos dos períodos.

Valores a Receber estima-se uma médias das vendas a prazo e utiliza-se essa média da venda total de 12/2016, como no caso apresentado.

Imobilizado busca-se pelas NFs e calcula-se a depreciação a ser implantada na data da abertura.

No passivo apura-se valores à pagar, sejam valores referente fornecedores, impostos, encargos sociais, contribuições e folha de pagamento.

Na questão dos fornecedores verifica-se a médias das compras efetuadas à prazo e levanta-se as compras do último mês antes a abertura para implantar o saldo inicial.

Na questão dos impostos, encargos sociais, contribuições e folha de pagamento verificar o saldo à pagar provisionado no mês que antecede a abertura. Ex. Se a abertura for em 01/2017, pega-se os valores 12/2016 que são pagos em 01/2017.

No patrimônio líquido o valor do Capital social.


Cria-se a conta de Balanço de abertura no patrimônio líquido que será utilizada somente para esse procedimento em que todos os saldos apurados das demais contas, sejam do ativo ou passivo serão lançados contra a mesma.

Ao apurar esses valores você verá a diferença, sendo seu ativo maior q o passivo, a diferença vc coloca como lucro, sendo o passivo maior que o ativo vc coloca a diferença como prejuízo. E esses valores do balanço que vc levantou é que vão servir dados iniciais para vc dar seguimento a sua escrituração de 2017.


Espero ter ajudado. Boa sorte!

"A vida é maravilhosa se não se tem medo dela."

jullieblacks@hotmail.com
há 3 anos Quarta-Feira | 25 janeiro 2017 | 16:24

Claudio Rufino eu te agradeço pela aula!
Mas devido a falta de experiencia e vontade de fazer tudo corretamente, ainda me faltam respostas....num caso de se assumir uma empresa que nao possuia contabilidade, e o antigo contador nao te passar saldos iniciais, devo proceder como? fazendo um balanço inicial, com base nas informaçoes que o cliente me passa... caixa, estoque, etc? No que li, eu preciso ter respaldo de tudo que eu for lançar, porem, nao consigo imaginar isso sem fazer toda a contabilidade desde a abertura


há 3 anos Terça-Feira | 7 fevereiro 2017 | 17:19

Boa tarde Claudio,

Estou acompanhando todas as suas respostas, e ainda estou com duvidas sobre meu problemas, efetuei o fechamento do contabil de um cliente inclusive ele até registrou os livros na JUCESP de SP, fiz a DEFIS com valores tirados do balanço entregue referente a 2015, contudo, agora estou fechando o ano de 2016, e notei que ao fazer o fechamento do ano anterior, o valor da distribuição de lucros aos sócios que o correto era R$ 39.000,00 p/ cada, no ultimo lançamento p/ sair do caixa o valor dado a um dos sócios, digitei R$ 390.000,00 e o valor do caixa por este erro meu ficou com 162.500,00 e não os 513.500,00 o que já é um caixa super alto pois a empresa é prestadora de serviços e não tem funcionarios, quase não tem despesas.
A duvida que tenho é devo realizar agora no inicio de 2016 o ajuste de erro do exercicio 2015 como.....por favor pode me orientar.

Agradeço desde já sua atenção.


At

Edilaine

há 3 anos Quarta-Feira | 8 fevereiro 2017 | 22:33

Boa noite,

alguém poderia me ajudar com a seguinte questão: Tenho uma empresa (Simples) e estou transferindo as quotas, porém tive que emprestar à firma um valor grande para quitar dividas. Como dou baixa neste empréstimo no Balanço? Já que o Caixa não comporta este pagamento? O prejuízo seria meu?

Obrigada!

Página 3 de 5
1 2 3 4 5
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.