x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 7

acessos 79.009

Parcelamentos Impostos Federais - Lançamentos Contábeis

Thais

Prata DIVISÃO 1, Aprendiz
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 10:24

Estou com dúvidas nos lançamentos contábeis referente a parcelamentos federal.

Exemplo: Pis a Recolher 100.000 – Parcelou Consolidado o valor a pagar é 150.000 Sendo,

100.000 PRINCIPAL
40.000 Multa
10.000 Juros

Como devo fazer os lançamentos na contabilizada?

Como você provisiona o juros e multa?

Mateus Pereira

Prata DIVISÃO 1, Contador(a)
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 10:32

Bom dia,


Antes de responder sua pergunta preciso saber qual o prazo do parcelamento?

Att.

Mateus Pereira
Contador - CRC BA-042323/O
(77) 998162142
mztconsultoria@outlook.com
Marzetti Consultoria Empresarial:

Consultoria contábil; Implantação de sistemas de custeio industrial; Planejamento tributário; Perícias Judiciais e extrajudiciais.

Muriel Carneiro Batista

Bronze DIVISÃO 2, Encarregado(a) Fiscal
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 10:40

O lançamento contábil pode ser feito de duas formas. Usando um só lançamento com múltiplos débitos ou quatro lançamentos simples:

Lançamento múltiplo:

D - Pis a recolher - 100,00
D - Multas - 40,00
D - Juros - 10,00
C - Banco - 150,00

Ou pode fazer vários lançamentos. Nesse caso para facilitar o controle terá que criar uma conta de passivo circulante para o parcelamento do pis:

D - Pis a recolher - 100,00
C - Parcelamento Pis - 100,00

D - Multas - 40,00
C - Parcelamento Pis - 40,00

D - Juros - 10,00
C - Parcelamento Pis - 10,00

D - Parcelamento Pis - 150,00
C - Banco - 150,00

Lembrando que as despesas do PIS e a obrigação de pagá-lo já devem ter sido reconhecidas em cada mês de sua competência.


Na verdade está faltando eu explicar o lançamento que antecede estes que demonstrei. Mais tarde altero esta mensagem a deixando completa.

Rodrigo Melero

Ouro DIVISÃO 2, Contador(a)
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 10:55

Thais

Considerando

Saldos Anteriores (conforme descrição)

Pis a Recolher (PC - Impostos a Recolher) - 100.000 C

Pode contabilizar assim:

Pela Consolidação

D - Pis a Recolher (PC - Impostos a Recolher) - 100.000
D - Juros s/ Pis Parcelado (PC - Impostos a Recolher) - 10.000
D - Multa s/ Parcelamento (CR - Despesas com Multas Fiscais) - 40.000*
C - Pis a Recolher - Parcelamento (PC - Impostos a Recolher) - 150.000

* A multa pode ser apropriada diretamente na despesa por se tratar de punição administrativa e não ter caráter indenizatório (tanto que é limitada a 20% do valor da dívida), já os juros refletem o tempo de parcelamento e portanto devem ser amortizados conforme o mesmo

Pelo pagamento

D - Pis a Recolher - Parcelamento (PC - Impostos a Recolher)
C - Disponivel (AC)

Pela amortização dos juros a cada mês

D - Despesas com Juros(CR)
C - Juros s/ Pis Parcelado (PC - Impostos a Recolher)
Valor: Total de juros/Numero de Parcelas

Espero ter ajudado

Att.

Rodrigo Melero
Contador e consultor no centro de serviços RTD Accounting e articulista no blog +ContabilNet
E-mail: forumcontabeis@rtdaccounting.com.br
Visite: http://maiscontabilnet.blogspot.com.br

"As pessoas boas devem amar seus inimigos." (Don Ramón - Seu Madruga)

Muriel Carneiro Batista

Bronze DIVISÃO 2, Encarregado(a) Fiscal
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 12:42

Para deixar as informações do Balanço Patrimonial mais completas seria melhor que os valores parcelados fossem retirados da conta Pis a Recolher e reconhecidos em uma conta de Pis Parcelado, já que a obrigação da empresa agora é com o parcelamento não com o PIS em atraso.
Como não tenho todas as informações sobre o parcelamento vou supor que a dívida foi parcelada em 24 meses contando a partir de julho de 2016, de modo que conseguirei exemplificar o registro no passivo circulante e não circulante.
Pis parcelado = R$2.400,00 (100x24)
Juros s/parcelamento = R$240,00 (10x24)
Multa s/parcelamento = R$960,00 (40x24)

No momento do parcelamento deverá ser feito os seguintes lançamentos:

O que for devido até o final do exercício seguinte será reconhecido no Passivo Circulante (18 meses):
D - Pis a recolher - 1800,00
C - Parcelamento Pis - 1800,00 (Passivo Circulante)

D - (-) Juros a apropriar - 180,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis
C - Parcelamento Pis - 180,00

D - (-) Multa a apropriar - 720,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis
C - Parcelamento Pis - 720,00

O que for devido após o final do exercício seguinte será reconhecido no Passivo Não Circulante (6 meses):
D - Pis a recolher - 600,00
C - Parcelamento Pis - 600,00 (Passivo Não Circulante)

D - (-) Juros a apropriar - 60,00 (Passivo Não Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis
C - Parcelamento Pis - 60,00

D - (-) Multa a apropriar - 240,00 (Passivo Não Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis
C - Parcelamento Pis - 240,00

No momento do pagamento deverá ser feito os seguintes lançamentos:

D - Parcelamento Pis - 150,00 (Passivo Circulante)
C - Banco - 150,00

D - Juros - 10,00 (Despesa Financeira)
C - (-) Juros a apropriar - 10,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis

D - Multa - 40,00 (Despesa Financeira)
C - (-) Multa a apropriar - 40,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis

No início de cada exercício deverá ser feito uma reavaliação do Passivo Circulante e Não Circulante, transferindo o que for vencer até o final do exercício seguinte para o Passivo Circulante, de modo que nos dois últimos anos da dívida não tenha mais valor no Passivo Não Circulante.

Espero ter ajudado.

Thais

Prata DIVISÃO 1, Aprendiz
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 14:01

Muriel Carneiro Batista,

As contas:

D - (-) Juros a apropriar - 180,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis


D - (-) Multa a apropriar - 720,00 (Passivo Circulante) Conta devedora localizada abaixo da conta de Parcelamento Pis


São Contas Redutoras do Passivo? Ou apenas ficaram devedoras mesmo?

Muriel Carneiro Batista

Bronze DIVISÃO 2, Encarregado(a) Fiscal
há 5 anos Segunda-Feira | 18 julho 2016 | 17:19

São contas com saldo devedor (redutoras), Thais.

Perceba que os valores incluídos nessas contas são reconhecidos a pagar na conta de Parcelamento Pis, de modo que ao deduzir ficará somente o valor devido do imposto. E como no pagamento será debitado o valor total pago na conta Parcelamento Pis e os juros e multas reconhecidos separadamente, ao final do parcelamento as contas estarão zeradas.
Se criar uma conta sintética e colocar as demais dentro dela ficará mais claro.

Exemplo de como ficará no Balanço Patrimonial:

1 Parcelamento PIS - R$100,00
1.1 Parcelamento Pis - RS150,00
1.2 (-) Juros a Apropriar - R$10,00
1.3 (-) Multa a Apropriar - R$40,00

Vanessa Rosa Henrique

Prata DIVISÃO 1, Auxiliar Contabilidade
há 4 anos Quarta-Feira | 12 julho 2017 | 16:34

Boa tarde.

Estou com muita duvida sobre esses lançamentos de parcelamentos, eu faço exatamente como explicado acima, mas aqui mesmo no forum neste outro topico https://www.contabeis.com.br/forum/topicos/182440/contabilizacao-de-parcelamento-de-simples-nacional foi dito que se eu tenho um imposto atrasado de anos anteriores e os mesmos foram parcelados o correto seria ter reconhecido os encargos mensalmente dentro daquele periodo, e quando isso não é feito, o lançamento dos juros quando consolidado o parcelamento seria na conta de ajustes de anos anteriores.

Exemplo:
D - Pis a Recolher (PC - Impostos a Recolher) - 100.000
D - Ajustes de exercicios anteriores - 10.000(PL)
D - Ajustes de exercicios anteriores - 40.000*(PL)
C - Pis a Recolher - Parcelamento (PC - Impostos a Recolher) - 150.000

Qual a forma correta?

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.