x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 13

acessos 4.939

Contabilização Terceiro Setor

Priscila Ferraz Raimundo

Bronze DIVISÃO 4
há 2 anos Quarta-Feira | 1 fevereiro 2017 | 14:05

Boa tarde Pessoal,

estou começando a contabilidade de uma empresas sem fins lucrativos, e estou com dúvidas quanto aos lançamentos contábeis de repasses de convênios e subvenções. Se devo provisionar, passar estes valores no ativo ou simplesmente reconhecer como receita?
Se alguém puder me ajudar agradeço.

att.Priscila

"Sem o esforço da busca torna-se impossível a alegria da conquista"

Ezequiel Martinez dos Santos

Prata DIVISÃO 1, Analista Contabilidade
há 2 anos Sexta-Feira | 3 fevereiro 2017 | 16:40

Prezada Priscila, boa tarde!


Primeiramente você deve ter em mãos o documento que originou o repasse/pagamento de tais valores, que pode ser: Contrato, Convênio, Termo de Parceria, etc....
Independentemente do tipo de documento você deverá verificar se possui alguma cláusula que torna *VINCULADO o recurso destinado a essa parceria.
(*) Quando você deve manter o recurso separado das outras C/C da entidade, ele tem finalidade específica e ao final da parceria, se houver sobra, o valor deve ser devolvido ao órgão.


Se acaso não possuir restrição, ou seja, vocês prestam um serviço e são remunerados por isso, baseado por exemplo em uma relação de atendimentos (em se tratando de SUS), o recurso recebido DEVE ser reconhecido como RECEITA.


Se acaso possuir destinação específica, ou seja, RECURSO VINCULADO, deve ser tratado no Ativo e no Passivo, e ir reconhecendo como Receita a medida em que o objeto do Convênio/Contrato/Termo de Parceria vai sendo executado.

Atenciosamente,



EZEQUIEL MARTINEZ DOS SANTOS

Priscila Ferraz Raimundo

Bronze DIVISÃO 4
há 2 anos Segunda-Feira | 6 fevereiro 2017 | 10:15

Muito boa sua explicação Ezequiel! Obrigada.

Tem um exemplo de como ficaria os lançamentos de (Recurso Vinculado)?

"Sem o esforço da busca torna-se impossível a alegria da conquista"

Ezequiel Martinez dos Santos

Prata DIVISÃO 1, Analista Contabilidade
há 2 anos Segunda-Feira | 6 fevereiro 2017 | 11:06

Prezada Priscila, bom dia!


Na provisão do Contrato/Convênio/Termo de Parceria:

D - Valores a Receber-Recurso Vinculado (parcelas à receber em 12 meses).....(ATIVO-CURTO PRAZO).......500.000,00
D - Valores a Receber-Recurso Vinculado (parcelas à receber após 12 meses)..(ATIVO-LONGO PRAZO).......500.000,00
C - Recursos de Entidade Pública (valor total do instrumento à realizar)...........(PASSIVO-CURTO PRAZO)..................500.000,00
C - Recursos de Entidade Pública (valor total do instrumento à realizar)...........(PASSIVO-LONGO PRAZO)..................500.000,00


No recebimento das parcelas referente aos 12 primeiros meses:

D - Bancos Conta Movimento - Recurso Vinculado.............................................(ATIVO-DISPONÍVEL)..........500.000,00
C - Valores a Receber - Recurso Vinculado (parcelas à receber em 12 meses)...(ATIVO-DISPONÍVEL)..........................500.000,00


No pagamento das despesas referentes ao mês de janeiro/2017:

D - Despesas Administrativas/Pessoal/Financeiras/Tributárias.......................(DESPESAS)...........................50.000,00
C - Bancos Conta Movimento - Recurso Vinculado............................................(ATIVO-DISPONÍVEL)..........................50.000,00


No registro (baixa) da execução do instrumento e respectivo reconhecimento como Receita:

D - Recursos de Entidade Pública......................................................................(PASSIVO-CURTO PRAZO)...50.000,00
C - Receita - Recurso Vinculado Realizado........................................................(RECEITAS).........................................50.000,00




Todas as contas informadas, devem estar em um grupo específico no Plano de Contas.
Se precisar de algum esclarecimento, ezequiel.xingu@gmail.com

Atenciosamente,



EZEQUIEL MARTINEZ DOS SANTOS

Jéssica Morais

Iniciante DIVISÃO 2, Auxiliar Contabilidade
há 2 anos Segunda-Feira | 20 março 2017 | 15:32

Oi, boa tarde!

estou fazendo a contabilidade de uma entidade que recebeu um recurso através de um convênio para administrar um projeto social. Foi adquirido com este recurso, alguns equipamentos de ginástica e computadores, que ao final do projeto serão doados para terceiros.

Como deve contabilizar esses equipamentos? Serão tratados como imobilizados ou despesa do projeto? Como fiariam os lançamentos contábeis?

Articulista

Kaik Rodrigues Vieira

Articulista , Contador(a)
há 1 ano Terça-Feira | 22 agosto 2017 | 08:55

Jéssica Morais,

Poderão ser lançados como ativo imobilizado, porém deverá ser lançado como ativo restrito, bem como a doação recebida também.
Digamos que foi no valor de 100.000,00.

Ex:
No recebimento do convênio
D- Disponível Caixa/banco -AC
C- Recursos restritos de projeto - PC 100.000,00

Aquisição do imobilizado digamos que 50.000,00
D- Máquinas e equipamentos restritos- ANC
C- Disponível Caixa/banco -AC 50.000,00

Reconhecimento da receita
D- Recursos restritos de projeto - PC
C- Recursos restritos de projeto - CR 50.000,00

Seu balancete ficará
D- Disponível caixa/bancos - 50.000,00
D- Ativo Imobilizado 50.000,00
C- Recursos restritos de projeto - PC 50.000,00
C-Recursos restritos de projeto - CR 50.000,00

Fechando os 100 mil iniciais.

-

"A virtude de uma pessoa mede-se não por ações excepcionais, mas pelos hábitos cotidianos!"

Kaik R. Vieira
Contador e Perito Judicial
CRC ES-0021187/O
CNPC: 5306
http://krvconsultor.wix.com/home

Iremar da Dilva Junior

Iniciante DIVISÃO 1, Contador(a)
há 29 semanas Quarta-Feira | 31 outubro 2018 | 13:01

Primeiro um bom dia a todos,

Adorei o tópico e me trouxe alguns esclarecimentos interessantes, mas fiquei com uma dúvida na explicação do Kaik Rodrigues.
No caso em que o imobilizado não pode ser reconhecido como receita diretamente? Como faço no caso em que o recurso com restrição quando utilizado devo reconhecer a Receita de recursos restritos e despesa de igual valor?
Desde já agradeço

Davi Torres

Bronze DIVISÃO 2, Estagiário(a)
há 5 semanas Quarta-Feira | 17 abril 2019 | 23:47

Olá! Saudações Contábeis!
Tenho aprendido bastante observando a participação dos colegas neste fórum. Aproveito agora pra fazer minha primeira pergunta por aqui.
Gostaria de saber como deve ser feita a contabilização da compra de imobilizado com recursos de convênios.
Na explicação do sr. Kaik eu não entendi como a despesa do convênio ficaria em conformidade com a receita do convênio (recursos aplicados), já que ao invés de utilizar uma conta de despesa (como normalmente acontece) eu estaria debitando uma conta do ativo imobilizado.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL

cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.