x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 19

acessos 47.966

Emissão de invoice

Renata Lima de Souza

Bronze DIVISÃO 3, Contador(a)
há 4 anos Quinta-Feira | 6 abril 2017 | 15:43

Boa Tarde! Estou precisando de uma ajuda. Já li outros tópicos mas não obtive a resposta que preciso. Tenho um cliente que irá prestar serviço no exterior. Pelo que pesquisei, terei que emitir uma nota fiscal de serviço normalmente e um documento chamado invoice. Qual procedimento para emitir esse documento? Eu mesma posso emitir, ou existe algum órgão responsável para isso? Preciso fazer algum cadastro em algum órgão? Se este documento pode ser emitido por mim, quais as informações que devem conter nele?
Desde já agradeço.

Lopes

Ouro DIVISÃO 1
há 4 anos Segunda-Feira | 10 abril 2017 | 14:16

Renata Lima de Souza, Boa tarde

Você mesma pode emitir, desde que tenha conhecimentos sobre este documento, e não precisa ser autenticado.

Helio da Silva Pontes

Prata DIVISÃO 4, Consultor(a) Contabilidade
há 4 anos Segunda-Feira | 10 abril 2017 | 14:37

Renata,

Nosso amigo Lopes está correto.

Outro ponto que voce precisa alinhar com seu cliente é o swift code.

Sem esse numero seu cliente não recebe, e o mesmo pode ser obtido com o banco em que ele vai receber a remessa.

Att,

HÉLIO PONTES
HSP SERVIÇOS ESPECIALIZADOS
Assessoria Administrativa, Financeira, Contábil, Fiscal e Societária
hspservicos.sp@gmail.com
http://www.linkedin.com/in/helio-pontes-67461021
Consultor Especial

Paulo Henrique de Castro Ferreira

Consultor Especial , Contador(a)
há 4 anos Terça-Feira | 11 abril 2017 | 12:27

Boa tarde Renata.

Não que você não tenha capacidade de fazer este documento, mas emissão de invoice é de responsabilidade do financeiro da empresa, pois isso é referente à faturamento, a não ser que você tenha em seu contrato de prestação de serviços contabeis que vocês façam isso.


att

Contador CRC MG 106412/O - Perito Contábil CNPC 087 - Avaliador Imobiliário CNAI 23358
Avaliação de empresas e processos de transferência societária;
Especialista em 3º Setor e em fusões, cisões e incorporações;
http://www.prosperarecontabil.com.br
Atenção: não dou consultorias por telefone! Somente por e-mail ou via whatsapp (audio ou mensagem)

Renata Lima de Souza

Bronze DIVISÃO 3, Contador(a)
há 4 anos Terça-Feira | 11 abril 2017 | 12:41

Boa tarde Paulo Henrique!

Mesmo lendo muitos artigos. continuo com dúvidas. Realmente não sabia que isso é de responsabilidade do financeiro, muito obrigada pela informação.
Mas como a empresa é "pequena", acaba sobrando para mim.
Estou muito insegura, acho que irei sugerir que contratem uma pessoa com experiência para emitir este documento.

Mais uma vez agradeço pela sua informação.

Att

Consultor Especial

Paulo Henrique de Castro Ferreira

Consultor Especial , Contador(a)
há 4 anos Terça-Feira | 11 abril 2017 | 13:29

Boa tarde Renata.

O Invoice nada mais é que a nossa Fatura que emitimos para nossos clientes.

Em alguns lugares eles cobram nº de ordem de compra, e também deve-se atentar que o valor a ser cobrado é o da moeda do Pais onde esta sendo feita a compra.

Nós como contadores podemos orientar ao cliente, mas a emissão deste tipo de documento é de responsabilidade dele.

att

Contador CRC MG 106412/O - Perito Contábil CNPC 087 - Avaliador Imobiliário CNAI 23358
Avaliação de empresas e processos de transferência societária;
Especialista em 3º Setor e em fusões, cisões e incorporações;
http://www.prosperarecontabil.com.br
Atenção: não dou consultorias por telefone! Somente por e-mail ou via whatsapp (audio ou mensagem)

Lopes

Ouro DIVISÃO 1
há 3 anos Quinta-Feira | 19 outubro 2017 | 10:46

Maria Bom dia

O Registro no RADAR é para Imp/Exp

Como é sua primeira experiência sugiro contratar uma empresa especializada "Despachante", para fazer os primeiros processos, assim conforme você for ganhando conhecimento e prática poderá fazer por conta.

Att

Daniel Alves da Silva

Ouro DIVISÃO 1, Contador(a)
há 3 anos Quinta-Feira | 19 outubro 2017 | 13:40

Ola Maria Gabriela

Para importação também é obrigatório informar no SISCOSERV.

Daniel Alves da Silva
Contabilista, Legislação Tributária Federal, Consultoria.

Jade Leal

Iniciante DIVISÃO 4, Analista Fiscal
há 2 anos Terça-Feira | 28 maio 2019 | 09:53

Bom dia ,

Aproveitando o tópico.

Tenho um cliente no escritorio que são Cinemas.
Eles estão vendendo Combos (Pipoca e refri) para funcionarios da Adidas aqui em SP, em um evento que eles vão usar as salas de cinema.

Porém o dinheiro que será pago pelos Combos, virá de Fora do Brasil, do Panamá.
É necessário fazer um INVOICE de Venda de combo, só porque o valor vem de fora do Brasil?
Caso sim, tem impostos além do 0,38% de IOF ?

Fico no aguardo.

Oruam

Prata DIVISÃO 2, Analista Contabilidade
há 1 ano Quarta-Feira | 8 janeiro 2020 | 13:18

Prezados, boa tarde,

O Serviço foi prestado no Brasil mais o pagamento virá da França. Preciso registrar o SISCOSERV? Ele é MEI, mais o faturamento esta dentro do Limite, terei problema?

Poderiam me ajudar?

Atenciosamente

Maria

Prata DIVISÃO 1, Analista Financeiro
há 3 semanas Quarta-Feira | 22 setembro 2021 | 14:46

Boa tarde!

Reabrindo o tópico, tenho uma duvida, e gostaria da ajuda dos colegas...
A empresa que eu estou trabalhando importa serviços do exterior (ramo de telecomunicações). Recebemos a invoice, porém, não sabemos o que fazer! O valor fechado vem na fatura de cartão corporativo.
Alguém pode me ajudar no passo a passo da operação?

Desde já agradeço!

Victor Melo

Bronze DIVISÃO 5, Auxiliar Administrativo
há 2 dias Quarta-Feira | 13 outubro 2021 | 22:05

Prezados, 

Boa noite!
Se trata de uma expotacao, com recebimento em moeda Real e em Dolar. Um cliente vendeu um produto onde recebeu 50% via cartao de credito (real) e 50% sera em dolar. Esse tipo de operacao pode acontecer? 

Ate eu onde eu sei: o invoice deve corresponder ao valor do recebimento em dolar. A NF de venda do produto deve corresponder ao valor do invoice considerando a taxa cambial do dia anterior ao da emissao da NF.   ALguem pode ajudar?

Victor Melo
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.