x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 6

acessos 62

Ação Trabalhista - IRRF

Sandra s das D Porfiro

Bronze DIVISÃO 4, Assistente Comercial
há 17 semanas Quarta-Feira | 17 abril 2019 | 16:30

Boa tarde! tudo bem? Referente a uma ação trabalhista recebida em 11/2018, Agora preciso fazer o imposto de renda e o advogado disse que para não pagar imposto eu teria que que retroagir 60 meses e dividir esse valor.
O valor do processo foi de R$ 48.861,93 - paguei R$ 14.658,56 para o advogado. A minha parte é R$ 34.203,35. OAdvogado disse que eu teria que pegar esse valor
e retroagir 60 meses porque foram salários recebidos atrasados. Mas eu não entendi, onde tenho que lançar esses valores? Seria possível me informar o passo a passo para fazer essa declaração? A data do início do contrato: 04/01/2011 e o término: 31/05/2014 e só agora em novembro/2018 que recebi. Desde já muito obrigada pela atenção.

Emanuela

Prata DIVISÃO 4, Auxiliar Depto. Pessoal
há 17 semanas Quinta-Feira | 18 abril 2019 | 13:50

Boa tarde Sandra, quando se trata disso, poderá lançar na ficha Rendimentos Recebidos Acumuladamente. Lá você vai colocar a quantidade de meses e tributação exclusiva na fonte. Mas os meses não seriam 41 em vez de 60? De acordo com a data que botasse ali.

Att.,
Emanuela Alves 

Sandra s das D Porfiro

Bronze DIVISÃO 4, Assistente Comercial
há 17 semanas Quinta-Feira | 18 abril 2019 | 14:06

Boa tarde Emanuela. Muito obrigada pela resposta.
Na verdade, estou perdida com relação a essa informação, porque segundo a advogada eu teria que analisar quanto tempo demorou para entrar com a ação e eu vi na última página da Reclação trabalhista que a data está  em 21/09/2014. Na verdade
precisaria montar um resumo dos cálculos, mas não sei como fazer isso, tipo o que é rendimento tributável acumuladamente, o que é rendimento isento, e qual o número correto de meses que devo informar. Será que poderia me ajudar? 
Desde já obrigada!
Att,

Sandra

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL

cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.