x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 4

acessos 57

Lucro ou Prejuízo?

Eron Venter

Iniciante DIVISÃO 5, Encarregado(a) Adm. Financeiro
há 6 semanas Sexta-Feira | 9 agosto 2019 | 09:48

Bom dia.

Minha dúvida é: em 2018 a empresa "X" contabilizou um prejuízo de 93mil, porém como "estratégia" de se manter viva no mercado em 2019 estancou o pagamento de empréstimos bancários e SIMPLES (em torno de 40mil mensal), no fim de 2019 caso a empresa tenha gerado mais receita do que despesa e mesmo estando com os empréstimos  e SIMPLES em atraso, pode-se dizer que a empresa terá lucro ou não?

Claudinei de Oliveira

Prata DIVISÃO 2, Sócio(a) Proprietário
há 6 semanas Sexta-Feira | 9 agosto 2019 | 10:28

Bom dia
Cuidado em não confundir Lucro/Prejuizo, com variação financeira.
Mesmo não efetuando o pagamento do Simples, você deve reconhecer esse valor de despesa no mês competente.
Com relação ao financiamento, você deve reconhecer os juros mensalmente, independentemente do seu pagamento.
Se reconhecendo todas essas despesas, ainda der lucro, esse lucro deve ser registrado.

Dgershon Cabral Câmara

Bronze DIVISÃO 4, Contador(a)
há 5 semanas Segunda-Feira | 12 agosto 2019 | 17:54

Boa tarde,

Lucro é o resultado positivo do fluxo econômico (riquezas recebidas e a receber - custo e despesas na produção de riquezas = SE MAIOR QUE ZERO é lucro/ SE MENOR QUE ZERO é prejuízo; igual a zero é ponto de equilíbrio).

O fluxo financeiro (dispêndio pelo pagamento ou não de uma obrigação) não se relaciona com o lucro contábil. Por isso é possível uma empresa dever um milhão e ainda assim dar lucro de dois milhões.

Consultor Especial

Paulo Henrique de Castro Ferreira

Consultor Especial , Contador(a)
há 5 semanas Segunda-Feira | 12 agosto 2019 | 21:36

So para complementar o que os nobres amigos muito bem expuseram....

Um ponto a se analisar que estas estratégias se mostram uma bela de uma "barca furada". A empresa com finalidade de se mostrar saudável fica fazendo "malabarismos contábeis". Isso no fim das contas pode dar uma enorme dor de cabeça a empresa, pois os investidores/fornecedores e outros interessados, se sentindo lesados, podem é abrir um processo contra a empresa.

Sendo assim evite a todo custo este tipo de procedimento.

att

Contador CRC MG 106412/O - Perito Contábil CNPC 087 - Avaliador Imobiliário CNAI 23358
Avaliação de empresas e processos de transferência societária;
Especialista em 3º Setor e em fusões, cisões e incorporações;
http://www.prosperarecontabil.com.br

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL

cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.