x
2020-09-17T22:57:13-03:00

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 0

acessos 33

Despesas e custos iniciais de obra sem CNPJ

há 5 semanas Quinta-Feira | 17 setembro 2020 | 22:57

Trabalho em uma incorporadora de imóveis que desenvolve projetos de construção e venda de loteamento em bairros planejados.

A empresa controla vários empreendimentos através de diferentes sociedades. Conforme inicia-se um novo empreendimento, existem algumas despesas e custos iniciais de abertura de área, regularização da obra, registro na junta comercial e etc. Entretanto, nesse momento o empreendimento ainda não está regularizado e não possui CNPJ em aberto.

Dessa forma, a empresa controladora banca os custos e despesas iniciais e depois é ressarcida através de mútuo financeiro.

Os lançamentos dessa operação são realizadas da seguinte forma:

Momento 1. 

Controladora.

D - Fornecedor.
C - Banco.

Momento 2. (Após a abertura de CNPJ da 2 empresa)

Coligada.

D - Despesa/custo na empresa.
C - Empréstimo a pagar. (à controladora)

Controladora

C - Empréstimos a receber ( da coligada)
D - Banco


Minha dúvida é, Esses lançamentos estão corretos? Qual seria a melhor forma de registrar essa operação, levando em consideração que no primeiro momento a empresa 2 ainda não existe, mas preciso lançar esses custos iniciais futuramente para fins de cálculo do POC.

Esse lançamento existe? D - Custo/ C - Empréstimo a pagar. Até o momento não tinha presenciado esse tipo de lançamento, me disseram que chama-se ''Custo ativado" mas não encontrei nenhuma menção sobre isso nos pronunciamentos contábeis.

Conto com ajuda de vocês, obrigado!

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.