x

FÓRUM CONTÁBEIS

CONTABILIDADE

respostas 3

acessos 11.407

contabilização do contrato social filial

Juliana

Prata DIVISÃO 1, Analista Contabilidade
há 11 anos Quarta-Feira | 11 agosto 2010 | 17:09

boa tarde!!!

precisaria de uma ajudona de vcs, peço por estou imprimindo os livros e tenho empresas que tem filial, so sobraram estas e minha duvida é o seguinte.
como faço para lancar o capital social da filial que abriu ano passado?
tenho um empresa matriz com um capital social de 10.000,00 e ano passado ela abriu uma filial com o valor de 5.000,00 com faço para contabilizar.
Esta certo se eu lançar.

D- caixa
C- capital social e no historico escrever que é referente o capital da filial.
dai o capital de 10.000,00 vai para 15.000,00


att
Juliana

M Messias Santos

Ouro DIVISÃO 1, Técnico Contabilidade
há 11 anos Quinta-Feira | 12 agosto 2010 | 13:26

Juliana

Não está correto o seu lançamento.

Se a base do CNPJ da filial é o mesmo da matriz então trata-se de fato de uma filial. Em se trantando de felial não existe Capital Social da Filial. O capital social é da empresa como um todo.

Ná minha ótica não existe um balanço patrimonial de filial. O balanço é da Empresa como um todo. Veja que estou falando de filial e não Surcusal.

Na DRE da empresa, isto sim, convem que haja condições para a seperação por filial. Nas contas ativas e passiva somente aquelas contas que precisam de controles pode ser por filial, por exemplo: caixa , estoque, já a conta banco é um absurdo abrir por filial. Eu gerencio os recursos financeiros da empresa como um todo e não por filial

Só sei que nada sei.
Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância.
frases do Mestre dos Mestres-SÓCRATES
Moderador

Hugo Ribeiro

Moderador , Contador(a)
há 11 anos Quinta-Feira | 12 agosto 2010 | 21:26


Boa noite Juliana, M Messias.

Sobre o comentário feito por M Messias, diferentemente do que citou o segundo, pode-se destacar valor do capital social para a Filial, desde que esse valor não seja superior ao Capital Social da Matriz.

Essa faculdade (de destacar capital social para filial), faz com que a forma de lançamento descrita pela Juliana esteja correta, com ressalvas observadas no parágrafo seguinte.

Atente-se para o fato que caracteriza-se como omissão de receita a integralização de capital em moeda corrente sem comprovação da origem e da efetiva entrega dos recursos à PJ , de tal forma que o recomendável é que tal integralização se faça com cheque da PF para a c/c da PJ.

Por fim, se pesquisar aqui no Fórum obterá mais informações sobre o assunto em tela.

Abçs

Hugo.

Hugo Ribeiro - Cristalina Goiás.

Juliana

Prata DIVISÃO 1, Analista Contabilidade
há 11 anos Sexta-Feira | 13 agosto 2010 | 08:19

obrigada............
estive pesquisando mais sobre o assunto e me falaram que deveria lançar assim.

D- capital social
C- c/c filial
mas no caso eu nao separo o caixa.....da matriz e filial só separo as despesas em contas separadas.

D- c/c matriz
C- capital social

muito obrigada pela atençao de vcs.....

Att
Juliana

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.