x

FÓRUM CONTÁBEIS

DEPARTAMENTO PESSOAL E RH

respostas 5

acessos 203

Aux. maternidade - socia negado

Adrielle Lima

Prata DIVISÃO 2, Encarregado(a) Recursos Humanos
há 49 semanas Quinta-Feira | 8 outubro 2020 | 16:18

Boa tarde

Uma empresa que entrou no escritório esse mês me fez um questionamento :

A 4 anos atrás ela se afastou por licença maternidade ,mas quando foi dar entrada no beneficio (tinha retirada de pró-labore) foi negado, o antigo escritório informou que não saberiam dizer o porque , mas pelo que percebi não foi gerada a gfip informando o afastamento e sim como se ela continuasse tendo retirada.

Agora eles alegam que ela pode pedir uma compensação no INSS da empresa desse tempo que ela ficou sem esse beneficio, desconheço tal procedimento.

Daria para fazer ? 

Consultor Especial

Carlos Alberto dos Santos

Consultor Especial , Analista Pessoal
há 49 semanas Sexta-Feira | 9 outubro 2020 | 08:59

Adrielle, bom dia.
Isso mesmo, se no periodo que ela teve a criança (120 dias corrido da data do nascimento) e houve recolhimento do INSS, o que pode ser feito, e a retificação da SEFIP, ai sim ela poderá dar entrada novamente, recebendo o auxilio maternidade e o valor recolhido indevidamente sendo abatido nas guias futuras com correção, ok.

https://auxiliomaternidadeoficial.com.br/2020/02/21/auxilio-maternidade-ate-5-anos-de-idade/

Adrielle Lima

Prata DIVISÃO 2, Encarregado(a) Recursos Humanos
há 40 semanas Terça-Feira | 8 dezembro 2020 | 14:55

Boa tarde Carlos, agora que ela me enviou as documentações e consta que ela teve a retirada de pró-labore no tempo de licença maternidade.

Mas o caso dela por ser sócia deveria receber diretamente pela previdência correto, então ela teria que ir direito no INSS com os documentos de comprovação para conseguir dar entrada ou eu teria que enviar as sefips da época constando o afastamento para dai ela ir lá


Consultor Especial

Carlos Alberto dos Santos

Consultor Especial , Analista Pessoal
há 40 semanas Quarta-Feira | 9 dezembro 2020 | 06:05

Adrielle, bom dia.
No caso dela como empresária, ela tem que dar entrada via MEU .INSS. GOV.BR,
O INSS verificará que da data de nascimento até 120 dias, na SEFIP consta (conforme seu relato) que ela estava afastada, então o pagto será efetuado.
Mas a entrada/pedido e pelo site ou pelo 135, melhor pelo site,ok.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>