x
2018-01-19T14:47:18-02:00

FÓRUM CONTÁBEIS

LEGALIZAÇÃO DE EMPRESAS

respostas 12

acessos 3.299

MEI Novas regras 2018 - DAS complementar valor excedido

há 2 anos Sexta-Feira | 19 janeiro 2018 | 14:47

Olá Colegas Boa tarde!

Tenho uma dúvida: Tenho uma cliente que excedeu o valor de R$ 60 mil no ano de 2017, faturou o valor de R$ 69.400,00.
Eu estava lendo, e vi que pelas novas regras até R$ 72 mil, ainda pode permanecer no MEI, sem precisar desenquadrar e enquadrar novamente. Bastaria apenas fazer a declaração e pagar uma taxa no percentual da atividade que a empresa exerce.

Minha pergunta é: Fui fazer a declaração, informando o valor do faturamento, e ai me constou a mensagem que " o valor excedeu ao limite, e teria que desenquadrar do SIMEI". Devo prosseguir a declaração? Porque ali me permitia prosseguir.
Outra pergunta é: Onde vou gerar a guia complementar do valor excedente?

Desde já agradeço a ajuda dos colegas.
Grata

" Deus é o condutor da Minha Vida"
há 2 anos Sexta-Feira | 26 janeiro 2018 | 10:02

Bom dia!

Liguei para o Sebrae, mas não me ajudou muito, então tentei entregar a declaração. O fato é que informei o valor de receita de R$ 71.600,00 e a declaração separou o valor excedente, calculou o imposto com vencimento para 20/02/2018. No final, quando confirmei o envio, gerou o recibo e o DAS. Não apareceu mensagem de desenquadramento, nem nada relacionado. Consultei a situação cadastral e a pessoa continua inscrito no simei normalmente.

há 1 ano Segunda-Feira | 28 maio 2018 | 15:48

Oi Flaviana, sobre o calculo da DAS complementar, você disse que foi sobre o excedente... E o valor será que poderia me confirmar qual foi a alíquota?
Ou alguém que saiba poderia me dar mais informação sobre como funciona esse calculo da DAS complementar para MEI que passar do valor permitido, porém não acima dos 20%.

há 1 ano Segunda-Feira | 28 maio 2018 | 15:55

Boa tarde.

Ao fazer a declaração anual cujo limite tenha excedido, o programa advertirá sobre o excesso. Deverá prosseguir e informar o valor total. O próprio programa calculará o valor a pagar e gerará a guia DAS automaticamente após o envio.

OBS. A guia virá com juros e multa, pois o dia do vencimento para pagamento do excesso foi em 28/02/2018

Patricia N. Fineza

Terceirização do setor fiscal. 
Apuração do ICMS débito/crédito, simples nacional. apuração PIS/COFINS cumulativo e não cumulativo, IRPJ, CSLL,  apuração ICMS -ST, apuração IPI, envio das declarações acessórias DESTDA, DAPI, Sped ICMS/IPI, Sped contribuições, GIA ST, DCTF. 
Contato pelo e-mail: contabil.alvo@gmail.com
há 1 ano Segunda-Feira | 28 maio 2018 | 16:02

Boa tarde, obrigado por me ajudar.

É que um cliente me questionou sobre o valor mais ou menos que ele teria que pagar se ultrapassa-se e sinceramente não soube responder, e nem achei nas pesquisas que fiz algo que me explicasse sobre isso.

há 4 semanas Quarta-Feira | 15 janeiro 2020 | 23:28

Boa noite!

Preciso de ajuda quanto a essa questão do das complementar.
Minha cliente estourou o faturamento em R$ 1.500,00 do total. Ai pelo que havia lido quando fizesse a declaração o sistema iria gerar o DAS do valor excedido.
Porém não gerou e informou que o MEI desenquadrou a partir de 01/2020.
É um MEI de vendas de vestuarios.
ALguém poderia me ajudar?
Como voltar para MEI ? E como pagar esse DAS e onde gerar?
No aguardo.
Att.
Renata

há 4 semanas Quinta-Feira | 16 janeiro 2020 | 06:04

Bom dia. Tenho uma dúvida:duas clientes mei querem que eu faça a contabilidade das empresas, porém elas trabalham com sulancas e não tem notas de aquisição de mercadorias. Como faço os registros contábeis dessas empresas? E como vcs controlam os faturamentos mei já que é apenas uma declaração anual?

há 4 semanas Quinta-Feira | 16 janeiro 2020 | 07:29

Renata qual o valor declarado em 2019? se foi acima de 81 pagara o das no valor de 4% do valor que ultrapassar e para o ano de 2020 será uma empresa do simples normal, não é possível que uma empresa que ultrapassou o limite em um ano volte para o MEI, a não ser neste caso em 2021 se fatura ate o limite permitido neste ano, exceção seria somente se o limite tivesse sido aumentado para 2020, como não houve somente para o proximo ano de 2021

Lidiane a contabilidade somente registra fatos com documentos, caso ele não tenha não tem como fazer contabilidade

Contador Atuante que busca oferecer oportunidades legais para os seus Clientes
há 4 semanas Quinta-Feira | 16 janeiro 2020 | 11:18

Renata, esse tópico é de Janeiro/2018, quando o MEI mudou o limite de 60mil para 81mil a partir de 01 janeiro de 2018. Então o que aconteceu na época foi:
Microempreendedores Individuais (MEI) devem estar atentos para as novas mudanças do Simples Nacional que entram em vigor no dia 1º de janeiro de 2018. Com o aumento do limite de faturamento do MEI para R$ 81 mil, os empreendedores que faturaram em 2017 entre R$ 60 mil e R$ 72 mil poderão optar pelo pagamento de uma multa sobre o excedente e permanecer enquadrados no mesmo regime tributário.
Essa regra só valeu para aquela virada de ano 2017/2018.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.