x

FÓRUM CONTÁBEIS

LEGALIZAÇÃO DE EMPRESAS

respostas 1

acessos 81

CONSTITUIÇÃO POR UTILIZAÇÃO DE ACERVO

Antonio Carlos Dudu da Silva

Ouro DIVISÃO 1, Contador(a)
há 17 semanas Quinta-Feira | 13 janeiro 2022 | 16:50

Boa tarde Pessoal!

Alguém poderia me ajudar na questão de Constituir uma empresa utilizando o acervo da Empresa? Ou seja, passar de E.I para a nova limitada que permite apenas um sócio. Eu fiz o processo más foi INDEFERIDO.  o processo contem 3 partes;
1 - Constituida por Utilização de Acervo da Empresa NIRE XXXXXX (Existente) 1/3;
2 - Enquadramento da empresa (EPP) 2/3
3 - Cancelamento desta, com transf de seu acervo para XXXXXX LTDA

O DBE ficou assim, [ 220- Alteração do Nome Empresárial, 225 - alteração da Natureza Jurídica, 247 - Alteração de capital social.

o INDEFERIMENTO: Eles estão solicitando DBE de baixa no item 3/3 !!! Não entendi, porque não é uma baixa e sim uma transformação.
outro DBE 1/3 para uma nova inscrição de CNPJ.

algum colega já fez esse procedimento?

Tributu's Contábeis - Direcionada Serviços

"Não caminhe atrás de mim; eu posso não liderar.
Não caminhe na minha frente; eu posso não seguir.
Simplesmente caminhe a meu lado e seja meu amigo."

Kaue Richeti

Prata DIVISÃO 3, Técnico Contabilidade
há 16 semanas Segunda-Feira | 17 janeiro 2022 | 23:40

Antonio, boa noite!
Tudo bem?
Essa empresa é de Cartório ou Junta Comercial? E não existe mais de um DBE para este ato. É apenas o DBE de transformação, considerando que o CNPJ não será baixado, nem será criado um novo. O CNPJ terá alterado sua natureza jurídica e composição societária.

Se precisar de ajuda, pode chamar no Whatsapp.

Agiliza Registros Empresariais - Serviços Especializados para Contadores e Advogados
(18) 99668-7420
Enquanto você cuida da sua empresa, a gente cuida da sua burocracia. Entre em contato e facilite sua rotina!
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.