x

FÓRUM CONTÁBEIS

TRIBUTOS FEDERAIS

respostas 4

acessos 2.282

venda de sucata

Articulista

Carlos Magno da Rocha Borges

Articulista , Proprietário(a)
há 12 anos Sábado | 20 setembro 2008 | 23:40

Quem opta pelo Simples Nacional, normalmente, contribui na formação da alíquota, para vários impostos, inclusive o ICMS se o estado tiver aderido ao sistema. Minas aderiu ao sistema e certamente na alíquota que sua emrpesa paga já tem a contemplação do imposto. verifique lá para quais órgãos vai cada parte daquilo que vc recolhe.

Carlos Magno Borges - 32) 3215-1327
CRC-MG 40.811-O-CRA-MG 31.215
Twitter: http://www.twitter.com/magnum44
Facebook: http://migre.me/42hgp
Mbx: http://www.mbx.srv.br CRC MG 8.829-O
MBX: https://www.facebook.com/mbxcontabilidade/?ref=hl
Emérito

Luiz José

Emérito , Contador(a)
há 12 anos Domingo | 21 setembro 2008 | 21:03

Boa noite amigos.


Como quem faz opção pelo Simples Nacional perde qualquer outros beneficio que esteja anteriormente enquadrado, como você mesmo diz, agora só paga o DAS.

A vantagem de ter péssima memória é divertir-se muitas vezes com as mesmas coisas boas como se fosse a primeira vez.

Friedrich Nietzsche

Ricardo A. Borges Teotonio

Ouro DIVISÃO 1, Contador(a)
há 10 anos Quarta-Feira | 12 janeiro 2011 | 14:25

Boa tarde.

Alguém teria uma dica de Regime Tributário adequado para comércio varejista de sucatas?
Quais impostos estariam inclusos no regime?

Obrigado.

Cada ponto de vista é a vista de um ponto.

Ricardo A. Borges Teotonio

Ouro DIVISÃO 1, Contador(a)
há 10 anos Quarta-Feira | 12 janeiro 2011 | 14:27

Sres. moderadores, me desculpem.
Tomei conhecimento que o domínio contabeis também pertence a este fórum e encontrei material para analisar a questão de minha dúvida.

Se tiver mais alguma, tornarei a postar.

Obrigado.

Cada ponto de vista é a vista de um ponto.
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.