x

FÓRUM CONTÁBEIS

TRIBUTOS FEDERAIS

respostas 2

acessos 259

LIVRO CAIXA DIGITAL PRODUTOR RURAL - LCDPR

Marcelo Tadao Tanaka

Iniciante DIVISÃO 5, Contador(a)
há 1 ano Quarta-Feira | 26 fevereiro 2020 | 15:07

Prezados amigos!

Alguém poderia informar como eu consigo baixar o novo programa Livro Caixa Digital Produtor Rural - LCDPR que deverá ser entregue agora em Abril de 2020 referente ao exercício 2019? Consegui baixar o programa Livro Caixa da Atividade Rural 2020 com a versão 1.0, mas ele está diferente do leiaute 1.1.

Att,
Marcelo Tanaka.

Juliano Marcal

Bronze DIVISÃO 5, Analista Sistemas
há 20 semanas Quinta-Feira | 3 dezembro 2020 | 17:51

Olá Marcelo e Credirlene,

O sistema do Livro Caixa da Atividade Rural não gera a versão digital do livro (LCDPR), obrigatória para quem fatura mais de R$4,8 milhões ao ano. Para atender essa exigência será necessário contratar um sistema próprio do LCDPR.

Por isso, nós da Sygma Sistemas criamos uma solução prática e segura para atender contadores e produtores rurais. Além de emitir a Nota Fiscal de Produtor Rural, nosso emissor agora gera o LCDPR com as seguintes vantagens:

- Cadastre quantos produtores rurais você desejar
- Baixe as notas fiscais de compra automaticamente
- Rateio automático para todos os sócios da fazenda
- Nota Fiscais de saída lançadas automaticamente no LCDPR
- Planos de Contas para controle dos custos
- Imprime também o Livro Caixa de Atividade Rural
- Treinamento grátis e suporte técnico 24 horas para emergências

Faça o teste gratuito por 15 dias sem compromisso, sem nenhuma taxa, e receba um treinamento para iniciar. Vou deixar o link:
https://www.sygmasistemas.com.br/solucoes/lcdpr-software-livro-caixa-produtor-rural/

Atenciosamente,

Juliano Marçal
Analista de Sistemas
Sygma Sistemas e Consultoria

'Se quer ir rápido, vá sozinho. Se quer ir longe, vá em grupo"



RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.