x

FÓRUM CONTÁBEIS

TRIBUTOS FEDERAIS

respostas 1

acessos 108

CNPJ INAPTO POR FALTA DE DECLARACAO

Rosangela Pedroso Sodre

Bronze DIVISÃO 5, Contador(a)
há 33 semanas Quarta-Feira | 3 fevereiro 2021 | 11:47

Bom dia 
Caro amigos,

Gostaria de uma ajuda 

Fui procurada por um dono de uma Mecânica ( prestador de serviços  e vendas de peças ) o mesmo com CNPJ bloqueado J.

Fui atrás das informações e o mesmo esta com  CNPJ inapto por falta de entrega de obrigações, detalhe o cliente continua ativo e faturando.

O cliente tem CNPJ desde 2011 e foi desenquadrado do simples nacional em 2014 por falta de entrega de obrigações e ate hoje nunca fez entrega de nada.

Trabalho apenas com Simples Nacional e nunca fiz uma DCTF  e tenho inúmeras duvidas, estou vendo alguns tutoriais de como fazer, mas  ainda tenho duvida sobre o preenchimento das informações no programa porque vou fazer manualmente como: Lucro Real por Estimativa ou Trimestral , Lucro presumido, como vou enquadrar este cliente??

Estou fazendo relatório desde 2015 de todo faturamento com base nas notas fiscais emitidas e cartao credito para ter uma media , e ate agora percebi que não ultrapassa os R$ 150.000,00 anual de faturamento.

Preciso de ajuda de como iniciar as entregas deste DCTF e claro ainda tem GFIP que a Receita esta cobrando também, está vou entrar sem movimento porque o mesmo não tem funcionários.

Fico no aguado de um anjo me ajudar com estas duvidas que pelo visto não e fácil

Obrigada

Carlos Macedo

Iniciante DIVISÃO 3, Auxiliar Contabilidade
há 32 semanas Quarta-Feira | 3 fevereiro 2021 | 15:11

Boa tarde, Rosângela! Que abacaxi, hein! Vou tentar ajudar com o pouco conhecimento que tenho.

Primeiramente, do período de 2011 à 2013, você deve verificar se há declarações do Simples Nacional para entregar. É comum empresários com esses problemas decidirem sonegar períodos anteriores e entregam com faturamento zerado (sem movimento). Se for a informação que tiver disponível, faça, mas se isente da responsabilidade de eventuais fiscalizações.

Ao ser desenquadrada do Simples a empresa cai no lucro presumido.

Do ano-calendário de 2014 e 2015, será necessário entregar a DSPJ Inativa (ou DCTF mensais, caso haja faturamento). É possível fazer no próprio site, que é bem intuitivo.

De 2016 em diante você deve fazer DCTF's Inativas referente ao mês de janeiro de cada ano. Ou DCTF's mensais, caso tenha faturado. Em caso de Inativa, você seguirá o seguinte procedimento: Instalar a DCTF 3.5c > Declaração > Nova > Preencha os dados (CNPJ/Janeiro/2016) > Marque a opção "PJ inativa no mês da declaração" > Situação da PJ no mês da declaração "PJ não se enquadra em nenhuma das situações [...]".  Preencha os dados da empresa na aba "Dados cadastrais do estabelecimento" e na aba "Dados dos responsáveis" preencha as informações do representante da empresa e contabilidade.  
 Por fim, verifique se há pendências, grave e transmita a declaração.

Essas transmissões em atraso gerarão multas.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>