x

CONTEÚDO Legislações

adicionar aos favoritos

Trabalho e Previdência

Serviço de manutenção de elevador não realizado pelo fabricante sofre retenção de INSS

Solução de Consulta COSIT 643/2018

04/05/2018 12:01:52

3.505 acessos

SOLUÇÃO DE CONSULTA 643 COSIT, DE 27-12-2017
(DO-U DE 2-1-2018)

CONTRIBUIÇÃO – Cessão de Mão de Obra

Serviço de manutenção de elevador não realizado pelo fabricante sofre retenção de INSS

A Cosit – Coordenação-Geral de Tributação, da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovou a seguinte ementa através da Solução de Consulta em referência:
“Os serviços de manutenção de elevadores e de aparelhos e sistemas centrais de ar condicionado, de ventilação e refrigeração, quando não realizados pelo próprio fabricante, são considerados serviços de construção civil para fins de incidência da retenção de que tratam os artigos 31 da Lei nº 8.212, de 1991, e 7º, parágrafo 6º da Lei nº 12.546, de 2011, e, caracterizada a cessão de mão-de-obra ou empreitada na prestação desses serviços, ficam sujeitos à retenção previdenciária, não se apresentando como elemento distintivo para definir tal incidência a existência ou não de equipe à disposição do contratante.
Comprovada pela prestadora dos serviços a opção pela tributação substitutiva de que trata a Lei nº 12.546, de 2011, a retenção previdenciária deverá ser feita no percentual de 3,5% (três inteiros e cinco décimos por cento) sobre o valor bruto da nota fiscal ou da fatura de prestação de serviços.
SOLUÇÃO DE CONSULTA PARCIALMENTE VINCULADA À SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 156 – COSIT, DE 17 DE JUNHO DE 2015.
DISPOSITIVOS LEGAIS: Lei nº 12.546, de 14 de dezembro de 2011 (na redação atualizada até a Lei nº 13.202, de 8 de dezembro de 2015), artigo 7º, caput, inciso IV e parágrafo 6º; Código Tributário Nacional (CTN), artigos 96 e 100, inciso I; Instrução Normativa RFB nº 1.436, de 30 de dezembro de 2013 (na redação atualizada até a IN RFB nº 1.607, de 11 de janeiro de 2016), artigos 1º, caput e parágrafo 5º, 9º, inciso III, alínea ‘c’, parágrafos 5º, 6º e 7º, e 17, parágrafo 5º; e Solução de Consulta nº 156 – Cosit, de 17 de junho de 2015 (DOU de 1º de julho de 2015).”

MATÉRIAS RELACIONADAS
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.