x

CONTEÚDO Legislações

adicionar aos favoritos

Paraná

Governador retira diversas mercadorias do regime de substituição tributária

Decreto 2673/2019

Estas modificações no Decreto 7.871, de 29-9-2017 - RICMS-PR, excluem as mercadorias a partir de 1-11-2019, bem como possibilitam o parelamento do aproveitamento do crédito do imposto.

13/09/2019 07:57:51

339 acessos

DECRETO 2.673, DE 10-9-2019
(DO-PR DE 10-9-2019)

REGULAMENTO – Alteração

Governador retira diversas mercadorias do regime de substituição tributária
Estas modificações no Decreto 7.871, de 29-9-2017 - RICMS-PR,excluem as mercadorias especificadas, integrantes do segmento de produtos alimentícios, a partir de 1-11-2019, bem como possibilitam o parcelamento do aproveitamento do crédito do imposto.
Entre os itens alcançados pela medida (saída da substituição tributária), estão biscoitos, bolachas, massas, waffles, pizzas, azeites de oliva, margarinas, óleos refinados, frutas e vegetais congelados, conservas de produtos hortícolas, doces e geleias.

O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe confere o inciso V do art. 87 da Constituição Estadual e considerando os Protocolos ICMS 16 e 17, de 7 de maio de 2019, firmados no âmbito do Conselho Nacional de Política Fazendária – CONFAZ, e o Despacho 52, de 15 de julho de 2019, do Diretor do CONFAZ e o contido no protocolado nº 15.915.397-5,
DECRETA:
Art. 1.º Ficam introduzidas no Regulamento do ICMS, aprovado pelo Decreto nº 7.871, de 29 de setembro de 2017, as seguintes alterações:
Alteração 267ª O inciso V do “caput” do art. 19 do Anexo IX passa a vigorar com a seguinte redação:
“V – lançar, na forma da alínea “b” do inciso II do “caput”, o valor do imposto próprio e do anteriormente retido, mediante crédito no campo “Outros créditos”, do livro Registro de Apuração do ICMS, em 6 (seis) parcelas mensais, iguais e sucessivas, devendo elaborar demonstrativo que indique a quantidade, a discriminação do produto, o nome do fornecedor, a base de cálculo da retenção e o total do imposto (retido e próprio).” (NR).
Alteração 268ª O § 3.º do art. 118 do Anexo IX passa a vigorar com a seguinte redação:
“§ 3.º Nas hipóteses dos incisos I e II do § 2.º deverá ser observado o disposto no art. 11 deste Anexo.”. (NR).
Art. 2.º Ficam revogados os seguintes dispositivos do art. 118 do Anexo IX:
I - as tabelas dos incisos VII, VIII e X do “caput”;
II - os incisos III, V e VII do § 2.º;
III – o § 4.º.
Art. 3.º Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação, produzindo efeitos a partir de 1º de novembro de 2019.
CARLOS MASSA RATINHO JUNIOR
Governador do Estado
GUTO SILVA
Chefe da Casa Civil
RENE DE OLIVEIRA GARCIA JUNIOR
Secretário de Estado da Fazenda
MATÉRIAS RELACIONADAS
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.