x

CONTEÚDO Legislações

adicionar aos favoritos

Paraíba

Governo fixa termo de recomeço da contagem dos prazos processuais administrativos

Decreto 40502/2020

09/09/2020 11:28:33

33 acessos

DECRETO 40.502, DE 4-9-2020
(DO-PB DE 5-9-2020)

PROCESSO ADMINISTRATIVO - Prorrogação

Governo fixa termo de recomeço da contagem dos prazos processuais administrativos

O GOVERNADOR DO ESTADO DA PARAÍBA, no uso das atribuições que lhe confere o art. 86, inciso IV, da Constituição do Estado,
CONSIDERANDO o Estado de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN), nos termos do Decreto federal nº 7.616, de 17 de novembro de 2011, declarado pelo Ministério da Saúde por meio da Portaria nº 188, de 3 de fevereiro de 2020, em virtude da disseminação global da infecção humana causada pelo Coronavírus (COVID-19);
CONSIDERANDO a declaração da condição de transmissão pandêmica sustentada da infecção humana pelo Coronavírus (COVID-19), anunciada pela Organização Mundial de Saúde, em 11 de março de 2020;
CONSIDERANDO o Decreto nº 40.122, de 13 de março de 2020, que declarou a Situação de Emergência no Estado da Paraíba ante ao contexto de decretação de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional pelo Ministério da Saúde e a declaração da condição de pandemia de infecção humana pelo Coronavírus (COVID -19), definida pela Organização Mundial de Saúde;
CONSIDERANDO o Decreto nº 40.135, de 20 de março de 2020, e o Decreto nº 40.332, de 2 de julho de 2020,
DECRETA:
Art. 1º Os prazos processuais de que trata a Lei nº 10.094, de 27 de setembro de 2013, bem como os prazos para pagamentos dos créditos tributários regularmente notificados ao sujeito passivo, para fins do art. 89 da Lei nº 6.379, de 2 de dezembro de 1996, terão a sua contagem reiniciada, integralmente, a partir do dia 8 de setembro de 2020.
Art. 2º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação.
JOÃO AZEVÊDO LINS FILHO
Governador
MATÉRIAS RELACIONADAS
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.