x

Planeje o seu futuro e o IR

Uma das vantagens da previdência privada é o desconto no imposto anualCom maior expectativa de vida e déficit progressivo na Previdência

28/12/2010 00:00:00

1,7 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Uma das vantagens da previdência privada é o desconto no imposto anualCom maior expectativa de vida e déficit progressivo na Previdência Social, os brasileiros começam a pensar em uma forma de complementar a aposentadoria. Neste cenário, aumenta a procura por planos de previdência privada. Uma das principais vantagens é o desconto no Imposto de Renda. Qualquer aporte feito até o último dia do ano já pode ser descontado na declaração de 2011.

Segundo o gerente de negócios da Caixa, Eduardo Rochemback, clientes aproveitam o 13º salário para investir na previdência privada e conseguir restituições maiores ou pagamentos menores de Imposto de Renda.

"Quem tem uma renda anual de R$ 60 mil, por exemplo, e depositar 12% na previdência, ou seja, R$ 7,2 mil, até dia 30 de dezembro terá R$ 1,98 mil a mais na restituição do ano que vem ou terá um desconto de R$ 1,98 mil no pagamento do IR", diz.

O desconto no IR é um atrativo no fim do ano, mas o segmento tem tido bons resultados o ano todo. Em 2010, ultrapassou R$ 200 bilhões em reservas e a projeção é de que chegue em R$ 800 milhões em dez anos.

As opções

A quem se destina
PGBL
 Utilizam a declaração completa de IR
 Realizam contribuições para a Previdência Social (ou regime próprio) ou aposentados
 Ganham acima de R$ 1.372,81 por mês
 Desejam contribuir com até 12% da sua renda bruta anual em previdência

VGBL
 Utilizam a declaração simplificada de IR ou são isentos de IR
 Não contribuem ao INSSou regime próprio
 Ganham abaixo de R$ 1.372,81 por mês
 Pretendem contribuir com mais de 12% da sua renda bruta anual em previdência complementar.

Benefício durante a acumulação
PGBL
 Os valores depositados podem ser deduzidos da base de cálculo do IR, em até 12% da renda bruta anual, desde que o cliente contribua também para o INSS(ou Regime Próprio) ou seja aposentado.

VGBL
 Os valores depositados não podem ser deduzidos da base de cálculo do IR.

Tributação no momento da aposentadoria
PGBL
 No momento do recebimento da renda todo o valor está sujeito à incidência de IR.

VGBL
 Apenas valores referentes ao rendimento (ganho de capital) alcançado no plano estão sujeitos à tributação de IR no momento do recebimento da renda.

Importante
Para os clientes que pretendem contribuir com mais de 12% da sua renda bruta anual em previdência, é recomendado contratar um plano na modalidade PGBL para acolher o valor referente aos 12% da sua renda e um VGBL para acolher o restante dos recursos.

Fonte: A Noticia

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.