x

Exame de Suficiência: Santa Catarina fica acima da média nacional em aprovação

Santa Catarina se destacou na 1º Edição do Exame de Suficiência. Os percentuais de aprovação tanto na categoria, contador, como na de técnico em Contabilidade,

02/06/2011 10:21:46

2,3 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Santa Catarina se destacou na 1º Edição do Exame de Suficiência. Os percentuais de aprovação tanto na categoria, contador, como na de técnico em Contabilidade, foram superiores à media nacional e melhores do que Estados como São Paulo, Paraná e Minas Gerais.

Enquanto o total nacional apontou uma aprovação de 30,83% entre os formandos em Ciências Contábeis, em Santa Catarina obtiveram aprovação 36,6% dos candidatos que realizaram a prova de ``contador``. O Estado só ficou abaixo do Distrito Federal (47,9%), do Rio de Janeiro (41,59%), da Paraíba (38,31%) e do Rio Grande do Sul (37,38%).

Na categoria ``técnico em Contabilidade``, os Estados do Pará e de Santa Catarina apresentaran os melhores percentuais do país: 50% e 36,36%, respectivamente, contra uma média nacional de 24,93%.

Na avaliação do vice-presidente de Registro do CRCSC, Adilson Pagani, os dados divulgados pelo Conselho Federal de Contabilidade mostram que as instituições catarinenses de ensino estão entre as melhores do país.

Ele, porém, ressaltou a necessidade dessas instituições investirem ainda mais na melhoria de seus cursos, pois os percentuais obtidos, apesar de melhores que a média, ainda são insatisfatórios. ``O Exame de Suficiência é uma oportunidade única para reflexão e adoção de instrumentos que aprimorem a formação de quem está entrando no mercado de trabalho``, observou. ``Somente os profissionais mais bem preparados tem as melhores oportunidades. É assim em qualquer profissão``, completou. Para Pagani, o conteúdo exigido nas provas do Exame foi condizente com o currículo adotado nos cursos de graduação e técnicos.

Fonte: CRC-SC

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.