x

Economia

Faturamento do PIM tem crescimento de 12,19% no 1º bimestre de 2017, diz Suframa

Nos primeiros dois meses do ano ocorreram 5.921 admissões e 4.808 demissões.

26/04/2017 09:10:30

922 acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Segundo informações levantadas pela Suframa, a mão de obra em fevereiro foi de 85.500 trabalhadores, entre efetivos, temporários e terceirizados. Já a média mensal acumulada no bimestre é de 85.769 empregos.

Nos primeiros dois meses do ano ocorreram 5.921 admissões e 4.808 demissões, com o saldo de 1.113 vagas ocupadas.

"Os dados mostram que, após um período de oscilação negativa, o PIM começa a se recuperar. Ainda precisamos ser cautelosos, mas inspira otimismo o fato de que esse crescimento está sendo puxado pelos segmentos mais representativos do PIM como Eletroeletrônico, Bens de Informática e Duas Rodas, e com produtos como televisores e telefone celular apresentando crescimento de produção e faturamento", disse a superintendente da Suframa, Rebecca Garcia, por meio de assessoria.

Polos

O polo Eletroeletrônico teve a maior participação no resultado global de faturamento do PIM, respondendo por 28,96% do total, com R$ 3,42 bilhões (US$ 1.1 bilhão) faturados no bimestre. Em seguida estão os segmentos de Bens de Informática, com participação de 19,47%; Duas Rodas, com 14,40%; e Químico, com 11,23%.

Os setores que apresentaram crescimento foram: Eletroeletrônico (17,27% em moeda nacional e 51,54% em dólar); Bens de Informática do Polo Eletroeletrônico (26,62% e 63,65%); Duas Rodas (10,88% e 43,16%); Termoplástico (13,19% e 46,40%); Bebidas (30,88% e 68,98%); Mecânico (66,26% e 114,89%); Metalúrgico (7,58% e 39,06%); Papel e Papelão (36,57% e 76,56%), Vestuários e Calçados (19,06% e 53,76%); Editorial e Gráfico (30,75% e 69,27%); Têxtil (42,92% e 84,82%); Mobiliário (13% e 46,13%); Beneficiamento de Borracha (11,57% e 44,17%); Brinquedos - exceto Bens de Informática (52,02% e 96,66%); Isqueiros, Canetas, Barbeadores Descartáveis (2,73% e 32,75%); e Naval (92,45% e 149,66 %).

Fonte: G1 - Amazonas

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>