x

Recadastramento de empresas na Juceg é considerado baixo em Goiás

Atualização de cadastro pode ser realizada até o próximo dia 2 de dezembro. Cerca de 315 mil registros deverão ser recadastrados durante o período

08/11/2011 08:27:39

1,6 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

De acordo com um levantamento técnico da Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg), o percentual de adesão das empresas goianas ao programa de atualização cadastral no órgão está baixo. Segundo a assessoria de comunicação da Juceg, o prazo para esse procedimento, que vai até próximo dia 2 de dezembro, não será prorrogado.

Empresas que há mais de dez anos não realizaram arquivamento de atos mercantis, alteração contratual, entre outros procedimentos, podem ter o registro e o nome empresarial cancelados na Juceg, que afirma não isentar as empresas dos débitos trabalhistas, tributários ou de qualquer natureza após o desligamento com o órgão.

De acordo com a Juceg, cerca de 283.700 mil empresas, das 600.164 ativas, terão o registro cancelado porque não realizaram o recadastramento desde 2001. Segundo o presidente do órgão, Veríssimo Aparecido da Silva, o procedimento é importante para que não ocorra ativação de uma empresa com o nome de outra que está inabilitada.

Fonte: G1-GO

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.