x
CONTEÚDO notícias

exportação

Prestação de serviço no exterior em alta

Real acima de R$ 5 e juros baixos favorecem o trabalho. Saiba como ajudar o seu cliente.

27/04/2020 17:25:01

8,9 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

informe publicitário

Prestação de serviço no exterior em alta

A conjuntura da economia brasileira raramente foi tão favorável para exportação. 

Enquanto juros baixos favorecem o setor produtivo, o dólar acima de R$ 5 está fazendo com que empresas busquem serviços mais baratos e encontrem prestadores em outros países. Isso acaba sendo vantajoso para as empresas e para os prestadores de serviços brasileiros. 

Em paralelo, a evolução da tecnologia e a agilidade da comunicação online, contribuíram para que o mercado se tornasse um ambiente mais dinâmico, repleto de oportunidades e tudo isso possa ser feito de home office. 

As vantagens são claras: receber em moeda estrangeira é garantia de ganhos robustos e protegidos da instabilidade da economia nacional. 

Quantos dos seus clientes poderiam estar aproveitando esse momento? 

Muitas empresas, independente do porte, poderiam prestar serviços e têm essa vontade. É comum, entretanto, essa ‘vontade’ esbarrar em alguns empecilhos. 

O maior deles, sem sombra de dúvida, é a burocracia que envolve receber pagamentos do exterior pelos bancos tradicionais. 

Fora isso, é comum também o empresário ter outras dúvidas, de natureza operacional ou conceitual. 

Quais são os serviços mais propícios para serem prestados ao exterior no cenário atual? 

Entre os serviços que mais se destacam no mercado de exportação, estão os serviços de tecnologia da informação, marketing e design, arquitetura, design de interiores, educação e entretenimento. 

Esses serviços já vinham crescendo e, mais do que nunca, estão sendo bastante procurados. É importante pensar que quando a ameaça do coronavírus passar, o mundo precisará retomar 

seu curso normal e este será um momento mais propício ainda para fazer trabalhos para empresas estrangeiras. 

Consultorias de negócios, de desenvolvimento de produtos, de carreiras, de tecnologia da informação e de introdução ao mercado brasileiro também vem ganhando cada vez mais espaço. 

Lembrando que você deve emitir uma invoice para receber do exterior. É o documento usado para faturar serviços prestados ou contratados, e produtos comprados ou vendidos no exterior. A invoice é fornecida por aquele que presta o serviço ou vende o produto. 

Na invoice estão a descrição do produto ou serviço, a quantidade, o preço e forma de pagamento, por exemplo. Se você está prestando um serviço no exterior, a invoice estará na língua do país no qual a empresa que demandou o pedido está sediada. 

Todos os pagamentos têm cobrança de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) de 0,38% sobre o valor da nota. Para algumas naturezas também há cobrança de imposto de renda. 

É possível receber do exterior de maneira mais rápida, segura e barata, sem precisar enfrentar a burocracia e as taxas abusivas dos bancos tradicionais 

A Remessa Online oferece a tecnologia de criptografia para todas as transações. Dessa forma, os seus dados ficam armazenados de forma segura, sem riscos para quem envia ou recebe transferências internacionais. 

Ainda, o Banco Central do Brasil é responsável pela regulamentação e fiscalização das atividades. Portanto, você não precisa se preocupar porque as remessas são tão seguras quanto as realizadas pelos bancos tradicionais. 

Além disso, todas as transferências internacionais são realizadas diretamente da plataforma, sem a necessidade de ir a uma loja física. Para isso, é preciso apenas abrir a conta da sua empresa. Ela é gratuita e não há taxas de manutenção. 

A única taxa cobrada é fixa em 1,3% sobre o valor da transação para o envio de dinheiro. Ou seja, você não pagará nada para receber o pagamento diretamente na sua conta. Além disso, a conversão de moeda tem como base o valor do câmbio comercial. Para ter mais dicas sobre comércio exterior e de como conquistar o mercado internacional, continue acompanhando o blog da Remessa Online

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.