x
CONTEÚDO notícias

Retomada

Fim da quarentena: Confira as regiões que começam a retomar suas atividades

Diversas regiões do País já estão retomando as atividades após a quarenta proposta para amenizar os efeitos da Pandemia de Coronavírus; Veja quais são.

28/05/2020 16:05:02

17,8 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Fim da quarentena: Confira as regiões que começam a retomar suas atividades

O isolamento social começa a ser amenizado em algumas regiões do país. Após quase três meses, as prefeituras estão pondo fim aos decretos e permitindo que comércios voltem a funcionar.

Desde a chegada do novo coronavírus, diversas cidades brasileiras tiveram suas atividades paralisadas para evitar a contaminação do vírus.

Medidas como a aplicação da quarentena ou lockdown foram adotadas nos municípios de modo que impedisse comerciantes e feirantes de exercerem seus trabalhos, mas algumas regiões já anunciaram a retomada das atividades. Confira.

São Luís

Na capital do Maranhão, os centros comerciais foram reabertos nesta segunda-feira, 25. De acordo com o decreto do governador Flávio Dino, os estabelecimentos podem voltar a funcionar desde que sejam cumpridas as medidas de segurança, como a utilização de máscaras e distanciamento por pessoa.

Além disso, a volta acontecerá em duas etapas. Inicialmente, apenas pequenos negócios, administrados por famílias e que tenham um número reduzidos de funcionários. Na sequência, demais setores como empresas e fábricas.

Para poder funcionar, as empresas deverão adotar serviço de escala entre os funcionários e deverão respeitar o distanciamento de 2 metros. Além disso, os contratantes deverão fornecer equipamentos de segurança como máscaras e luvas.

Outra decisão também acordada foi a abertura dessas atividades por segmento. Cada setor contará com um horário para evitar que o fluxo nos ônibus não apresente aglomerações. No que diz respeito a bares e restaurantes, estes deverão manter o serviço via delivery e o consumo no local segue vetado.

Já as atividades vinculadas ao Poder Executivo, estas poderão ser retomadas a partir do dia 1 de junho, também sob a obrigatoriedade de máscaras, revezamento dos servidores, afastamento daqueles que estão em grupo de risco e o atendimento externo ao público segue suspenso até o dia 7 de junho.

Distrito Federal

Em Brasília, os shoppings foram reabertos nesta quarta-feira, 27. De acordo com o decreto do poder público, as atividades serão retomadas sob fiscalização da vigilância sanitária de modo que possa evitar o descumprimento da utilização de máscaras e aglomerações. Ao todo, serão reabertos 20 centros comerciais.

Ciente de que a população seguirá restrita as atividades em espaços públicos ou que aglomerem pessoas, a Fecomércio-DP estará ofertando, gratuitamente, testes rápidos de covid-19 para os funcionários, desejando certificar que não há contaminação. Serão ofertados 500 exames por dia, que deverão ser realizados na unidade do Sesc da 504 Sul, a partir das 9h.

Quem desejar realizar o exame deve levar a credencial de comerciário ou a carteira de trabalho para comprovar o vínculo empregatício. Além disso, precisará criar um cadastro no site do governo. Os shoppings só poderão ter 50% do estacionamento utilizado e será proibido o consumo de comidas.

No que diz respeito a outros serviços como feiras públicas, bares, restaurantes e demais atividades, até o momento as portas seguem fechadas e não há previsão para retomada.

Belo Horizonte

Em BH, o prefeito Alexandre Kelil permitiu que alguns setores retomassem as atividades na última segunda-feira, 25. De acordo com o seu decreto, o procedimento de reabertura acontecerá em quatro etapas, onde os serviços voltarão a funcionar de forma gradativa.

Todos os estabelecimentos precisarão cumprir as medidas de segurança como a utilização de máscara e rodizio de servidores.

Na sequência, a prefeitura irá permitir demais setores que não foram incuídos como serviços públicos, judiciais, entre outros. Além das medidas de cuidado, a gestão está disponibilizando também a realização de testes rápidos contra o covid-19. A aplicação deve ocorrer em cerca de 30 mil pessoas e será gratuita.

São Paulo

Na coletiva realizada no Palácio dos Bandeirantes nesta quarta-feira, 27, o Governador João Doria especificou as regras para a retomada por meio do projeto Plano São Paulo.

Para começar, a quarentena no estado, que acabaria em 1º de junho, foi prorrogada por mais 15 dias. A partir de segunda-feira, 1º, acontecerá a “retomada consciente”, a princípio em regiões proporcionalmente menos afetadas pelo coronavírus, de forma gradual e heterogênea.

As consequências da abertura gradual serão analisadas por 15 dias, até que uma nova determinação sobre as restrições seja divulgada.

O plano prevê cinco etapas, que serão divididas por critérios definidos pela secretaria estadual da Saúde e pelo Comitê de Contingência para Coronavírus. São elas:

- Fase 1 (vermelha): alerta máximo, funcionamento permitido somente aos serviços essenciais;
- Fase 2 (laranja): controle, possibilidade de aberturas com restrições;
- Fase 3 (amarela): abertura de um número maior de setores;
- Fase 4 (verde): abertura de um número maior de setores em relação à fase 3;
- Fase 5 (azul): “normal controlado”; todos os setores em funcionamento, mas mantendo medidas de distanciamento e higiene.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.