x

Desemprego

Pedidos de seguro-desemprego aumentaram 13,4% em 2020 na parcial de julho

O relatório de pedidos de seguro-desemprego do Ministério da Economia mostra que já foram registrados ao todo 4,23 milhões de pedidos em 2020.

23/07/2020 09:45:01

1,2 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Pedidos de seguro-desemprego aumentaram 13,4% em 2020 na parcial de julho

O número de pedidos de seguro-desemprego registrados até o dia 15 de julho deste ano, mostra um aumento de 13,4% nas solicitações quando comparado com o mesmo período do ano passado.

De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia nesta quarta-feira (22), foram apresentados 4,239 milhões de pedidos de seguro-desemprego em 2020, sendo 502,1 mil a mais na comparação com o mesmo período de 2019.

Já na comparação mensal, os números mostram outra realidade. O total de pedidos caiu 1,9% na comparação entre a primeira quinzena de julho de 2020 e a primeira quinzena de julho de 2019 (5.702 pedidos a menos).

A queda nos pedidos de julho ocorre em um momento em que o governo tem afirmado que a economia tem dado sinais de recuperação.

Ontem, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou que "o fundo do poço" da economia brasileira foi no final de abril e começo de maio e que indicadores recentes mostram recuperação.

Campos Neto repetiu a avaliação de que a estimativa do BC para o PIB neste ano, com queda de 6,4%, é pessimista. Para ele, a perspectiva é melhor.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.