x
CONTEÚDO notícias

prorrogação

Auxílio Emergencial: Governo avalia pagar os R$ 600 por mais um mês

Governo pagaria mais um mês do valor total do Auxílio Emergencial e estudaria outras prorrogações com valores menores.

19/08/2020 15:20:01

7,5 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Auxílio Emergencial: Governo avalia pagar os R$ 600 por mais um mês

Neste mês, está sendo paga a quinta e última parcela do Auxílio Emergencial do governo de RS$ 600. O pagamento é uma extensão do programa que estava previsto para durar, inicialmente, apenas três meses, mas que precisou ser revisto devido a permanência da pandemia.

Agora, o governo estuda estender pela segunda vez o Auxílio Emergencial, sendo apenas mais uma parcela, a sexta no total, com o valor de R$ 600. A ideia é que, se houver necessidade da liberação de outras prestações, essas sejam com valores menores de R$ 200 ou R$ 300.

Para isso, o presidente Jair Bolsonaro precisará editar uma nova medida provisória ainda em agosto e, então, por se tratar de MP, a validade será imediata.

Prorrogação Auxílio Emergencial

A CNN já havia antecipado que o ministro Paulo Guedes admitiu a possibilidade de prorrogar o benefício. De acordo com ele, com moderação e sem furar o teto de gastos, o que dificulta a conta.

Inicialmente, o benefício seria pago até junho mas, após uma reavaliação entre políticos e a ala econômica, o governo liberou o auxílio por mais dois meses, relativos a julho e agosto. Houve pressão, no entanto, para o calendário ser revisto novamente.

A proposta de pagar o benefício dentro dos mesmos patamares atuais, para só então reduzi-lo, se enquadra na tese de "desmame gradual" da medida, para que os beneficiários não fossem tão impactados pelo término.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.