x
CONTEÚDO notícias

Banco Central

Pix soma mais de 1 milhão de transações no primeiro dia

O Pix começou a operar de forma plena nesta segunda-feira (16) com alta movimentação de valores e incidentes pontuais, segundo o BC.

17/11/2020 09:15:02

1,9 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Pix soma mais de 1 milhão de transações no primeiro dia

O Pix, novo sistema de pagamento instantâneo do Banco Central (BC), entrou em vigor ontem para toda a população e somou mais de 1 milhão de transações até as 18 horas. Em valores de transferência, foram R$ 777,3 milhões movimentados, com valor médio foi de R$ 773,43.

De acordo com o BC, no primeiro dia de funcionamento do sistema, foram registrados apenas "incidentes pontuais".

"A avaliação do Banco Central é que o primeiro dia de operação ampla do PIX transcorreu de forma absolutamente normal, com incidentes pontuais esperados para o primeiro dia de operações amplas, e com números expressivos, comprovando a efetividade do novo meio de pagamento e o enorme interesse dos usuários", informou o órgão por meio de nota.

O sistema está disponível para clientes de 734 bancos, corretoras e instituições financeiras que operam no país. Já são 73,1 milhões de chaves cadastradas.

O principal objetivo do sistema é aumentar a digitalização das transações financeiras no Brasil. Segundo o BC, a adesão também ajudará a aumentar a competição no mercado financeiro e reduzir o uso de papel moeda.

Com o lançamento do novo sistema de transferência bancária, o mercado espera que o Pix seja o grande substituto de DOCs e TEDs, já que o sistema é gratuito e está disponível a qualquer hora, sete dias por semana.

Além disso, o Pix também servirá para efetuar compras on e offline. Por ser instantâneo, as trocas devem ocorrer em até 10 segundos.

Quem pode usar o PIX

O Pix está autorizado a ser usado por todas as pessoas e empresas que tiverem contas correntes em instituições financeiras do país.

De acordo com o Banco Central, 734 instituições terão o PIX disponível para toda a base de clientes a partir desta segunda-feira. Outras 19 não realizaram todos os testes durante o período de operação restrita e, portanto, retornaram à etapa de homologação, não ofertando o PIX nesse momento.

Para as pessoas físicas, antes de usar o serviço é preciso cadastrar uma Chave PIX, que é uma 'identificação' no sistema.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.