x

Fraude

PF realiza operação contra fraudes no Auxílio Emergencial em 14 estados

Ação contra fraude no Auxílio Emergencial cumpre sete mandados de prisão e 42 de busca e apreensão, além do sequestro de bens de suspeitos.

10/12/2020 12:00:01

2,8 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

PF realiza operação contra fraudes no Auxílio Emergencial em 14 estados

A Polícia Federal deflagrou uma operação para apurar fraudes no recebimento do Auxílio Emergencial em 14 estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Espírito Santo, Bahia, Santa Catarina, Tocantins, Paraná, Goiás, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Maranhão, Piauí e Mato Grosso do Sul.

A Operação Segunda Parcela cumpre 42 mandados de busca e apreensão, 7 mandados de prisão e 13 mandados de sequestro de bens. Ao todo, mais de 150 policiais participam da ação.

Foi determinado o bloqueio de valores de até R$650 mil, em diversas contas que receberam benefícios fraudados.

“As medidas são parte de uma Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial, da qual participam a Polícia Federal, o Ministério Público Federal o Ministério da Cidadania, a Caixa, a Receita Federal, a Controladoria-Geral da União e o Tribunal de Contas da União, com o objetivo de identificar a ocorrência de fraudes massivas e desarticular a atuação de organizações criminosas”, informou a PF, em nota.

A PF disse ainda que essa ação integrada contra as fraudes detectou e bloqueou o cadastramento de mais de 3,8 milhões de pedidos irregulares, o que impediu o pagamento indevido de, no mínimo, R$ 2,3 bilhões, considerando apenas o pagamento de uma das parcelas de R$ 600,00, em cada pedido.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.