x

pandemia

Auxílio Emergencial: Prefeitura de Recife anuncia benefício para integrantes do Carnaval

O Auxílio Emergencial de Carnaval será pago para 160 agremiações e 900 atrações artísticas que apresentaram no ano passado.

10/02/2021 11:15:01

1 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Auxílio Emergencial: Prefeitura de Recife anuncia benefício para integrantes do Carnaval

Em Recife, integrantes do Carnaval da cidade terão ajuda financeira para minimizar os impactos econômicos do cancelamento da festa neste ano. A prefeitura anunciou que irá pagar um valor, que ainda será calculado de acordo com o cachê ou subvenção concedido durante o evento do ano passado, para 160 agremiações e 900 atrações artísticas que se apresentaram em 2020. 

O projeto, nomeado de AME Carnaval (Auxílio Muncipal Emergencial), deverá respeitar o teto de R$10 mil por beneficiário. Para ter acesso ao valor, é necessário fazer uma inscrição, que só é válida para quem estiver sediado em Recife e tiver participado da programação oficial do Carnaval do ano passado.

No total, a iniciativa distribuirá cerca de 4 milhões de reais, sendo que 1,5 milhão foi injetado pela Ambev, maior patrocinadora do Carnaval de Recife.

"Nenhuma contrapartida obrigatória será exigida aos contemplados pelos recursos, destinados à sobrevivência das classes artísticas às quais a maior celebração do calendário festivo pernambucano costuma assegurar palco e passarela, trabalho e renda", afirmou a prefeitura em nota.

Carnaval de Recife suspenso 

Em dezembro, o Carnaval 2021 já havia sido suspenso pelo estado de Pernambuco. Shows, festas, eventos e desfiles sem ingresso prévio foram suspensos para evitar aglomerações, tradicionais do feriado. 

As medidas foram delineadas para frear o espalhamento da Covid-19 na região. O governo também cancelou o feriado e suspendeu os pontos facultativos, que neste ano seriam em 15 e 16 de fevereiro (segunda e terça-feira).

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.